Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Máquinas > O futuro está nas máquinas?!

O futuro está nas máquinas?!

Categoria: Máquinas
O futuro está nas máquinas?!

Mas já são horas de acordar? É o despertador que nos chama para o duche, que graças ao sistema de distribuição de águas e de gás e ao esquentador, nos aquece o corpo.

À hora do pequeno almoço vivemos das máquinas que amassaram o pão, fizeram o café (desde a sua produção até à chávena), trataram o leite e das que colheram, seleccionaram e empacotaram os nossos cereais.

Quando escolhemos a vestimenta que protege do frio ou encanta a vista, optamos por um determinado sistema de máquinas que elaborou, confeccionou e distribuiu a roupagem de todo o corpo social humano.

Um momento depois, o relógio indica que é tempo de nos pormos à estrada. Ela própria construída por vários sistemas de maquinaria, permitindo o uso mais rápido de viaturas, também estas geradas por mecanismos de equiparada complexidade. A evolução dos elementos que constituem esses sistemas reflecte directamente a sua crescente qualidade, performance e segurança.

Impensável é a vida actual sem a intervenção das máquinas. Elas ocupam em todas as esferas humanas, um lugar de ajuda complementar na realização de todas as tarefas ou actividades diárias. Basta olhar para os equipamentos que se apresentam no local de trabalho, no lar e no espaço de lazer, cada um com características adequadas às funções ou aos objectivos a que são destinados.

Na Amazónia, nos Himalais, ou algures por aí, há tribos humanas que sobrevivem sem o apoio das máquinas. Mas mesmo assim, para poderem realizar determinadas tarefas, necessitam dos utensílios que consituem a essência-base da sua construção.

Ainda permanece por todo o planeta, um tipo universal de máquina - uma das mais perfeitas - o corpo humano. À semelhança de outra congénere é constituído por um conjunto de mecanismos que desempenham funções específicas. O seu resultado interage em cadeia com outros, de forma a concretizarem um objectivo comum. Qualquer alteração numa das peças do sistema periga a sua coordenação eficiente e o produto final.

Soa por aí, que as máquinas do futuro terão a capacidade de detectar as suas falhas ou desvios e de corrigi-los quase automaticamente. Há cientistas que até prevêem que elas possam substituir as suas peças gastas ou danificadas. Quem sabe se estes avanços nos podem dar uma mãozinha para reduzir a dor e a degeneração dos nossos corpos? As investigações biónicas crêem que sim. Resta saber em que formato.



Carla Santos

Título: O futuro está nas máquinas?!

Autor: Carla Santos (todos os textos)

Visitas: 0

631 

Comentários - O futuro está nas máquinas?!

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Manutenção Automovel

Ler próximo texto...

Tema: Automóveis
Manutenção Automovel\"Rua
Faça você mesmo a revisão do seu automóvel e poupe dinheiro em oficinas. Primeiro verifique com a ajuda de outra pessoa a iluminação exterior. Uma pessoa fica no interior do carro e liga as luzes, verifique á frente os mínimos, os médios, os máximos e os piscas. Depois atrás verifique os mínimos os stop a marcha atrás e o farol de nevoeiro.

A seguir verifique a iluminação do interior do veículo e do painel de instrumentos e a afinação do travão de mão.

Agora está na hora de verificar os filtros de ar, gasóleo e habitáculo. Dependendo da utilização eles podem fazer em média 40.00km, se estiverem sujos substitua-os por novos.

A seguir vem a mudança do óleo este em geral pode-se retirar pelo bujão de vazamento do cárter, convém substituir a anilha e o filtro de óleo. O óleo novo deve respeitar as especificações do fabricante, verificar no livro de manual de utilizador do veículo os litros de óleo do motor. Meter o óleo novo pelo bucal superior do motor com a ajuda de um funil, o nível do óleo não pode ultrapassar o máximo. Se não sabe a quantidade de óleo deite 4 litros e depois verifique o nível pela vareta de verificação de nível e vá deitando até chegar ao nível certo.

Agora é preciso verificar as pastilhas de travões, hoje em dia como quase todos os veículos têm jantes especiais consegue verificar sem desmontar as rodas. Substituir se necessário as pastilhas, ao desmontar repare como desmonta para depois voltar a montar tudo de novo. Por fim verifique a pressão dos pneus com um manómetro, a pressão indicada varia de carro pra carro se não sabe a pressão indicada ponha 2.2bar que é em média a pressão que todos utilizam.

Convém dizer que qualquer material que precise basta procurar numa loja de peças auto próxima de si ou então encomendar via net pois existem vários sites especializados em peças e materiais de manutenção auto. Vai ver que não custa nada se eu aprendi você também pode aprender e além disso fica a conhecer melhor o seu carro.

Com isto tudo pode poupar em média 200€ por cada revisão.
Obrigado e até a próxima.

Outros textos do autor:
Manutenção Automovel

Pesquisar mais textos:

Vendas Online

Título:Manutenção Automovel

Autor:Vendas Online(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários

  • Rua DireitaRua Direita

    17-06-2014 às 04:55:10

    Há inúmeros benefícios para fazer a manutenção do automóvel, pois isso garante melhor preservação do veículo e se prolonga o uso por muitos e muitos anos.
    Cumprimentos,
    Sophia

    ¬ Responder

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios