Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Animais Estimação > Filhotes de Mâltes

Filhotes de Mâltes

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Categoria: Animais Estimação
Visitas: 4
Comentários: 3
Filhotes de Mâltes

Os malteses nascem em ninhadas normalmente compostas por três crias. Dependendo da predisposição genética da mãe, este número pode chegar a seis. Sendo cão de companhia, o Maltês necessita de muitos cuidados e de uma educação adequada para a convivência familiar.

O condicionamento para fazer suas necessidades fisiológicas em local adequado, começa enquanto filhote, acostumando-o a procurar um local pré-estabelecido para evacuação. O processo educativo depende de ordens precisas e de elogiar o cãozinho quando as cumprir.

A pelagem, abundante e comprida, carece de escovação frequente. As escovas ideais são as duras, já que as de nylon deixarão o pelo quebradiço. Os pentes em aço ajudarão na estética, traçando a divisão dos pelos em linha precisa, do alto da cabeça até a cauda. Pelos ressecados devem ser tosados e hidratados. A tosa completa só é recomendada quando há falhas irreparáveis, para assegurar um crescimento uniforme do pelo.

Para uma pelagem sempre branca e brilhante, os banhos devem ser regulares e não inferiores a três sessões semanais, debelando a aparência encardida e evitando a formação de nós nos pelos. Use champô apropriado à raça, ou neutros para crianças, afastando reações alérgicas, e sempre enxugue o cãozinho com uma toalha, completando o processo com um secador com ar moderado. Como têm a pele extremamente sensível, produtos branqueadores devem ser usados com reservas..

Proteja os ouvidos do animalzinho, que são muito sensíveis, aplicando um chumaço de algodão durante o banho e, ao terminar, limpe-os cuidadosamente. Assim, você evitará futuras otites e consultas desnecessárias ao veterinário.

Incorreções na postura são frequentes, devido ao crescimento de pelos nas plantas das patinhas, que os desequilibram e os forçam a um apoio inadequado, para evitar derrapagens. Trate de aparar esses inconvenientes pelos, ou recorra a um profissional.

Prefira alimentá-lo com rações balanceadas, produzidas especialmente para filhotes. Elas oferecem nutrientes suficientes para um crescimento saudável. Facilite a ingestão oferecendo ração umedecida, até o cãozinho completar 60 dias, e dispense agrados com alimentos humanos, em qualquer idade.

Malteses são preguiçosos. Preferem o aconchego do lar e boas horas de sono a exercícios. Para dificultar o aumento de peso, comum à raça, invente brincadeiras que garantam alguns minutos de movimentação, todos os dias. E para uma saúde invejável, cuide que a vacinação esteja sempre atualizada, especialmente contra a raiva, uma doença fatal. Conte sempre com a orientação do veterinário, e torne-o o melhor amigo do seu cão. 


Hediene

Título: Filhotes de Mâltes

Autor: Hediene Hediene (todos os textos)

Visitas: 4

783 

Imagem por: cloneofsnake

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 3 )    recentes

  • SophiaSophia

    16-06-2014 às 08:05:40

    Como todo cão, a educação deve iniciar-se desde quando é filhote, pequenininho. Assim, eles aprendem mais rápido e com toda a facilidade. Esses filhotes de Mâltes são lindos e fofinhos, amei!
    Cumprimentos,
    Sophia

    ¬ Responder
  • lauana

    28-03-2013 às 12:15:39

    eu queria adotar um cao mâltes com esse da foto eu quero muito pq eu amo cães se vc puder me doa um desse eu agradeço

    ¬ Responder
  • GRAZIELE

    12-07-2011 às 16:55:50

    oi tenho um maltes chamado mimo ele está hoje com um ano e sete meses, muito fofo porem sempre com problemas d otite ele inclusive quando filhote já me veio do c anil com otite... qualquer friosinho e o ouvido inflama. recentemente por falta de vacinaçao creio eu ele contraiu o terrivel virus da cinomose e graças a deus e a muito cuidado e carinho saiu ileso dessa... a vacinação é importantissima mas independente de qualquer coisa o melhor remédio é o carinho e dedicação...

    ¬ Responder

Comentários - Filhotes de Mâltes

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Como burlar a crise e fazer a viagem dos sonhos gastando pouco

Ler próximo texto...

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Tema: Viagens
Como burlar a crise e fazer a viagem dos sonhos gastando pouco\"Rua
Não é novidade para ninguém que o Brasil está passando por uma séria crise econômica e política. Atrelado a isso, a elevação do dólar nos últimos meses tem contribuído para a queda considerável no número de viagens internacionais. Para os amantes de viagens, também chamados travelholics, a crise não é um motivo para adiar aquela viagem tão esperada.
Nesse post você terá dicas de como superar esse momento e realizar seu sonho de uma forma mais econômica, sem precisar de guias turísticos, que encarecem ainda mais a viagem.

Dica 1) Planeje sua viagem com antecedência.
Provavelmente a maioria já ouviu falar disso, mas é a pura verdade. Programar a viagem é o primeiro passo para uma estadia tranquila e bem mais barata. Escolher o destino, a época do ano e com quem ir é o começo de tudo. As passagens aéreas costumam ter preços promocionais quando comprada com antecedência e você poderá escolher melhor onde passará as noites.

Dica 2) Pesquise os preços das passagens diariamente.
Se o destino já está definido, comece a buscar as passagens já. Os preços costumam variar diariamente, e sim, podem cair ou subir absurdamente de um dia para o outro. Eu super indico o Google Voos como busca de passagem. Ele apresenta os valores e os horários das mais variadas companhias aéreas e no final, te redireciona para o site da empresa sem te cobrar nenhuma taxa por isso. Além disso, ter em mente a opção de flexibilizar as datas pode te possibilitar um bom desconto no final. Você e o seu vizinho de assento podem estar indo pro mesmo destino, mas pagando valores completamente diferentes.

Dica 3) Use e abuse do Google Maps para escolher a região de hospedagem.
O Google Maps é uma opção de busca com mil e uma utilidades. Depois de escolhida a cidade, pesquise a localização dos principais pontos turísticos que são do seu interesse. Há várias ferramentas para busca de hotéis e pontos turísticos no site. Se você vai depender de transporte público ou ''viação pé'' para conhecer a cidade, uma boa dica para economizar tempo e dinheiro é ficar na região cultural da cidade. Você poderá pagar um pouco mais caro na estadia, mas economizará em outros quesitos.

Dica 4) Utilize os sites de busca de hotéis para fazer as reservas.
Depois de muito pesquisar, descobri que organizar a viagem por conta própria pode sair até pela metade do preço do que seria através de uma agência de viagem. Existem muitos sites de hotéis, mas é bom pesquisar sua credibilidade em fóruns e sites de reclamação. Minha sugestão é o Booking.com, há anos no mercado com milhões de clientes, ele é reconhecido pela sua transparência e grande assistência àqueles que precisaram resolver algum problema. Utilizando as datas de entrada e saída, e os filtros como valor máximo da diária e número de estrelas, você encontra o melhor hotel pro seu gosto e seu bolso.

Dica 5) Seguro Viagem
É imprescindível a contratação de um seguro viagem se você está indo para o exterior. Dependendo do país, uma diária no hospital pode sair mais cara que toda a viagem. Sem falar que em caso de extravio de bagagem e algum problema mais grave com um parente próximo no país de origem, além de outras questões, o seguro tem a cobertura específica. Não se deixe levar pelos pequenos preços. Procure aqueles conhecidos mundialmente e, de preferência, utilizado por algum conhecido. Quanto mais detalhado for, melhor.

Dica 6) Curta a pré-viagem pesquisando
O período antes da viagem é tão gostoso quanto ela, propriamente dita. Aproveite para pesquisar sobre os locais do seu interesse, restaurantes, lojas e principalmente transporte. Hoje, já existe taxímetro online em grandes metrópoles, onde você pode fazer um cálculo estimado da corrida de um lugar a outro. Como o nosso objetivo é a economia, são muitas as alternativas de transporte. Além do bom e velho ônibus, as vans compartilhadas do aeroporto para o hotel podem sair bem mais em conta que o táxi. Para quem for ficar poucos dias em uma grande cidade, os ônibus vermelhos de dois andares, conhecidos por Hop On Hop Off, dão uma geral na cidade, passando pelos principais pontos e possibilitando ao turista parar onde quiser, e esperar pelo próximo nos pontos indicados. Existem ticktes de 24, 48 e 72 horas ilimitado, a partir do momento do primeiro uso.

Pesquisar mais textos:

Letícia Spínola Flávio

Título:Como burlar a crise e fazer a viagem dos sonhos gastando pouco

Autor:Letícia Spínola Flávio(todos os textos)

Imagem por: cloneofsnake

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários

  • Adriana SantosAdriana Santos

    10-11-2015 às 21:16:50

    Gostei das dicas! Valeu!
    Realmente, as pessoas que amam viajar encontram diversas formas, nem que seja um lugar próximo a sua cidade!

    Abraços!

    ¬ Responder

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios