Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Bricolage Jardim > Tudo para ter um jardim vertical

Tudo para ter um jardim vertical

Categoria: Bricolage Jardim
Visitas: 51
Tudo para ter um jardim vertical

Você quer entrar na onda dos jardins verticais, mas ainda não tem muito conhecimento sobre o assunto. Isso é bastante normal, porque existem diversos tipos de jardins verticais, estruturas diferentes, vasos diversos, etc. Todos esses detalhes deixam a escolha mais difícil, mas neste artigo você vai saber tudo sobre jardim vertical e deixar de ficar em dúvida sobre o que fazer e como fazer.

O que é um jardim vertical
O jardim vertical é uma das modas da atualidade. Mas é claro que ele justifica a atenção que vem chamando para si. Esta técnica é uma maneira simples, fácil e, muitas vezes, barata de conseguir ter um jardim num espaço pequeno – até mesmo dentro de um apartamento.

O objetivo do jardim vertical é oferecer, através do paisagismo, uma forma elegante de mesclar a natureza com a sua residência. Depois de montado, ele traz uma beleza única, reunindo vários tipos de flores, plantas e cores diferentes. Tudo depende de como você planeja o seu jardim vertical.

Tipos de jardim vertical
Existem vários tipos de jardins verticais, desde as chamadas paredes verdes, enormes e que servem para cobrir um muro, cerca ou uma estrutura que você tenha em sua residência, até as estruturas menores, ideais para apartamentos, que comportam flores e plantas menores, além de alguns temperinhos que podem ser usados na alimentação.

A estrutura pode ser feita de diversos materiais diferentes, como o ferro, blocos de cerâmica, madeira de demolição, pallets, etc. Algumas pessoas também usam uma estrutura de madeira e utilizam calhas como vasos para as plantas, reaproveitando materiais. Outros tipos de vasos são os cerâmicos, de plástico, de fibra de coco e muitos outros. Você também pode fazer vasos com garrafas pet e outros tipos de materiais reaproveitados.

Você pode colocar os jardins verticais apoiados na parede ou pendurá-los com pregos e buchas grandes. Os melhores lugares para apoiar a estrutura é próximo a uma janela, para que as plantas recebam iluminação e um pouco de vento, fatores importantes para o crescimento das flores.

jardim vertical2

Plantas para jardim vertical
Os jardins verticais aceitam vários tipos de flores. Primeiro é necessário pensar onde estará localizada a estrutura, se num ambiente interno ou externo. Dependendo da iluminação e da ação dos ventos, determinados tipos de plantas e flores adaptam-se melhor. Você pode conferir esses detalhes com o seu florista, mas alguns tipos de flores que podem ser plantadas nos jardins verticais são as bromélias, orquídeas, azaleias, entre outras.

O essencial é que as plantas a serem colocadas nos jardins verticais tenham raízes menores. As que têm raízes grandes não se adaptam muito bem aos jardins verticais, além de ficarem muito pesadas, o que pode danificar a estrutura do jardim vertical.

Algo muito legal que você pode fazer é colocar alguns temperos no seu jardim vertical, transformando-o numa pequena horta. Com ele, você consegue pegar vários temperos para colocar na sua alimentação. Além de ser mais saudável, é bastante prazeroso estar sempre em contato com a natureza.

Agora que você já sabe tudo sobre jardim vertical, pode colocar em prática e montar o seu. Você não vai se arrepender!


Miguel Pereira

Título: Tudo para ter um jardim vertical

Autor: Miguel Pereira (todos os textos)

Visitas: 51

196 

Comentários - Tudo para ter um jardim vertical

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Receptores digitais

Ler próximo texto...

Tema: TV HIFI
Receptores digitais\"Rua
Os receptores digitais são instrumentos que têm a função de receber sinal por via de canais digitais.

De acordo com a sua função, estes canais poderão ser satélite ou por cabo. Actualmente, já existem bastantes serviços de televisão por cabo que funcionam apenas com estes receptores, uma vez que é através deles que se consegue ter acesso não só aos canais de serviço, mas também a pacotes codificados.

O serviço de recepção de canais por satélite é um sistema independente para o qual é necessário ter um disco receptor satélite de modo a poder ter canais digitais fora dos serviços prestados pelos operadores de televisão digital.

Este instrumento permite que os próprios ecrãs sem tecnologia digital passem a usufruir desta através destes receptores. No entanto, a melhor qualidade só é garantida com um ecrã já com esta tecnologia.

Os receptores digitais permitem também aceder a uma multiplicidade de serviços, desde que devidamente configurados. Por exemplo, com estes receptores, é possível aceder a menus específicos de pausa de emissão para depois ser continuada, de serviços on-demand ou acesso a portais específicos, entre outros.

Esta pequena caixinha permite ao seu utilizador usufruir da televisão a um novo nível, de modo a que possa ter todas as comodidades no conforto do lar. 

Pesquisar mais textos:

Rua Direita

Título:Receptores digitais

Autor:Rua Direita(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários

  • Rua DireitaRua Direita

    04-06-2014 às 06:53:28

    Gostei dos receptores digitais. Bom texto abordando isso.
    Cumprimentos,
    Sophia

    ¬ Responder

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios