Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Bricolage Jardim > Novas tendências para varandas e jardins

Novas tendências para varandas e jardins

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Categoria: Bricolage Jardim
Visitas: 14
Comentários: 2
Novas tendências para varandas e jardins

Ter a possibilidade de habitar uma casa com jardim é, antes de mais nada, uma vantagem e privilégio apenas ao alcance de alguns, especialmente se viver num grande centro urbano. Possuir um lugar, alternativo à sala, onde juntar amigos, familiares ou vizinhos para uma refeição ou apenas para um encontro casual, valoriza qualquer casa.

Se foi um dos bafejados pela sorte, não deixe de aproveitar a oportunidade para fazer do seu jardim um local aprazível e invejado por todos.

Se tem espaço, possibilidades económicas e recursos, pode optar por instalar uma piscina. Se quer inovar, opte por um jacuzzi. Iluminando e decorando o espaço em redor de forma calorosa, criará o espaço ideal para um final de dia relaxante.

Se não pretende nada tão elaborado, saiba que a água é um dos elementos mais apreciados, sendo dada particular importância aos reflexos por ela proporcionados. Crie zonas de pequenos lagos, por exemplo, rodeados de decks de madeira, escolhendo criteriosamente as plantas e outros materiais para compor o local. Para além de funcionarem como zonas de passagem, a escolha do material é a mais adequada, já que a madeira é biodegradável e enquadra-se melhor no ambiente em questão. Se lhe parece que fica melhor, opte por dar cor à madeira, como verde ou vermelho, o que auxilia na composição de cores no jardim.

Para aqueles que gostam de manter a tradição, plante, de forma ordenada, várias flores e plantas. Tenha atenção na escolha das mesmas, para que sejam do seu agrado e se adaptem facilmente às condições climatéricas da zona. Reserve uma pequena área para fazer um pequeno canteiro de ervas aromáticas e/ou medicinais.

Mas, como nem todas as casas podem ter jardim, muitos são os que aproveitam as suas varandas como alternativa à ausência do mesmo. Apesar das áreas não serem as mesmas, há quem aproveite o espaço para instalação de uma pequena churrasqueira. No verão é, por si só, um convite para os seus amigos. Preencha o espaço com cadeirões, sofás, puffs, cadeiras, enfim, com o que mais gostar e lhe pareça mais confortável – será, decerto, o local mais utilizado nas noites quentes de verão!

Assim como no jardim, a escolha da iluminação é crucial. O ideal será optar por uma iluminação mais cênica, trabalhando as cores âmbar de forma a proporcional o ambiente ideal para conversas pela noite fora!


Cláudia Bandeira

Título: Novas tendências para varandas e jardins

Autor: Cláudia Bandeira (todos os textos)

Visitas: 14

788 

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 2 )    recentes

  • Luene ZarcoLuene

    13-10-2014 às 04:19:51

    Fantástico! Tão bom seguir as novas tendências, assim nossa casa fica mais bonita e completa. As varandas e jardins são um dos melhores locais da casa em que deve ser valorizado. Ótima descrição e ideia.

    ¬ Responder
  • M.L.E.- Soluções de Climatizaçãoestela marinelli

    22-09-2011 às 03:05:32

    claudia foi incrivel como vc descreveu um lugar unico como varanda da minha casa que esta ficando pronta em alguns dias. Acho que sera mesmo o lugar mais gostoso da casa. Parabens e um beijo. Estela

    ¬ Responder

Comentários - Novas tendências para varandas e jardins

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Raio Mata Três Pessoas No Brasil

Ler próximo texto...

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Tema: Segurança
Raio Mata Três Pessoas No Brasil\"Rua
No dia 07 de novembro de 2014, três pessoas acabaram morrendo em decorrência de raios após as vítimas serem socorridas, mesmo depois de bastante tempo tentando reanimá-las.

Os três homens deram entrada no hospital com parada cardiorrespiratória e com muitas queimaduras. Esse incidente aconteceu na zona leste de São Paulo, as vitimas trabalhavam com ferro velho.

O Brasil é o país onde os raios estão mais presentes no mundo. São mais de 50 milhões de raios por ano. Esses raios atingem mais pessoas na zona rural, porém nas áreas urbanas ocorrem também só que com menos frequência.

Há pessoas que falam que raios não ocorrem duas vezes no mesmo lugar, mas isso é improvável, eles ocorrem sim! Tanto que nos últimos séculos, as tempestades aumentaram 90% por causa do aquecimento do planeta devido ao asfalto, que é uma das formas de poluição.

Alguns cuidados, nesses momentos, são importantes como: não ficar em área aberta, não usar o telefone e se vir uma tempestade, então permaneça no carro.

Os raios ocorrem no Brasil porque é um país tropical e de muito calor, por isso está em primeiro lugar em queda de raios. Nesse mesmo ano de 2014, um rapaz morreu usando o computador. Ele recebeu a eletricidade no momento em que o raio caiu na antena.

O estado de São Paulo lidera em quedas de raios. Um raio dura em média 1 segundo, e a queda de raios acontece por uma descarga elétrica que produz nuvens de chuva. Os relâmpagos ocorrem entre as nuvens e os raios pelo solo.

Algumas regiões tem tendência de cair mais raios, a descarga é visível a olho nu e é um fenômeno que produz um clarão. As mortes mais frequente são nas áreas urbanas, por isso não é seguro se proteger em baixo de árvores.

Pesquisar mais textos:

Gislene Santos Sousa

Título:Raio Mata Três Pessoas No Brasil

Autor:Gislene Santos Sousa(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios