Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Viagens > Geoturismo: A Nova Abordagem Do Turismo

Geoturismo: A Nova Abordagem Do Turismo

Categoria: Viagens
Geoturismo: A Nova Abordagem Do Turismo

Geoturismo é uma proposta lançada pela National Geographic Center for Sustainable Destinations, nos Estados Unidos, com base em princípios para a gestão do turismo. Em janeiro de 2008, a Guatemala firmou convênio com a National Geographic Society para implantação dos critérios do Geoturismo, passando a ser o sexto país a adotar essa atitude, junto com o Peru, Honduras, Romênia, Ilhas Cook e Noruega.

Geoturismo é definido como “o turismo que sustenta e realça as características geográficas de um lugar, seu meio ambiente, sua cultura, sua estética, favorecendo o bem-estar da população residente”. Segundo Tourtllot, o Geoturismo:

- É sinérgico. O conjunto dos elementos cria uma experiência maior que a soma das partes;
- Produz informações para o turista e para o morador do lugar. As pessoas criam orgulho pelo acervo turístico do destino e habilidades para mostrá-lo;
- Beneficia economicamente a comunidade do destino;
- Preserva a integridade do meio ambiente;
- Proporciona viagens enriquecidas por momentos inesquecíveis. Os turistas retornam com conhecimentos novos, contam histórias e estimulam pessoas a visitar o lugar.

Uma das atribuições que o Geoturismo focaliza é que o turista possa ter momentos incríveis, que ele tenha um senso de lugar em cada região que ele for conhecer e visitar, que ele receba excelentes serviços em todos os aspectos, seja na hospitalidade, alimentação, transporte, cultura, lazer!

Senso de lugar
É preciso compreender a dinâmica da experiência do visitante, seus impactos sobre o destino e as pessoas que nele vivem, o que os turistas procuram em suas viagens e quando selecionam os destinos. O senso de lugar considera que:
1) Pessoas viajam à procura de emoções ou senso de lugar;
2) Elas julgam a qualidade dos espaços por esse senso de lugar;
3) O senso de lugar desempenha papel significativo nas escolhas dos turistas;
4) A comercialização de um destino é a comercialização do seu senso de lugar;
5) Entre todos os elementos que afetam o senso de lugar, as pessoas e sua cultura são os mais importantes.

O planejamento do destino em base cultural é focado nos cinco sentidos: visão, audição, tato, paladar e olfato. Abrem-se oportunidades para a música, a dança, os cenários, as roupas típicas, a gastronomia e demais componentes da cultura local.


Vicente Silva

Título: Geoturismo: A Nova Abordagem Do Turismo

Autor: Vicente Silva (todos os textos)

Visitas: 0

457 

Comentários - Geoturismo: A Nova Abordagem Do Turismo

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Um sinal de compromisso

Ler próximo texto...

Tema: Jóias Relógios
Um sinal de compromisso\"Rua
Exibir uma aliança de compromisso é, frequentemente, motivo de orgulho e, quando se olha para ela, vai-se rodando-a no dedo e fica-se com aquela expressão ridícula na cara.

Uma questão se coloca: qual a razão de estas alianças de compromisso serem tão fininhas: será porque os seus principais clientes, os jovens, são sujeitos de poucas posses (tendendo as mesadas a emagrecer ainda mais com a crise generalizada) ou porque esse compromisso, não obstante a paixão arrebatadora, é frágil e inseguro?

Sim, porque aqui há que fazer cálculos matemáticos: x compromissos vezes y alianças…com um orçamento limitado sobre um fundo sentimental infinito…

Depois, importa perpassar os tipos destas alianças. Há as provisórias, que duram em média quinze dias; há as voadoras, que atravessam os ares à velocidade da luz quando a coisa dá para o torto; há as que insistem em cair do dedo, sobretudo em momentos em que ter um compromisso se revela extremamente inoportuno; e depois há as residentes, que uma vez entradas não tornam a sair.

Os pombos-correios usam anilhas onde figuram códigos que os identificam. Talvez não fosse completamente descabido fazer umas inscrições deste género em algumas alianças de compromisso por aí…

Só para ajudar os mais esquecidos a recordarem a que “pombal” pertencem.

Pesquisar mais textos:

Rua Direita

Título:Um sinal de compromisso

Autor:Rua Direita(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários

  • Luene ZarcoLuene

    22-09-2014 às 05:46:10

    Um sinal de amor e lealdade perpétua! Adoro ver os vários modelos de aliança! Vale a pena escolher uma bem bonita!

    ¬ Responder

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios