Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Utilidades Domésticas > Seja fashion: recicle

Seja fashion: recicle

Visitas: 2

EU SOU A FAVOR DA RECICLAGEM, E VOCÊ?
É preciso repensarmos as nossas ideias de uso e desuso das coisas.
Junto com o aumento da população mundial e com o crescimento da indústria, aumentou também a quantidade de resíduos orgânicos e inorgânicos na sociedade. E com este aumento de lixo, reciclar se tornou uma atitude cada vez mais importante para a manutenção da saúde do planeta e das pessoas.

Este processo é fundamental para o crescimento da sociedade:
• empresas usam a reciclagem como uma forma de reduzir os custos, e logo, construir riquezas.
• famílias tiram dela o seu sustento, das formas mais variadas, sendo assim uma solução para o desemprego no cenário socioeconômico.
• Além de contribuir para a preservação do ambiente, como na zona rural, que ocorre à reciclagem do chamado lixo orgânico que seriam restos de alimentos. Esses “restos” são utilizados para fabricação de adubo orgânico que é utilizado para preparar o solo das plantações.
Ao reciclarem, os seres humanos estão contribuindo para um desenvolvimento sustentável para o planeta.

Alguns materiais inorgânicos levam até cinco mil anos para se decompor.
Lembre-se: a maioria dos materiais que simplesmente jogamos no lixo podem ser reciclados. Reciclando, você ajuda a preservar e até melhorar o planeta para as gerações futuras, diminuindo a poluição e mantendo os recursos naturais disponíveis.
A novidade agora é reciclar e melhor isto não é mais cafona, pelo contrário, reciclar agora é chique.
Isto não é o máximo, fazer o que é correto e ainda ser fashion por isto.

Olhe os seus acessórios, quem disse que uma peça antiga não serve mais? Engano. É só combiná-la com a roupa e a ocasião certa, que você vai arrasar.
E quando você enjoar deles, tudo bem, não precisa se descabelar por isto, doe, às vezes pra outra pessoa ele vai cair como uma luva, ou melhor, como um lindo acessório.

E não se esqueça, o que você usa, fala muito a seu respeito. E ser uma pessoa de ideias recicladas não é nada mal.
Se você faz coleta seletiva, reutiliza ao invés de descartar, ou faz algum tipo de trabalho reciclável... orgulhe-se e saiba que você está na última moda.


Meirilene Reis

Título: Seja fashion: recicle

Autor: Meirilene Reis (todos os textos)

Visitas: 2

0 

Comentários - Seja fashion: recicle

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Um sinal de compromisso

Ler próximo texto...

Tema: Jóias Relógios
Um sinal de compromisso\"Rua
Exibir uma aliança de compromisso é, frequentemente, motivo de orgulho e, quando se olha para ela, vai-se rodando-a no dedo e fica-se com aquela expressão ridícula na cara.

Uma questão se coloca: qual a razão de estas alianças de compromisso serem tão fininhas: será porque os seus principais clientes, os jovens, são sujeitos de poucas posses (tendendo as mesadas a emagrecer ainda mais com a crise generalizada) ou porque esse compromisso, não obstante a paixão arrebatadora, é frágil e inseguro?

Sim, porque aqui há que fazer cálculos matemáticos: x compromissos vezes y alianças…com um orçamento limitado sobre um fundo sentimental infinito…

Depois, importa perpassar os tipos destas alianças. Há as provisórias, que duram em média quinze dias; há as voadoras, que atravessam os ares à velocidade da luz quando a coisa dá para o torto; há as que insistem em cair do dedo, sobretudo em momentos em que ter um compromisso se revela extremamente inoportuno; e depois há as residentes, que uma vez entradas não tornam a sair.

Os pombos-correios usam anilhas onde figuram códigos que os identificam. Talvez não fosse completamente descabido fazer umas inscrições deste género em algumas alianças de compromisso por aí…

Só para ajudar os mais esquecidos a recordarem a que “pombal” pertencem.

Pesquisar mais textos:

Rua Direita

Título:Um sinal de compromisso

Autor:Rua Direita(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários

  • Luene ZarcoLuene

    22-09-2014 às 05:46:10

    Um sinal de amor e lealdade perpétua! Adoro ver os vários modelos de aliança! Vale a pena escolher uma bem bonita!

    ¬ Responder

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios