Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Informática > Veja alguns cuidados e dicas para fazer a limpeza de seu notebook

Veja alguns cuidados e dicas para fazer a limpeza de seu notebook

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Categoria: Informática
Veja alguns cuidados e dicas para fazer a limpeza de seu notebook

Da mesma maneira que os desktops precisão de limpezas periódicas, os notebooks também. Isso é um dos fatores que contribui para o bom funcionamento de seus periféricos e a prevenção no acumulo de sujeira.

Além de cuidados com a “saúde” do notebook, as limpezas cuidam da sua também. Pois com o passar do tempo, poeira, farelo de comida, entre outros, podem ocasionar o desenvolvimento de bactérias que causam malefícios a você.

Por isso a importância de realizar uma limpeza eficaz e de maneira correta. Para isso, foram selecionadas algumas dicas importantes nessa matéria, que ajudarão você a fazer a faxina em seu notebook. Confira!

Materiais necessários
Para começar a limpeza em seu notebook, os seguintes materiais serão necessários:
- pano macio (sem fiapos);
- pincel fino de cerdas macias;
- cotonete;
- água e lata de ar comprimido.

Se você preferir, pode comprar mini aspiradores de pó próprios para a limpeza de teclados e periféricos de computadores e notebooks. Em sites na internet ou lojas do ramo de informática, você encontrará esse produto.
Se você for utilizar produtos de limpeza específicos para notebooks, não o aplique diretamente. Não utilize os produtos de limpeza comuns (abrasivos ou multiuso), pois eles podem danificar seriamente os periféricos de sua máquina.

Limpeza: Dicas e cuidados

Comece a limpeza pela parte externa do notebook, excluindo a tela, teclado, entradas e saídas da máquina. Umedeça um dos panos com um pouco de água e passe por toda a superfície do aparelho. Com o outro pano, seco, passe pelo notebook para remover qualquer excesso de umidade.

Com o cotonete, limpe as entradas e saídas do aparelho. Mas, passe apenas nas bordas, pois é perigoso enroscar e soltar fiapos dentro dos conectores. O pincel também pode ajudar nessa tarefa.

A tela LCD deve ser limpa com a utilização de um pano macio, esfregando de leve sobre a tela, de forma a retirar a parte grossa da sujeira. Se tiver marcas de gordura, umedeça um pouco o pano ou utilize um produto específico para remover a marca. Lembre-se de nunca espirar o produto diretamente na tela, mas sim no pano.

Comece a limpeza do teclado passando um pano umedecido. As sujeiras que estão acumuladas entre as teclas, podem ser retiradas com a ajuda de uma lata de ar comprimido ou mini aspiradores de pó, sendo auxiliados por um pincel macio.

Pronto. Agora seu notebook está limpo e higienizado. Durante a realização do procedimento, tenha bastante cuidado. Pois os periféricos desses aparelhos são sensíveis a muitas coisas.
Obteve o resultado que você desejava com a limpeza? Compartilhe aqui no ruadireita a sua experiência!



Lucas Souza

Título: Veja alguns cuidados e dicas para fazer a limpeza de seu notebook

Autor: Lucas Souza (todos os textos)

Visitas: 0

676 

Comentários - Veja alguns cuidados e dicas para fazer a limpeza de seu notebook

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Autobiografia de Alice B. Toklas, de Gertrude Stein, pela primeira vez em Portugal

Ler próximo texto...

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Tema: Literatura
Autobiografia de Alice B. Toklas, de Gertrude Stein, pela primeira vez em Portugal\"Rua
Gertrude Stein foi uma escritora de peças de teatro, de peças de opera, de ficção, de biografia e de poesia, nascida nos Estados Unidos da América, e escreveu a Autobiografia de Alice B. Toklas, vestindo a pele, e ouvindo pela viva voz da sua companheira de 25 anos de vida, os relatos da historia de ambas, numa escrita acessível, apresentando situações caricatas ou indiscretas de grandes vultos da arte e da escrita da sua época. Alice B. Toklas foi também escritora, apesar de ter vivido sempre um pouco na sombra de Stein. Apesar de ambas terem crescido na Califórnia, apenas se conheceram em Paris, em 1907.


Naquela altura, Gertrude vivia há quatro anos com o seu irmão, o artista Leo Stein, no numero 27 da rue de Fleurus, num apartamento que se tinha transformado num salão de arte, recebendo exposições de arte moderna, e divulgando artistas que viriam a tornar-se muito famosos. Nestes anos iniciais em Paris, Stein estava a escrever o seu mais importante trabalho de início de carreira, Three Lives (1905).


Quando Gertrude e Alice se conheceram, a sua conexão foi imediata, e rapidamente Alice foi viver com Gertrude, tornando-se sua parceira de escrita e de vida. A casa, como se referiu atrás, tornou-se um local de reunião para escritores e artistas da vanguarda da época. Stein ajudou a lançar as carreiras de Matisse, e Picasso, entre outros, e passou a ser uma espécie de teórica de arte, aquela que descrevia os trabalhos destes artistas. No entanto, a maior parte das críticas que Stein recebia, acusavam-na de utilizar uma escrita demasiado densa e difícil, pelo que apenas em 1933, com a publicação da Autobiografia de Alice B. Toklas, é que o trabalho de Gertrude Stein se tornou de facto reconhecido e elogiado.


Alice foi o apoio de Gertrude, foi a dona de casa, a cozinheira, grande cozinheira aliás, vindo mais tarde a publicar algumas das suas receitas, e aquela que redigia e corrigia o que Gertrude lhe ditava. Assim, Toklas fundou uma pequena editora, a Plain Editions, onde publicava o trabalho de Gertrude. Aliás, é reconhecido nesta Autobiografia, que o papel de Gertrude, no casal, era o de marido, escrevendo e discutindo arte com os homens, enquanto Alice se ocupava da casa e da cozinha, e de conversar sobre chapéus e roupas com as mulheres dos artistas que visitavam a casa. Depois da morte de Gertrude, Alice continuou a promover o trabalho da sua companheira, bem como alguns trabalhos seus, de culinária, e um de memórias da vida que ambas partilharam.


Assim, este livro que inspirou o filme “Meia noite em Paris”, de Woody Allen, é um livro a não perder, já nas livrarias em Portugal, pela editora Ponto de Fuga.

Pesquisar mais textos:

Liliana Félix Leite

Título:Autobiografia de Alice B. Toklas, de Gertrude Stein, pela primeira vez em Portugal

Autor:Liliana Félix Leite(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios