Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Outros > As sociedades secretas

As sociedades secretas

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Categoria: Outros
Visitas: 2
As sociedades secretas

Tem sido nos últimos cinco anos um assunto cada vez mais falado e alvo de grande especulação, a existência e o poder das sociedades um pouco por todo o mundo. Este assunto, que já a muito é falado teve um provável renascer graças a autores como, Dan Brown e outros que usaram este tema como base de complexas tramas e conspirações nos seus romances.

As sociedades secretas sempre existiram e sempre existiram, devido a um simples e inerente facto que o ser humano tema a necessidade de se encontrar com pessoas que considera estarem ao seu nível (intelectual e/ou financeiro), esta necessidade vem de uma necessidade extrema de sentir que pertence a algo maior e que não está sozinho neste mundo. A diferença ente uma sociedade secreta e outro qualquer restrito tipo de grupo de pessoas e outras elites, é que as sociedades secretas a que nos referimos sentem a necessidade e acham-se capazes de controlar as massas das quais são responsáveis ou sobre as quais têm algum tipo de influência, em que sigam o caminho que designam.

Estas são as grandes arquitetas da civilização moderna segundo muitos defendem. Há quem diga ainda que o mundo é total dominado por estas mesmas, e que o ser humano comum não passa de um peão nas suas mãos e artimanhas sedentas de poder e controlo sobre os estado do mundo, e que é tudo uma forma de conseguirem implementar uma Nova Ordem Mundial.
Os seus braços esticam-se pelas mais diversas áreas, a comunicação social, politica, economia e educação, tendo assim a capacidade de moldar a mente humana para que a transicção para o mundo futuro que tanto pretendem ser lordes e senhores.




A francomaçonaria, os Rosa Cruz e os Illuminatti, são as que permanecem na boca do povo, mas na realidade, a que mais membros tem é a Maçonaria, sendo que os Rosa Cruz não passam agora de um simples club de culto e os Illuminatti não passam de um romance escrito a centenas de anos a atrás, que as pessoas gostam de referir para justificar a sua cada vez mais, crescente paranoia e necessidade de justificar aquilo que temem.

Alguns políticos (Bush, Obama e Sarkozy, Durão Barroso), grandes empresários (Bill Gates, Francisco Pinto Balsemão), cantores (Rihanna, Beyoncé, Jay-z e Kanye West) e até mesmo, atores são nomeados volta e meia como membros destas e outras sociedades secretas, mas á que saber distinguir teorias da conspiração da realidade. As teorias e teoristas de conspirações são pessoas que têm a necessidade de fazer sentido do mundo em que vivemos pois, não têm a capacidade de perceber que o mundo e as pessoas que nele habitam são apenas como são, e que não existe uma força/elite maior de pessoas que nos controlam.

Em Portugal e nos Estados Unidos a que mais poder tem e que de secreta não tem nada é mesmo a francomaçonaria, então porquê chama-las de sociedades secretas? Secreta porque é proibido aos seus membros (em algumas casas maçons) divulgar a sua condição de sócio pertencente a estas antigas artes que incorporam (não todas), ensinamentos alquímicos e herméticos do antigo ocultismo e paganismo.
Portanto quando ouvir falar de sociedades secretas, saberá pelo menos que uma realmente existe, mas que não passa de um grupo de homens de poder que gostam deste tipo de reuniões, pensando que serão os senhores do mundo, quando na realidade, ninguém o é.


Bruno Jorge

Título: As sociedades secretas

Autor: Bruno Jorge (todos os textos)

Visitas: 2

671 

Comentários - As sociedades secretas

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Dicas para decorar salas pequenas.

Ler próximo texto...

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Tema: Decoração
Dicas para decorar salas pequenas.\"Rua
A realidade das grandes cidades é que a maioria das pessoas mora em espaços pequenos. É fato também que todos desejam ter um ambiente acolhedor e aconchegante para receber amigos. Em contrapartida, na medida em que os espaços encolhem, a quantidade de aparelhos eletrônicos que utilizamos aumenta cada vez mais. Há ainda quem use a sala como home-office.

Nesta busca de inspiração para organizar e incrementar sua sala, encontramos uma série de sites especializados e blogs com muitas, muitas ideias. O conceito de D.I.Y. (do it yourself) que significa "faça você mesmo” nunca esteve tão na moda. É uma alternativa para reduzir gastos com mão de obra e nada melhor do que criar um espaço com um toque todo seu. Inspirações e ideias não faltam. Hoje, de certa forma todos nos sentimos meio decoradores.

Mas planejar a decoração de uma sala pequena exige alguns cuidados para que o ambiente não fique entulhado de móveis, disfuncional ou até mesmo desagradável.

Confira algumas dicas para decorar sua sala com estilo e valorizando seu espaço:
Os espelhos, além da autocontemplação, causam efeitos interessantes. Aplicados, por exemplo, em uma parede inteira pode duplicar a amplitude do ambiente. Pode ser usado também em móveis, tetos, em diversos formatos e valorizar a luminosidade da decoração.

As cores tem poder de causar sensações. Em ambientes com pouco espaço, elas podem colaborar para que a sensação de amplitude possa tanto aumentar quanto diminuir. Para pintar as paredes de sua sala aposte em cores claras. O teto com uma cor mais clara que a das paredes, por exemplo, pode simular uma elevação do teto, já em uma cor mais escura, promoverá uma sensação de rebaixamento do teto.

A escolha e posição dos móveis são um aspecto muito importante. Opte por poucos móveis, nunca de tamanhos exagerados e posicione-os de forma que valorize o espaço. Móveis que misturam poucos materiais, baixos e com linhas retas proporcionam leveza ao ambiente.

Uma solução muito interessante para espaços pequenos é a utilização de prateleiras. Caixas para produtos horto frutícolas reformadas podem se tornar lindas prateleiras. Mas cuidado com a profundidade, para não atrapalhar na disposição de outros móveis e objetos.

Móveis multifuncionais ou móveis inteligentes são excelentes alternativas para uma sala pequena. Um bom exemplo são pufes, que podem ser usados como mesas de centro ou ficarem alojados debaixo de aparadores e quando recebemos visitas podem se transformar em assentos extras. Mesas dobráveis também são uma ótima opção.

Escolher o mesmo piso ou revestimento pode dar a impressão de área maior, de continuidade. Mudanças drásticas de um ambiente para outro pode causar a sensação de divisão e consequentemente fazer parecer menor.

Algumas outras dicas: um sofá retrátil ou reclinável garante muito mais conforto e ocupa o espaço de um sofá simples. Suporte ou painéis móveis para TV possibilitam que ela seja movida na direção desejável. Caso o ambiente tenha escadas, escolher um modelo de escadas vazadas evita divisões e pode se tornar uma peça de destaque na sala. E para as cortinas, escolha tecidos leves, lisas e sem estampas.

De qualquer forma, ouse, não tenha medo de arriscar, crie, não copie, só assim será seu!

Luciana Santos.

Outros textos do autor:
Dicas para decorar salas pequenas.

Pesquisar mais textos:

Luciana Maria dos Santos

Título:Dicas para decorar salas pequenas.

Autor:Luciana Maria Santos(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários

  • Carlos Rubens Neto 16-06-2016 às 16:20:24

    Excelente matéria! Parabéns Luciana ;)

    ¬ Responder

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios