Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Saúde > Bebidas estimulantes

Bebidas estimulantes

Categoria: Saúde
Comentários: 1
Bebidas estimulantes

O café é uma bebida tradicionalmente procurada pelas suas qualidades gustativas, estimulantes e vitamínicas.

É bastante divulgado e consumido de diversas formas como gelados, doces, refrescos, licores e cocktails.

Tem como designação de café, uma bebida escura aromática preparada a partir dum infusão de grão torrado e depois moído e de agua bastante quente. A classificação deste em grão é feita a partir do tamanho, aroma e sabor, sendo distribuídos por lotes de diferentes procedências. Os mais famosos passam pela Moka (costas da Arábia), Brasil, Cabo Verde (ilha do fogo e Sto. Antão), São Tomé, e Angola.

Como preparar um bom café?

Começando por um bom lote de café, moer o grão só na altura de o fazer, servir bem quente, escaldando a chávena previamente, utilizando agua não calcária e apenas deitar cerca de 13 a 15gramas de café por cada chávena.

Bebidas á base de café servidas num bar:
Abatanado;
Carioca;
Garoto;
Mazagran;
Cappuccino;
Irish Coffee;
Pingado;
Cimbalino;

Meia de leite/ Meia de leite de Máquina;

O Chá também é uma das bebidas estimulantes e medicinal, uma vez que contem um produto excitante que estimula os nervos. Pode ser subdividida por três grupos: Preto, Verde, Branco e Oolong.

A teína é um composto do chá, que varia entre as 40 e 50 mg por chávena, também conhecida como cafeina do chá. Contem propriedades tónicas que aumentam a vivacidade e despertam a rapidez de reflexos.

Caso pretenda reduzir a teína, deve colocar a saqueta das folhas que irá utilizar para fazer o chá, previamente durante 30segundos em água quente, após tal ação, pode fazer o chá normalmente como costuma fazer num bule em água novamente quente ou fria, conforme pretenda.

A água deve ser engarrafada e não conter calcário, e confecionada de preferência em recipiente de vidro ou porcelana para não alterar o sabor do mesmo.

Esta bebida é utilizada nos seus países de origem como um bem essencial para a saúde uma vez que previne de diversas doenças. Uma vez ingerida em grandes quantidades também pode causar danos ao organismo.

Os maiores produtores de chá passam pela India, Ceilão, China, Japão, indonésia, Paquistão, Quénia e Moçambique. Existem cerca de 1500 espécies de chá, normalmente cultivadas em espaços de clima tropical.


Sandra Mendes

Título: Bebidas estimulantes

Autor: Sandra Mendes (todos os textos)

Visitas: 0

732 

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 1 )    recentes

  • Daniela VicenteDaniela Vicente

    16-09-2012 às 19:09:08

    as bebidas estimulantes contêm muita cafeína e isso é preocupante. pode ir de 80 mg ao 300 mg por dose. para além disso, muitas empresa juntam ervas que aumentam o efeito da cafeína ou assumir o papel de cafeína. chocolate preto é a bebida com menos cafeína com cerca de 20 mg. o refrigerante tem 30 mg. o chá tem 50 mg. o café normal 135 mg. a bebida energética tem 300 mg.

    ¬ Responder

Comentários - Bebidas estimulantes

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Pulp Fiction: 20 anos depois

Ler próximo texto...

Tema: Arte
Pulp Fiction: 20 anos depois\"Rua
Faz hoje 20 anos que estreou um dos mais importantes ícones cinematográficos americanos.

Pulp Fiction é um marco do cinema, que atirou para a ribalta Quentin Tarantino e as suas ideias controversas (ainda poucos tinham visto o brilhante “Cães Danados”).

Repleto de referências ao cinema dos anos 70 e com uma escolha de casting excepcional, Pulp Fiction conquistou o público com um discurso incisivo (os monólogos bíblicos de Samuel L. Jackson são um exemplo disso), uma violência propositadamente mordaz e uma não linearidade na sucessão dos acontecimentos, tudo isto, associado a um ritmo alucinante.

As três narrativas principais entrelaçadas de dois assassinos, um pugilista e um casal, valeram-lhe a nomeação para sete Óscares da Academia, acabando por vencer na categoria de Melhor Argumento Original, ganhando também o Globo de Ouro para Melhor Argumento e a Palma D'Ouro do Festival de Cannes para Melhor Filme.

O elenco era composto por nomes como John Travolta, Samuel L. Jackson, Bruce Willis, Uma Thurman e (porque há um português em cada canto do mundo) Maria de Medeiros.

Para muitos a sua banda sonora continua a constar na lista das melhores de sempre, e na memória cinéfila, ficam eternamente, os passos de dança de Uma Thurman e Travolta.

As personagens pareciam ser feitas à medida de cada actor.
Para John Travolta, até então conhecido pelos musicais “Grease” e “Febre de Sábado à Noite”, dar vida a Vincent Vega foi como um renascer na sua carreira.

Uma Thurman começou por recusar o papel de Mia Wallace, mas Tarantino soube ser persuasivo e leu-lhe o guião ao telefone até ela o aceitar.

Começava ali uma parceria profissional (como é habitual de Tarantino) que voltaria ao topo do sucesso com “Kill Bill”, quase 10 anos depois.

Com um humor negro afiadíssimo, Tarantino provou em 1994 que veio para revolucionar o cinema independente americano e nasceu aí uma inspirada carreira de sucesso, que ainda hoje é politicamente incorrecta, contradizendo-se da restante indústria.

Pulp Fiction é uma obra genial. Uma obra crua e simultaneamente refrescante, que sobreviveu ao tempo e se tornou um clássico.
Pulp Fiction foi uma lição de cinema!

Curiosidade Cinéfila:
pulp fiction ou revista pulp são nomes dados a revistas feitas com papel de baixa qualidade a partir do início de 1900. Essas revistas geralmente eram dedicadas às histórias de fantasia e ficção científica e o termo “pulp fiction” foi usado para descrever histórias de qualidade menor ou absurdas.

Pesquisar mais textos:

Carla Correia

Título:Pulp Fiction: 20 anos depois

Autor:Carla Correia(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios