Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Alimentação > Receita de Panqueca de Carne Gratinada

Receita de Panqueca de Carne Gratinada

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Categoria: Alimentação
Receita de Panqueca de Carne Gratinada

As panquecas são um prato que é feito com uma massa fina e leva um recheio de carne moída, frango, queijo, presunto e vários outros tipos. Elas são bem simples de fazer e também podem ser consumidas com recheios doces. E uma opção muito saborosa é a receita de panqueca de carne gratinada, que leva carne moída e é gratinada no forno. Então, se você fiou interessado, veja passo a passo como preparar.

Panqueca de carne gratinada
Anote os ingredientes necessários:
- 2 ovos;
- 2 xícaras (chá) de leite;
- 4 colheres (sopa) de amido de milho;
- 2 xícaras (chá) de farinha de trigo;
- 1 colher (sopa) de margarina derretida;
- 3 colheres (sopa) de azeite;
- 1 cebola picada;
- 2 dentes de alho picados;
- 500 gramas de carne moída;
- 1 lata de milho verde escorrida;
- 1 xícara (chá) de molho de tomate;
- 1/2 xícara (chá) de azeitona verde picada;
- Salsa picada;
- 700 ml de molho branco;
- 1/2 xícara (chá) de queijo parmesão ralado;
- Pimenta e sal a gosto.

Como preparar:
Massa – No liquidificador, bata ovos, o leite, o amigo de milho, a farinha de trigo, a margarina derretida e o sal. Depois, em uma frigideira antiaderente (untada), comece a preparar as panquecas. Coloque um pouco da massa na frigideira, deixe dourar de um lado, vire e doure do outro. Coloque em outro recipiente e reserve. Repita este procedimento até todos os ingredientes da massa da panqueca de carne gratinada acabem.
Recheio – Para começar a preparar o recheio da panqueca de carne gratinada, pegue uma panela e aqueça o azeite, depois coloque a cebola e o alho. Deixe dourar, e acrescente a carne e o milho verde. Deixe cozer até que toda a água se evapore. A seguir, adicione o molho de tomate, a azeitona, a salsa, a pimenta e o sal. Espere esfriar, recheie as panquecas e transfira-as para um refratário. E para finalizar, coloque o molho branco como cobertura, jogue o queijo ralado por cima e leve ao forno para gratinar. E pronto, agora basta saborear estas deliciosas panquecas de carne gratinada, uma receita simples e fácil de fazer, ótimas para qualquer ocasião Bom apetite!

Rua Direita

Título: Receita de Panqueca de Carne Gratinada

Autor: Rua Direita (todos os textos)

Visitas: 0

682 

Comentários - Receita de Panqueca de Carne Gratinada

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Um sinal de compromisso

Ler próximo texto...

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Tema: Jóias Relógios
Um sinal de compromisso\"Rua
Exibir uma aliança de compromisso é, frequentemente, motivo de orgulho e, quando se olha para ela, vai-se rodando-a no dedo e fica-se com aquela expressão ridícula na cara.

Uma questão se coloca: qual a razão de estas alianças de compromisso serem tão fininhas: será porque os seus principais clientes, os jovens, são sujeitos de poucas posses (tendendo as mesadas a emagrecer ainda mais com a crise generalizada) ou porque esse compromisso, não obstante a paixão arrebatadora, é frágil e inseguro?

Sim, porque aqui há que fazer cálculos matemáticos: x compromissos vezes y alianças…com um orçamento limitado sobre um fundo sentimental infinito…

Depois, importa perpassar os tipos destas alianças. Há as provisórias, que duram em média quinze dias; há as voadoras, que atravessam os ares à velocidade da luz quando a coisa dá para o torto; há as que insistem em cair do dedo, sobretudo em momentos em que ter um compromisso se revela extremamente inoportuno; e depois há as residentes, que uma vez entradas não tornam a sair.

Os pombos-correios usam anilhas onde figuram códigos que os identificam. Talvez não fosse completamente descabido fazer umas inscrições deste género em algumas alianças de compromisso por aí…

Só para ajudar os mais esquecidos a recordarem a que “pombal” pertencem.

Pesquisar mais textos:

Rua Direita

Título:Um sinal de compromisso

Autor:Rua Direita(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários

  • Luene ZarcoLuene

    22-09-2014 às 05:46:10

    Um sinal de amor e lealdade perpétua! Adoro ver os vários modelos de aliança! Vale a pena escolher uma bem bonita!

    ¬ Responder

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios