Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Saúde > Acne – Causas e Remédios

Acne – Causas e Remédios

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Categoria: Saúde
Visitas: 2
Comentários: 3
Acne – Causas e Remédios

Enfrentar o mundo é difícil e fazê-lo todos os dias é quase um sacrifício para muita gente, mas sair à rua e partir à luta com borbulhas estampadas no rosto é caótico. Viver com comichão na cara, sabendo que se coçar sangra, faz ferida, tem mau aspeto, dói e muito, muito mais coisas, é viver muitas vezes na escuridão. Deixamos de ser pessoas com boa cara e muitas são as vezes em que nos apontam o dedo e comentam que a nossa cara está em ruínas ou que mais parece as crateras da lua.

Viver com acne não é fácil, aliás, pode ser muito difícil. Uma pessoa com acne sente-se excluída, triste na maior parte das vezes e quando lida com pessoas que cuja pele brilha e encandeia, sente melancolia permanente. Situações como a acne levam muitas vezes à depressão e ao esgotamento, ao isolamento e solidão. Ter acne fere a cara e a alma.

Mas afinal o que é a acne? Designa-se exatamente por isto: “A acne é uma alteração cutânea, inflamatória da unidade pilosebássea, podendo surgir na face, barriga, tronco, costas entre outras regiões do corpo. Não possui fator definitivo para o seu surgimento, sendo na maioria dos casos multi-fatorial”.

O acne é uma doença e surge na maior parte das vezes na adolescência, o que arrasa, literalmente com o ego e a autoestima. Muito resumidamente as hormonas despoletam a seborreia (produção de sebo). Esta por sua vez, cria um tipo de rolhão que impede a pele de expulsar o folículo. Consequentemente estes restos criam bactérias e inflamam, dando o aspeto que já conhecemos.

Pontos negros ou brancos, borbulhas com pus e leseis inflamatórias são as consequências visíveis desta disfunção.

Apesar de grave, a acne tem cura. Existe no mercado uma variedade bastante grande de produtos que ajudam a controlar o nascimento e desenvolvimento das borbulhas. De pomadas a hidratantes, sabonetes de limpeza e até comprimidos podem muitas vezes trazer esperança a quem desespera com este problema de saúde.

Uma limpeza completa é o ideal e não mexa nas feridas e nas borbulhas. Aliás, não mexa na cara, puro e simplesmente. As mãos são zonas oleosas e se a sua cara absorve tudo o que é gordura, lembre-se de evitar mexer na cara. Em caso algum deve espremer borbulhas pois a zona vai acabar por ficar marcada.

Em todo o caso, o melhor para enfrentar e matar de vez o problema da acne é consultar um dermatologista. Ele, melhor que ninguém o poderá ajudar a resolver o teu problema.


Carla Horta

Título: Acne – Causas e Remédios

Autor: Carla Horta (todos os textos)

Visitas: 2

765 

Imagem por: compugeek722

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 3 )    recentes

  • Luene ZarcoLuene

    25-07-2014 às 02:08:26

    A acne causa até baixa autoestima em muitas meninas, senão todas! É muito bom saber dessas causas bem como os remédios que podemos utilizar para acabar com elas. Muito bom!

    ¬ Responder
  • M.L.E.- Soluções de ClimatizaçãoTeresa Maria Batista Gil

    07-08-2012 às 13:25:28

    A acne é um problema de pele desagradável e inestético.Pode contribuir para baixar a auto-estima dos adolescentes e adultos. Por isso deve ser tratado logo no início. Os produtos devem ser muito suaves e neutros.Quem tem uma pele acneica não deve esfregar a pele para não irritar a agravar a acne. O ideal é usar um leite muito suave e hipoalergénico passando-o com um algodão suavemente.Depois deve retirar-se com água sem repuxar a pele e limpar sem esfregá-la.Deve ter-se em casa sempre um creme hidratante para peles acneicas para aplicar a seguir á limpeza. Em vez do leite pode também limpar-se com água e sabão, sempre neutro. Os detergentes com químicos agravam e irritam a pele.Se antigamente a acne juvenil desaparecia por volta dos 20 anos, atualmente há cada vez mais casos resistentes ou que surgem na idade adulta. Um dos fatores desencadeantes é a exposicão solar.A exposição solar contraria o mito de que o sol seca as borbulhas. Por isso já existem produtos específicos para o verão para minimizar os efeitos nefastos do sol que se apanha na piscina e praia.Há por exemplo gamas apropriadas para a pele acneica, como a Noviderm que incluiu gel lavante purificante que atua na prevenção de reações e, como complemento uma máscara esfoliante desencrustante.Esta máscara , afina os grãos da pele, esfolia e desencrusta as impurezas, graças aos péptidos de quinoa e aos seus complexos de origem natural. Absorve o excesso de sebo e deixa a pele mate.As pessoas que sofrem de acne, devem sempre proteger a pele, com um protetor específico para as peles sensíveis. Os cuidados solares devem ser redobrados e personificados, com uma proteção UV. A alimentação é um fator importante para ter a pele bonita e sem borbulhas. por isso deve haver o cuidado de a escolher em função das suas vitaminas e sais minerais. Os legumes e vegetais sobressaiem como os melhores para ela.A vitamina C é importante para a pele. Aliás é chamada a vitamina da beleza. Deve pois ser incluída na ementa diária ou tomá-la como um suplemento. E, quem não gosta de beber sumo de citrinos, laranja ou limão, durante o dia. Além de hidratarem o corpo por fora e por dentro contribuem para realçar a beleza da pele. A água também não deve ser descuidada pois é um grande benefício para a hidratação e bom funcionamento do organismo.

    ¬ Responder
  • M.L.E.- Soluções de Climatizaçãokaty

    01-08-2012 às 23:08:47

    gostei mto dessas irfomações!!

    ¬ Responder

Comentários - Acne – Causas e Remédios

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Dicas para decorar salas pequenas.

Ler próximo texto...

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Tema: Decoração
Dicas para decorar salas pequenas.\"Rua
A realidade das grandes cidades é que a maioria das pessoas mora em espaços pequenos. É fato também que todos desejam ter um ambiente acolhedor e aconchegante para receber amigos. Em contrapartida, na medida em que os espaços encolhem, a quantidade de aparelhos eletrônicos que utilizamos aumenta cada vez mais. Há ainda quem use a sala como home-office.

Nesta busca de inspiração para organizar e incrementar sua sala, encontramos uma série de sites especializados e blogs com muitas, muitas ideias. O conceito de D.I.Y. (do it yourself) que significa "faça você mesmo” nunca esteve tão na moda. É uma alternativa para reduzir gastos com mão de obra e nada melhor do que criar um espaço com um toque todo seu. Inspirações e ideias não faltam. Hoje, de certa forma todos nos sentimos meio decoradores.

Mas planejar a decoração de uma sala pequena exige alguns cuidados para que o ambiente não fique entulhado de móveis, disfuncional ou até mesmo desagradável.

Confira algumas dicas para decorar sua sala com estilo e valorizando seu espaço:
Os espelhos, além da autocontemplação, causam efeitos interessantes. Aplicados, por exemplo, em uma parede inteira pode duplicar a amplitude do ambiente. Pode ser usado também em móveis, tetos, em diversos formatos e valorizar a luminosidade da decoração.

As cores tem poder de causar sensações. Em ambientes com pouco espaço, elas podem colaborar para que a sensação de amplitude possa tanto aumentar quanto diminuir. Para pintar as paredes de sua sala aposte em cores claras. O teto com uma cor mais clara que a das paredes, por exemplo, pode simular uma elevação do teto, já em uma cor mais escura, promoverá uma sensação de rebaixamento do teto.

A escolha e posição dos móveis são um aspecto muito importante. Opte por poucos móveis, nunca de tamanhos exagerados e posicione-os de forma que valorize o espaço. Móveis que misturam poucos materiais, baixos e com linhas retas proporcionam leveza ao ambiente.

Uma solução muito interessante para espaços pequenos é a utilização de prateleiras. Caixas para produtos horto frutícolas reformadas podem se tornar lindas prateleiras. Mas cuidado com a profundidade, para não atrapalhar na disposição de outros móveis e objetos.

Móveis multifuncionais ou móveis inteligentes são excelentes alternativas para uma sala pequena. Um bom exemplo são pufes, que podem ser usados como mesas de centro ou ficarem alojados debaixo de aparadores e quando recebemos visitas podem se transformar em assentos extras. Mesas dobráveis também são uma ótima opção.

Escolher o mesmo piso ou revestimento pode dar a impressão de área maior, de continuidade. Mudanças drásticas de um ambiente para outro pode causar a sensação de divisão e consequentemente fazer parecer menor.

Algumas outras dicas: um sofá retrátil ou reclinável garante muito mais conforto e ocupa o espaço de um sofá simples. Suporte ou painéis móveis para TV possibilitam que ela seja movida na direção desejável. Caso o ambiente tenha escadas, escolher um modelo de escadas vazadas evita divisões e pode se tornar uma peça de destaque na sala. E para as cortinas, escolha tecidos leves, lisas e sem estampas.

De qualquer forma, ouse, não tenha medo de arriscar, crie, não copie, só assim será seu!

Luciana Santos.

Outros textos do autor:
Dicas para decorar salas pequenas.

Pesquisar mais textos:

Luciana Maria dos Santos

Título:Dicas para decorar salas pequenas.

Autor:Luciana Maria Santos(todos os textos)

Imagem por: compugeek722

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários

  • Carlos Rubens Neto 16-06-2016 às 16:20:24

    Excelente matéria! Parabéns Luciana ;)

    ¬ Responder

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios