Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Jóias Relógios > Oferecer pérolas

Oferecer pérolas

Categoria: Jóias Relógios
Visitas: 2
Comentários: 4
Oferecer pérolas

Desde há muitos anos que as mulheres usam pérolas. Há-as de várias cores, mas as mais famosas serão sempre as de coloração mais clara.

Compostas de material orgânico duro e esférico produzido por ostras, como reacção a corpos estranhos que invadem o seu organismo, as pérolas são muito valorizadas na joalharia.

É bastante comum a confusão entre pérolas naturais e pérolas cultivadas. As naturais surgem sem que o ser humano interfira no seu aparecimento. Um simples grão de areia ingerido pela ostra, origina uma pérola que mais tarde será resgatada por um mergulhador. A sua obtenção é tão improvável, que as torna raras e preciosas. A maioria das pérolas naturais conhecidas, foi descoberta por acaso e utilizadas apenas para adorno de peças da realeza. Desde 1961 que se abandonou a sua procura, por não ser compensadora.

Desta forma, as pérolas actualmente comercializadas são cultivadas, mas em nada diferem das pérolas naturais, quer seja em beleza, durabilidade ou textura. Para a sua obtenção, é propositadamente depositada, no interior da ostra, uma substância externa que desencadeia o processo natural de produção da pérola. O período de formação varia entre 3 e 5 anos e apenas um especialista consegue diferenciar uma pérola natural de uma cultivada.

Actualmente as pérolas de melhor qualidade são as Pérolas do Oriente, originárias do Golfo Pérsico. Há também extracção na Índia, Austrália, América Central e Sri Lanka. O maior produtor de pérolas cultivadas é o Japão.

São vários os tipos de pérolas existentes, como as Pérolas dos Mares do Sul são as mais raros e maiores de todas as pérolas; às pérolas com tons de cinza claro ou com um arco-íris de cores, é normalmente atribuído o nome de Pérolas do Taiti.

Por serem tão delicadas, há que ter alguns cuidados na sua utilização e armazenamento. Assim, não devem ser alvo de produtos químicos, como perfume ou detergentes; não as exponha a calor excessivo (por serem de origem calcária o calor pode destruí-las); não devem ser acondicionadas junto a outras jóias, mas isoladamente, envoltas em tecido; após o seu uso, devem ser limpas com uma flanela humedecida e caso desconfie da durabilidade do fio que as sustenta, providencie a sua substituição.

É bastante comum oferecer pérolas a namoradas, esposas ou mães, como sinal de amor e distinção. Estas jóias estão muito ligadas à elegância e maturidade, encaixando bem numa cerimónia formal, para a qual se recorra a vestuário mais clássico.



Cláudia Bandeira

Título: Oferecer pérolas

Autor: Cláudia Bandeira (todos os textos)

Visitas: 2

778 

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 4 )    recentes

  • Luene ZarcoLuene

    20-09-2014 às 13:22:43

    Lindas são as pérolas! Elas possuem uma beleza explendida e transmitem delicadeza e elegância. O melhor é que até hoje, elas nunca deixaram sua beleza e o uso.

    ¬ Responder
  • SophiaSophia

    08-05-2014 às 20:00:30

    Pérolas são super lindas em grandes ocasiões, mas hoje em dia é muito difícil vermos alguém usando. Foram um marco em tempos passados!
    Cumprimentos,
    Sophia

    ¬ Responder
  • M.L.E.- Soluções de ClimatizaçãoDaniela Vicente

    12-09-2012 às 21:28:54

    eu adoro bijutaria que imita as pérolas. os brincos que uso constantemente são a imitar as pérolas. dão um ar requintado à mulher. não só os diamantes podem fazer de uma mulher luminosa. se me oferecem pérolas verdadeiras melhor ainda. todavia, sou muito distraída e ia acabar por perdê-las ou estragar sem querer. adorei o seu texto de como as pérolas surgem. gostava de ter umas ostras num lago perto da minha casa.

    ¬ Responder
  • karinisgskarinisgs

    08-04-2011 às 23:34:32

    huuum gostei da autora gostosa

    ¬ Responder

Comentários - Oferecer pérolas

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Os primeiros brinquedos

Ler próximo texto...

Tema: Brinquedos
Os primeiros brinquedos\"Rua
O brinquedo é mais do que um objecto para a criança se divertir e distrair, é também uma forma de conhecer o mundo que tem ao seu redor e para dar asas à sua imaginação. Desta forma, os brinquedos sempre estiveram presentes na sociedade.

Os primeiros brinquedos datam de 6500 anos atrás, no Japão, em que as crianças brincavam com bolas de fibra de bambu. Entretanto há 3000 anos surgiram os piões feitos de argila e decorados, na Babilónia.

No século XIII apareceram os soldadinhos de chumbo, porém só eram acessíveis às famílias nobres. Cinco séculos mais tarde, apareceram as caixas de música, criadas por relojoeiros suíços.

As bonecas são muito antigas, surgiram enquanto figuras adoradas como deusas, há 40 mil anos, mas a primeira fábrica abriu apenas em 1413 na Alemanha. Barbie, a boneca mais famosa do mundo, foi criada em 1959, mas ainda hoje é das mais apetecíveis pelas crianças.

O grande boom dos brinquedos aconteceu quando se descobriu o plástico para o fabrico. Mesmo assim, muitas famílias não podiam comprar brinquedos aos filhos, como tal, estes utilizavam diversos tipos de materiais e construíam os seus próprios brinquedos.

Actualmente, as crianças têm acesso a uma enorme variedade de brinquedos, desde bonecas, a carros telecomandados, a videojogos… Educativos ou apenas lúdicos, há de tudo e para todos os gostos e preços.

Pesquisar mais textos:

Rua Direita

Título:Os primeiros brinquedos

Autor:Rua Direita(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários

  • umdolitoys 23-01-2013 às 05:46:38

    Adorei a reportagem! e tenho algo para vocês verem!!

    Espero que gostem!!!

    ¬ Responder
  • sofia 22-07-2012 às 21:56:29

    Achei muito interecante e muito legal saber que ano foi fabricadoas bonecas

    ¬ Responder

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios