Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Outros > Traumatismo cervical

Traumatismo cervical

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Categoria: Outros
Traumatismo cervical

O traumatismo cervical define-se como uma lesão provocada , quando o pescoço é anormalmente deslocado.

É ainda um termo usado para descrever inúmeras lesões causadas quando o pescoço é rápida e repentinamente forçado a mover-se para trás e depois para a frente, ou para a frente e depois para trás, ou ainsa de lado a lado.

Estes movimentos, podem resultar de acidentes de trênsito, pancadas na cabeça ou quedas durante desportos de contato.

Os ossos da coluna vertebral do Homem, servem para proteger a frágil medula espinal no seu interior.

A coluna cont~´em 33 vértebras e se houver um traumatismo cervical, este afeta as sete do topo.

As vértebras estão ligadas umas às outras por tecidos conjuntivos fibrosos chamados ligamentos.

Estes estão ainda ligados aos músculos circundantes, por tendões.

Quando há um incidente, estes tecidos, podem sofrer lesões.

No caso de haver um incidente em que o carro, atinge a vítima por trás, a cabeça é muito rápidamente projetada para trás e depois para a frente. Mas, se o súbito movimento do pescoço for devido a uma desaceleração muito abruta, a cabeça é sacudida na direção oposta, para a frente e depois para trás.

Ambos os casos, podem resultar em traumatismos cervicais que podem ir desde a rigidez a perda demovimento cervical e dores de costas e ombros, dores de cabeça, e até torpor que pode descer pelos ombros, braços e mãos.

Embora o traumatismo cervical seja considerado uma lesão relativamente pouco grave, qualquer lesão na cabeça ou pescoço, deve ser imediatamente assistida por um médico.

Contudo, a maioria das lesões em tecidos e musculos não surgem em radiografias, sendo por vezes difíceis de diagnosticar.

Das 33 vértebras da coluna vertebral, um traumatismo cervical afeta as sete vértebras do topo.

Tanto os tendões como os ligamentos são compostos por células de colagénio, mas a no entanto, a similiradidade termina aí.

Os ligamentos são fortes tecidos conjuntivos que ligam ossos a nível articular e amrtecem choques.

Apesar de fortes e lflexíveis não podem ser esticados.

Um ligamento distendido, resulta num entorse idêntico ao sofrido num traumatismo cervical.
Um ligamento, sendo lesado, pode ser cirurgicamente reconetado ao osso, com a mobilidade a voltar relativamente depressa.

Já um tendão, porêm, faz parte do sistema neuromuscular, pelo que os sinais elétricos devem conseguir passar por ele até chegar ao músculo e fazê-lo reagir. O seu tratamento envolve, um período de repouso, com um apoio, e depois um regresso gradual ao exercício.


Teresa Maria Batista Gil

Título: Traumatismo cervical

Autor: Teresa Maria Gil (todos os textos)

Visitas: 0

701 

Comentários - Traumatismo cervical

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Receptores digitais

Ler próximo texto...

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Tema: TV HIFI
Receptores digitais\"Rua
Os receptores digitais são instrumentos que têm a função de receber sinal por via de canais digitais.

De acordo com a sua função, estes canais poderão ser satélite ou por cabo. Actualmente, já existem bastantes serviços de televisão por cabo que funcionam apenas com estes receptores, uma vez que é através deles que se consegue ter acesso não só aos canais de serviço, mas também a pacotes codificados.

O serviço de recepção de canais por satélite é um sistema independente para o qual é necessário ter um disco receptor satélite de modo a poder ter canais digitais fora dos serviços prestados pelos operadores de televisão digital.

Este instrumento permite que os próprios ecrãs sem tecnologia digital passem a usufruir desta através destes receptores. No entanto, a melhor qualidade só é garantida com um ecrã já com esta tecnologia.

Os receptores digitais permitem também aceder a uma multiplicidade de serviços, desde que devidamente configurados. Por exemplo, com estes receptores, é possível aceder a menus específicos de pausa de emissão para depois ser continuada, de serviços on-demand ou acesso a portais específicos, entre outros.

Esta pequena caixinha permite ao seu utilizador usufruir da televisão a um novo nível, de modo a que possa ter todas as comodidades no conforto do lar. 

Pesquisar mais textos:

Rua Direita

Título:Receptores digitais

Autor:Rua Direita(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários

  • Rua DireitaRua Direita

    04-06-2014 às 06:53:28

    Gostei dos receptores digitais. Bom texto abordando isso.
    Cumprimentos,
    Sophia

    ¬ Responder

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios