Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Jóias Relógios > Acessórios que iluminam

Acessórios que iluminam

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Categoria: Jóias Relógios
Comentários: 3
Acessórios que iluminam

Os acessórios fazem parte da vida dos humanos desde há milhares de anos. Certamente que assim que surgiram os primeiros humanos logo surgiram os primeiros acessórios. Faz parte da natureza humana.

Segundo as crenças religiosas, a vaidade é um pecado, no entanto, a verdade é que nem as pessoas mais religiosas do mundo conseguem resistir a um boa peça de joalharia ou a um bom relógio por exemplo. Mas isso agora não interessa.

Os acessórios sempre fizeram parte da vida das pessoas, e atualmente são indústrias que movimentam milhões. Isso deve-se ao facto de as pessoas realmente gostarem de os comprar e principalmente de os exibir.

Um acessório de qualidade e bem escolhido de acordo com a personalidade e estilo da pessoa, com a roupa e com a ocasião em que vai ser usado, dá um outro brilho a qualquer pessoa e cria uma outra impressão nas pessoas em redor, tornando essa pessoa mais “especial” e fazendo com que o seu ego se preencha totalmente.

Além disso, a pessoa quando usa uma joia bonita e de grande valor ou um relógio elegante e valioso, torna-se mais confiante e sente-se mais valorizada, isto porque de facto passa a ser mais valorizada e a ser tida mais em consideração pelo facto de usar esse tipo de acessórios.

Os relógios e as joias realmente iluminam e criam uma aura especial em redor das pessoas que as usam, e são usadas como manifestações exteriores de poder económico, estatuto social, sucesso pessoal, etc. E aqui o tamanho também conta, porque quanto mais opulento for o relógio ou maior for a peça (ou o diamante), maior é o sinal de riqueza e de poder económico.

Este tipo de acessórios são muito usados como prendas, principalmente para oferecer à pessoa que se ama. E quando uma pessoa recebe um relógio magnífico ou uma joia valiosa numa situação destas vai certamente sentir-se radiante e muito feliz.


Carlos Vieira

Título: Acessórios que iluminam

Autor: Carlos Vieira (todos os textos)

Visitas: 0

612 

Imagem por: Jesse Kruger

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 3 )    recentes

  • Rafaela CoronelRafaela

    21-09-2014 às 14:15:36

    Gosto de usar acessórios, pois é isso mesmo que acontece: iluminam! Mas, uso alguns como brincos grandes, cintos e as vezes, colares. Gosto do estilo mais simples!

    ¬ Responder
  • Rafaela CoronelRafaela

    21-09-2014 às 03:29:43

    A vaidade é algo que a pessoa usa de excesso. Não vejo o acessório como algo pecaminoso, pois quando usado de maneira simples e discreto, fica muito elegante e charmoso.

    ¬ Responder
  • SophiaSophia

    09-05-2014 às 16:33:40

    Os acessórios quando utilizados sem exageros realmente iluminam o visual da mulher. Existem acessórios dispensáveis, que a mulher usa mais por vaidade mesmo e isso está no coração, não depende do exterior. O melhor é que quanto menos acessórios, melhor! Use apenas o essencial!
    Cumprimentos,
    Sophia

    ¬ Responder

Comentários - Acessórios que iluminam

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Martelos e marrettas

Ler próximo texto...

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Tema: Ferramentas
Martelos e marrettas\"Rua
Os martelos e as marretas são, digamos assim, da mesma família. As marretas poderiam apelidar-se de “martelos com cauda”. Elas são bastante mais robustas e mantêm as devidas distâncias: o cabo é maior.

Ambos constituem, na sua génese, amplificadores de força destinados a converter o trabalho mecânico em energia cinética e pressão.

Com origem no latim medieval martellu, o martelo é um instrumento utilizado para “cacetear” objectos, com propósitos vários, pelo que o seu uso perpassa áreas como o Direito, a medicina, a carpintaria, a indústria pesada, a escultura, o desporto, as manifestações culturais, etcétera, variando, naturalmente, de formas, tamanhos e materiais de composição.

A diversidade dos martelos é, realmente, espantosa. O mascoto, por exemplo, é um martelo grande empregue no fabrico de moedas. Com a crise económica que assola o mundo actualmente, já se imaginam os governantes, a par dos banqueiros, de martelo em punho para que não falte nada às populações…

Há também o marrão que, mais do que o “papa-livros” que tira boas notas a tudo, constitui um grande martelo de ferro, adequado para partir pedra. Sempre poupa trabalho à pobre água mole…

O martelo de cozinha serve para amaciar carne. Daquela que se vai preparar, claro está, e não da de quem aparecer no entretanto para nos martelar a paciência…!

Já no âmbito desportivo, o lançamento do martelo representa uma das provas olímpicas, tendo sido recentemente adoptado na modalidade feminina. Imagine-se se, em vez do martelo, se lançasse a marreta… seria, certamente, mesmo sem juiz nem tribunal, a martelada que sentenciaria a sorte, ou melhor, o azar de alguém!

Pesquisar mais textos:

Rua Direita

Título:Martelos e marrettas

Autor:Rua Direita(todos os textos)

Imagem por: Jesse Kruger

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios