Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Animais Estimação > Piscicultura - Como criar Guppys

Piscicultura - Como criar Guppys

Categoria: Animais Estimação
Visitas: 3
Comentários: 3
Piscicultura - Como criar Guppys

Os Lebistes (crias de Guppy) são bastante resistentes. Existem poucas probabilidades de eles sofrerem alguma doença. Contudo, existem algumas situações que deve ter em atenção: diferenças de temperatura, excesso ou escassez de alimento, falta de plantas aquáticas… Caso tenha os cuidados básicos os Guppys são uma espécie fácil de criar. Se ainda é amador neste tipo de criação é a espécie ideal para começar.

É possível prever a coloração dos Guppys da seguinte forma:

Macho Dourado x Fêmea Cinza – Filhos e Filhas Cinza




O cinza domina em relação ao dourado. Mas, na segunda criação quando estes filhotes acasalarem terão genes dourados e cinzentos, embora a única cor que é visível é o cinzento dominante, a probabilidade de nascer um dourado é de 1 em 4.

As fêmeas Guppy têm muitos filhotes, podem ultrapassar os 28. Contudo, podem sobreviver poucos. A fêmea mãe não costuma ter uma esperança de vida muito longa após o nascimento dos seus filhotes.

Assim que eles nascem devemos separá-los da mãe, existem à venda uns recipientes próprios para colocar a mãe enquanto ela não tem os bebés a fim de os separar dos restantes peixes dentro do próprio aquário. Se optar por este recipiente, quando os bebés nascerem separe-os numa quantidade de cinco por recipiente. Devido ao seu tamanho pequeno, estes podem ser ingeridos facilmente por outros peixes e pela própria mãe por isso o cuidado deve ser acrescido.

Se a sua intenção for criar somente Guppys, pode optar por um aquário só para esse efeito e colocar o oxigénio, o termómetro e um aquecedor adequado ao aquário que utilizar. A temperatura da água deve estar entre os 27º C e os 30º C.

Assim que os Guppys nascem, devem ser alimentados de imediato com um alimento próprio. É importante verificar se a percentagem de proteína contida nesse alimento não é inferior a 45 %. A alimentação destes peixinhos deve ser feita com mais regularidade que o normal e em pouca quantidade. Assim que estes crescerem, pode alimentá-los com o alimento normal.

Quando estes ficarem do tamanho da mãe ou próximo, dependendo dos peixes que tem no aquário, pode colocá-los juntamente com os outros peixes. Embora deva sempre ter precaução, pois se os restantes peixes forem grandes existe sempre o risco dos Guppys serem ingeridos mesmo sem intenção.

Boa Sorte!


Rua Direita

Título: Piscicultura - Como criar Guppys

Autor: Rua Direita (todos os textos)

Visitas: 3

771 

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 3 )    recentes

  • Carina Anjo

    02-11-2014 às 18:37:00

    é bastante fácil fazer criação de guppys segundo as regras. são peixinhos pequenos mas muito bonitos!

    ¬ Responder
  • SophiaSophia

    16-06-2014 às 17:10:10

    Adoro os peixinhos. Até hoje sinto vontade de ter uma aquário e criá-los com todo o cuidado que merecem. Os guppys não os conhecia, mas pela foto percebe-se que são lindos!
    Cumprimentos,
    Sophia

    ¬ Responder
  • Carina FariaCarina Faria

    17-09-2012 às 23:39:57

    Bastante simples e de fácil interpretação

    ¬ Responder

Comentários - Piscicultura - Como criar Guppys

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Secretária em vidro

Ler próximo texto...

Tema: Mobiliário
Secretária em vidro\"Rua
A maior parte das casas tem um escritório para fazer os trabalhos relativos Á profissão ou outros. È uma divisão extremamente necessária para as pessoas se recolherem a trabalhar. Por isso o escritório deve ser um local com conforto e agradável. O ambiente torna-se extremamente importante para o recolhimento necessário e a concentração que certos trabalhos exigem. Se não se tiver no local de trabalho tem de construir-se em casa.

Em todas as profissões é útil ter uma secretária para colocar um computador portátil. Livros e outros acessórios. É uma peça de mobiliário que não se dispensa de forma nenhuma. Desde sempre que foi indispensável na escola, no escritório, na empresa. A sua funcionalidade é como a do computador que praticamente não se dispensa. Para onde se vá leva-se o computador portátil a servir de complemento.

No que diz respeito à secretária ela exige um bom material e design bonito. E de facto há secretárias muito belas desde o seu modelo ao material e design. Por exemplo uma secretária em vidro fica muito bem num escritório amplo de uma vivenda ou numa empresa particular bem decorada. Pode colocar-se também num pequeno escritório de um apartamento ou numa sala especial e decorada a gosto. Há quem prefira ter uma secretária num espaço pequeno especificamente para trabalho. Deste modo concentra-se mais nele e não pensa no que tem para fazer em casa. Ou seja, dá mais prioridade ao que eventualmente tenha que fazer numa secretária. Para além de ajudar a decorar e embelezar o espaço onde se coloca dá um certo ar de charme e gramou num ambiente. Se este for decorado com objectos bonitos de decoração e uma estante para livros dá um ar mais intelectual ao ambiente. Deste modo mais propício para o recolhimento.

Não é por acaso que muita gente prefere o seu escritório para passar as horas que dispõe no seu quotidiano ou fins – de - semana. É um local propício a pensar mais nos projectos, no trabalho e nos encargos da vida. Deste modo cada divisão da casa tem uma funcionalidade diferente e um ar distinto dos restantes.

Não quer dizer que uma secretária em vidro não fique adaptada noutro local que não seja para o trabalho de estudantes ou outros, ela pode ainda adaptar-se para embelezar ou harmonizar espaços que estejam por preencher numa casa maior ou outro local. Sem dúvida que a secretária em vidro não vai deixar mal nenhum espaço onde se coloque.

Pesquisar mais textos:

Teresa Maria Batista Gil

Título:Secretária em vidro

Autor:Teresa Maria Gil(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários

  • Rua DireitaRua Direita

    20-04-2014 às 15:52:38

    Fantástico texto! A Rua Direita agradece!

    ¬ Responder

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios