Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Saúde > Cure-se pelas Cores

Cure-se pelas Cores

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Categoria: Saúde
Comentários: 1
Cure-se pelas Cores

Existem muitas formas de curar a essência humana e repor o seu equilíbrio. Cada um de nós tem o seu sistema energético e temos o dever de encontrar o método que melhor se adapte ao nosso organismo.

A terapia da cor não pretende ser uma panaceia para curar todos os problemas de saúde, nem ser uma receita. ela deve ser vista como um tratamento preventivo dado que somos os responsáveis pela manutenção da nossa própria saúde e bem-estar.

Ao aprendermos a trabalhar as terapias da cor, não estamos a exercer medicina mas sim a aplicar técnicas helenísticas de orientação.




Todos nós temos as nossas cores favoritas e somos afectados por elas, muitas vezes mais do que pensamos. A cor está intimamente ligada a todos os aspectos das nossas vidas e são ainda um elemento muito importante da nossa linguagem. Isto porque utilizamos sem querer as cores para descrever a saúde física, as emoções, atitudes, experiências pessoais e espirituais.

Não é por acaso que a expressão" vejo tudo cor de rosa" é utilizada frequentemente por muita gente, tal como " hoje estou vermelho de fúria". Deste modo as cores são utilizadas no vocabulário habitual. E pode afirmar-se que ninguém é neutro no que toca às cores pois gostamos mais de umas em especial. È por isso que as utilizamos mais no vestuário, ambientes ou decoração. E há algumas que habitual nem aplicamos por não gostarmos nada. E porque razão isto acontece?. porque as cores nos afectam muito mais do que imaginamos e podem mesmo transformar a nossa condição física, intelectual e emocional.

Cada cor possui as suas propriedades distintas de absorção e reflexão.E, quando a luz do dia projecta várias cores, todos os raios são absorvidos e reflectidos nos objectos ou pessoas.

É aqui que entra o papel da "cura" porque muito simplesmente, as diferentes luzes(cores) actuam sobre as energias do corpo. Deste modo algumas actuam mais fàcilmente nas frequências elevadas do cérebro, outras afectam mais as energias do corpo por terem uma frequência mais baixa.

O corpo humano é composto de campos de energia, que incluem luz, calor, magnetismo e som. Por isso podemos recorrer à cor para restituir o padrão de energia que o corpo necessita para equilibrar as áreas afectadas. Estas interagem com o sistema energético e ajudam a estabilizar o corpo físico, mental e espiritual.

Providenciando a cor adequada à área afectada podemos desembaraçar-nos eficazmente de negativismo, toxinas e riscos que afectam a nossa vida e levam ás doenças.

Através da terapia da cor despertamos o adequado fluxo de energia que pode ser ainda complementado com outros tratamentos de vibração eficazes, tais como aromas, cristais, essências ou pedras. Ou ainda praticar meditação com cor.

Cabe a cada um escolher aquelas que mais necessita independentemente de gostar ou não.


Teresa Maria Batista Gil

Título: Cure-se pelas Cores

Autor: Teresa Maria Gil (todos os textos)

Visitas: 0

797 

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 1 )    recentes

  • Teresa Maria Batista gilTeresa Maria Batista Gil

    12-05-2012 às 21:56:19

    gostei muito!

    ¬ Responder

Comentários - Cure-se pelas Cores

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

O que é uma Open House?

Ler próximo texto...

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Tema: Imóveis Venda
O que é uma Open House?\"Rua
Este é um tema que vem pôr muito a lindo o trabalho de alguns mediadores imobiliários e do seu trabalho.

Quando temos um imóvel para vender, muitos são os métodos a utilizar e os meios que nos levam até eles para termos o nosso objetivo cumprido – A venda da Casa.
Quando entregamos o nosso imóvel para que uma mediadora o comercialize, alguns aspetos têm de ser tidos em conta, como a legalidade da empresa e quem será a pessoa responsável pela divulgação da sua casa, mas a ansia de vermos o negócio concretizado é tanta, que muitas vezes nos escapa a forma como fazem a referida divulgação e publicidade do imóvel.

Entre anúncios na internet e as conhecidas folhas nas montras dos estabelecimentos autorizados, muitas mediadoras optam por fazer uma ação que está agora muito em voga que é uma Open House. Mas afinal, o que é isto de nome estrangeiro que tanto se vê pelas ruas e em folhetos de anúncio?

Ora bem, a designação em Português é muito simples – Casa Aberta. E na realidade, uma Open House é isso mesmo. Abrir uma Casa para que todos a possam ver. NO entanto, requerem-se alguns aspetos que as mediadoras normalmente preveem, mas que é fundamental que o proprietário do imóvel também tenha consciência e conhecimento.

Por norma as imobiliárias só fazem este tipo de intervenção e ação em imóveis que têm como exclusivo, isto é, quando é uma só determinada mediadora, a autorizada a poder comercializar o imóvel.

Em segundo lugar, este tipo de ação de destaque requer à mediadora custos com tempo, recursos humanos e financeiros.
A mediadora começa por marcar um dia próprio que por norma é datado para um feriado ou fim de semana. Faz então publicidade local através de folhetos e flyres anunciando a Open House, o dia e a hora, tal como o local. Muito provavelmente serão tiradas fotografias ao seu imóvel.

Através de redes sociais também poderão ser divulgadas as ações.
No dia da Open House, o local será indicado com publicidade da sua casa e da imobiliária e começarão a aparecer visitas ao imóvel.

Sugiro que não tenha mobiliário e muito menos valores em casa. O ideal será o imóvel estar desocupado de todos e quaisquer bens, por uma questão de segurança, mas também porque as áreas parecerão maiores e isso com toda a certeza ajuda à venda.

A imobiliária será responsável pela limpeza e trato do imóvel, pelo que se ocorrerem danos, serão eles os responsáveis.
Neste tipo de ações, é normal que a concorrência das imobiliárias apareça e faça parcerias que para si só trará vantagens.

Uma Open House pode não ser uma ação de destaque em Portugal, mas por exemplo nos Estados Unidos, é o normal e mais agradável. Os clientes não se sentem pressionados como numa visita normal e os negócios concretizam-se com muito mais rapidez e naturalidade.

Pesquisar mais textos:

Carla Horta

Título:O que é uma Open House?

Autor:Carla Horta(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios