Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Saúde > Tire suas dúvidas sobre o mau hálito

Tire suas dúvidas sobre o mau hálito

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Categoria: Saúde
Visitas: 4
Tire suas dúvidas sobre o mau hálito

Muita gente sofre com o problema do mau hálito e muitas vezes, ela não como lidar com essa situação. Ele prejudica a vida social de quem sofre com esse mal, por isso, é importante procurar informações e ajuda para tratar esse problema. Então, tire suas dúvidas sobre o mau hálito e torne sua vida melhor.

O conhecido mau hálito, tratado pelos médicos como halitose, é um tipo de sintoma e não doença. Por isso, os pacientes que sofrem com esse problema devem ser avaliados, para que se possa identificar uma possível enfermidade que esteja causando esse sintoma. Dessa forma, será possível fazer o diagnóstico e o médico indicará o tratamento mais adequado.

O que causa mau hálito? Segundo especialistas, existem mais de quarenta fatores que podem ocasionar o mau hálito. Confira abaixo, as causas mais comuns:

Bactérias – 80% das vezes o problema se origina na boca, sendo que a causa mais comum é devido à metabolização dos alimentos pelas bactérias presentes nessa área.

Deposição de alimentos – O acúmulo de restos de alimentos nos dentes e, principalmente, na área superior da boca contribui para o aparecimento da halitose. Portanto, é importante manter os cuidados com a higiene bucal, pois além de gerar mau hálito, a falta de limpeza pode ocasionar inflamações da gengiva (gengivite) e das raízes dos dentes.

Infecção bucal – O mau hálito pode ser sintoma de faringite, que é uma inflamação da faringe ou da amigdalite. E além dos fatores citados, a halitose também pode ser provocada por outros motivos, como: dormir de boca aberta, roncar, usar de antissépticos bucais à base de álcool, uso de aparelhos ortodônticos, falta ou má escovação da língua, ficar sem comer por muito tempo, doenças no fígado, refluxo gastresofágico, fumar, bebidas alcoólicas, beber muito café e excesso de peso.

Como tratar o mau hálito? Como grande parte das causas desse problema se encontra na boca, é importante consultar um dentista. Somente ele poderá fazer uma avaliação adequada sobre o seu quadro. Mas, você também pode tomar algumas atitudes que ajudarão a aliviar um pouco o mau hálito:

- Faça a higiene bucal adequadamente;

- Use o fio dental;

- Faça consultas regulares ao dentista;

- Nunca se esqueça de escovar a língua;

- Beba bastante líquido;

- Evite cigarros, bebidas alcoólicas e café;

- Faça um café da manhã bem reforçado.


Rua Direita

Título: Tire suas dúvidas sobre o mau hálito

Autor: Rua Direita (todos os textos)

Visitas: 4

638 

Comentários - Tire suas dúvidas sobre o mau hálito

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Secretária em vidro

Ler próximo texto...

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Tema: Mobiliário
Secretária em vidro\"Rua
A maior parte das casas tem um escritório para fazer os trabalhos relativos Á profissão ou outros. È uma divisão extremamente necessária para as pessoas se recolherem a trabalhar. Por isso o escritório deve ser um local com conforto e agradável. O ambiente torna-se extremamente importante para o recolhimento necessário e a concentração que certos trabalhos exigem. Se não se tiver no local de trabalho tem de construir-se em casa.

Em todas as profissões é útil ter uma secretária para colocar um computador portátil. Livros e outros acessórios. É uma peça de mobiliário que não se dispensa de forma nenhuma. Desde sempre que foi indispensável na escola, no escritório, na empresa. A sua funcionalidade é como a do computador que praticamente não se dispensa. Para onde se vá leva-se o computador portátil a servir de complemento.

No que diz respeito à secretária ela exige um bom material e design bonito. E de facto há secretárias muito belas desde o seu modelo ao material e design. Por exemplo uma secretária em vidro fica muito bem num escritório amplo de uma vivenda ou numa empresa particular bem decorada. Pode colocar-se também num pequeno escritório de um apartamento ou numa sala especial e decorada a gosto. Há quem prefira ter uma secretária num espaço pequeno especificamente para trabalho. Deste modo concentra-se mais nele e não pensa no que tem para fazer em casa. Ou seja, dá mais prioridade ao que eventualmente tenha que fazer numa secretária. Para além de ajudar a decorar e embelezar o espaço onde se coloca dá um certo ar de charme e gramou num ambiente. Se este for decorado com objectos bonitos de decoração e uma estante para livros dá um ar mais intelectual ao ambiente. Deste modo mais propício para o recolhimento.

Não é por acaso que muita gente prefere o seu escritório para passar as horas que dispõe no seu quotidiano ou fins – de - semana. É um local propício a pensar mais nos projectos, no trabalho e nos encargos da vida. Deste modo cada divisão da casa tem uma funcionalidade diferente e um ar distinto dos restantes.

Não quer dizer que uma secretária em vidro não fique adaptada noutro local que não seja para o trabalho de estudantes ou outros, ela pode ainda adaptar-se para embelezar ou harmonizar espaços que estejam por preencher numa casa maior ou outro local. Sem dúvida que a secretária em vidro não vai deixar mal nenhum espaço onde se coloque.

Pesquisar mais textos:

Teresa Maria Batista Gil

Título:Secretária em vidro

Autor:Teresa Maria Gil(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários

  • Rua DireitaRua Direita

    20-04-2014 às 15:52:38

    Fantástico texto! A Rua Direita agradece!

    ¬ Responder

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios