Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Outros > Um Pensar Sobre A Autonomia

Um Pensar Sobre A Autonomia

Categoria: Outros
Um Pensar Sobre A Autonomia

Temos o costume de não agir num determinado momento porque estamos a esperar pelo outro. E não apenas isso, mas de deixarmos o controle de nossa vida à mercê do governo, do chefe, de um outro alguém. Não temos autonomia de ir lá e fazer!

Sofremos com a síndrome da interdependência. Inter significa “dentro” e dependência “precisar de algo, alguém”. Não me refiro no sentido de precisar dos outros, literalmente, pois não tem como viver sem eles. Dependo do padeiro para poder comer pão, dependo do transporte para me locomover, dependo do dinheiro para comprar, comer, estudar. Enfim, nesta vida dependemos uns dos outros. Refiro-me na questão de possuir maior autonomia sobre o que será seu futuro e de ser pró-ativo. É agir sem esperar outro alguém para que eu possa tomar alguma atitude. Isso é autonomia!

A participação cidadã nas questões da sociedade deve estimular a ideia de que não basta cruzar os braços e transferir a culpa para as gestões governamentais. Temos que romper os paradigmas de dependermos do governo, e assumir as decisões de planejamento e desenvolvimento pessoal e com o meio social. Você precisa ter autonomia sobre sua vida e seu futuro e não ficar à mercê do que está a sua volta. Uma sociedade autônoma é formada por cidadãos conscientes e responsáveis com o futuro da coletividade, ou seja, de seu país.

Assumir essa postura de autonomia é ter rédea sobre o que faz com sua vida. Só porque o governo dificulta certas oportunidades acadêmicas ou profissionais, você logo aceita isso e não faz mais nada. Não procura alternativas para fugir do monopólio, é uma delas. Só porque a empresa não dá um aumento significativo, você aceita ficar anos e anos ganhando a mesma miséria. Só porque ninguém faz nada para mudar, você também não o faz!

Não espere sempre pelos outros, pelo governo. Não espere o seu patrão decidir sobre seu tempo de trabalho exigindo que fique no serviço além do que lhe é exigido. Não se submeta a certas falcatruas por medo de perder seu emprego. Não seja dependente de seus sentimentos, emoções. Aja com racionalidade! Tenha autonomia para decidir sobre as questões de sua vida e não ser levado pelas circunstâncias que lhe acontecem.

Depender do governo é não ter autonomia. Nunca devemos nos submeter a isso. Nunca! Não dependa da educação que o governo oferece. Estude em casa, leia livros, tente sempre melhorar nos seus conhecimentos. Depois, você não precisará culpar ninguém. Na verdade, a única culpa será a sua! Ter autonomia é isso: “não culpar ninguém pelo seu insucesso, pelas mazelas”! Você é o autor de sua vida.


Briana Alves

Título: Um Pensar Sobre A Autonomia

Autor: Briana Alves (todos os textos)

Visitas: 0

457 

Comentários - Um Pensar Sobre A Autonomia

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Estratégia do arco-íris

Ler próximo texto...

Tema: Serviços
Estratégia do arco-íris\"Rua
Pessoas comuns estão a descobrir novas estratégias que supostamente fazem dinheiro rápido. Mas, a verdade da questão é que, isso é quase impossível. Ao longo de sua jornada de negociação, vai experimentar algumas vitórias e derrotas. Então, vejamos uma das estratégias que irá produzir mais vitórias do que derrotas: a estratégia do arco-íris. Esta é uma estratégia muito poderosa que qualquer um pode utilizar, especialmente novatos lá fora. Se é novo no comércio de opções binárias e gostaria de ganhar dinheiro online, esta é a estratégia ideal para si.

A estratégia do arco-íris envolve um período de 6, 14 e 26 períodos, períodos de média móvel exponencial. Estes permitem filtrar os movimentos menores no mercado e dar-lhe uma visão clara da tendência.

O mercado está numa tendência alta quando o período de 6 EMA está no topo dos 14 períodos EMA e dos 26 períodos EMA. A tendência baixa ocorre quando as EMA cruzam-se. Agora, os 26 períodos EMA devem estar no topo da EMA de 14 períodos. Em tendências altas, os comerciantes devem concentrar-se principalmente em opções de compra.

Uma opção de compra pode ser acionada quando o preço para baixo remonta à EMA 14 e começa a mover-se para cima. Uma opção de venda pode ser acionada quando o preço refaz para cima, e os períodos EMA 14 começam a mover-se para baixo.

As vantagens desta estratégia é que muitos dos sinais são precisos e não requerem muita análise para fazer um bom negócio. Com a gestão de risco adequada, pode fazer desta a sua principal estratégia. Mas, antes de tomar essa decisão, saiba que existem algumas desvantagens. O preço às vezes pode ir além dos 14 períodos de EMA. Alguns comerciantes podem não saber como reagir a isso.

Além disso, mesmo se os mercados são tendências, ainda existe a possibilidade de dar sinais falsos, mas com a gestão de riscos aplicadas, esses sinais falsos não causam muito dano. Combinar esta estratégia com coisas como Fibonacci, linhas de tendência ou médias móveis podem ajudar a reduzir as chances de perdas.

Em geral, a estratégia do arco-íris é um grande indicador. Ele faz maravilhas nos mercados de tendências e é muito fácil de usar para os comerciantes de todos os níveis. No fim de contas, é apenas uma questão de fazer uma boa gestão de risco. É uma ótima estratégia para iniciantes começarem a usar e obterem vitórias, experiência e bastante dinheiro.

Pesquisar mais textos:

Jerónimo Diogo Magalhães

Título:Estratégia do arco-íris

Autor:Jerónimo Diogo Magalhães(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios