Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Saúde > Tire suas dúvidas sobre o mau hálito

Tire suas dúvidas sobre o mau hálito

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Categoria: Saúde
Visitas: 4
Tire suas dúvidas sobre o mau hálito

Muita gente sofre com o problema do mau hálito e muitas vezes, ela não como lidar com essa situação. Ele prejudica a vida social de quem sofre com esse mal, por isso, é importante procurar informações e ajuda para tratar esse problema. Então, tire suas dúvidas sobre o mau hálito e torne sua vida melhor.

O conhecido mau hálito, tratado pelos médicos como halitose, é um tipo de sintoma e não doença. Por isso, os pacientes que sofrem com esse problema devem ser avaliados, para que se possa identificar uma possível enfermidade que esteja causando esse sintoma. Dessa forma, será possível fazer o diagnóstico e o médico indicará o tratamento mais adequado.

O que causa mau hálito? Segundo especialistas, existem mais de quarenta fatores que podem ocasionar o mau hálito. Confira abaixo, as causas mais comuns:

Bactérias – 80% das vezes o problema se origina na boca, sendo que a causa mais comum é devido à metabolização dos alimentos pelas bactérias presentes nessa área.

Deposição de alimentos – O acúmulo de restos de alimentos nos dentes e, principalmente, na área superior da boca contribui para o aparecimento da halitose. Portanto, é importante manter os cuidados com a higiene bucal, pois além de gerar mau hálito, a falta de limpeza pode ocasionar inflamações da gengiva (gengivite) e das raízes dos dentes.

Infecção bucal – O mau hálito pode ser sintoma de faringite, que é uma inflamação da faringe ou da amigdalite. E além dos fatores citados, a halitose também pode ser provocada por outros motivos, como: dormir de boca aberta, roncar, usar de antissépticos bucais à base de álcool, uso de aparelhos ortodônticos, falta ou má escovação da língua, ficar sem comer por muito tempo, doenças no fígado, refluxo gastresofágico, fumar, bebidas alcoólicas, beber muito café e excesso de peso.

Como tratar o mau hálito? Como grande parte das causas desse problema se encontra na boca, é importante consultar um dentista. Somente ele poderá fazer uma avaliação adequada sobre o seu quadro. Mas, você também pode tomar algumas atitudes que ajudarão a aliviar um pouco o mau hálito:

- Faça a higiene bucal adequadamente;

- Use o fio dental;

- Faça consultas regulares ao dentista;

- Nunca se esqueça de escovar a língua;

- Beba bastante líquido;

- Evite cigarros, bebidas alcoólicas e café;

- Faça um café da manhã bem reforçado.


Rua Direita

Título: Tire suas dúvidas sobre o mau hálito

Autor: Rua Direita (todos os textos)

Visitas: 4

638 

Comentários - Tire suas dúvidas sobre o mau hálito

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Fine and Mellow

Ler próximo texto...

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Tema: Música
Fine and Mellow\"Rua
"O amor é como uma torneira
Que você abre e fecha
Às vezes quando você pensa que ela está aberta, querido
Ela se fechou e se foi"
(Fine and Melow by Billie Holiday)

Ao assistir a Bio de Billie Holiday, ocorreu-me a questão Bluesingers x feminismo, pois quem ouve Blues, especialmente as mais antigas, as damas dos anos 10, 20, 30, 40, 50, há de pensar que eram mulheres submissas ao machismo e maldade de seus homens. Mas, as cantoras de Blues, eram mulheres extremamente independentes; embora cantassem seus problemas, elas não eram submissas a ponto de serem ultrajadas, espancadas... Eram submissas, sim, ao amor, ao bom trato... Essas mulheres, durante muito tempo, tiveram de se virar sozinhas e sempre que era necessário, ficavam sós ou mudavam de parceiros ou assumiam sua bissexualidade ou homossexualidade efetiva. Estas senhoras, muitas trabalharam como prostitutas, eram viciadas em drogas ou viviam boa parte entregues ao álcool, merecem todo nosso respeito. Além de serem precursoras do feminismo, pois romperam barreiras em tempos bem difíceis, amargavam sua solidão motivadas pelo preconceito em relação a cor de sua pele, como aconteceu a Lady Day quê, quando tocava com Artie Shaw, teve que esperar muitas vezes dentro do ônibus, enquanto uma cantora branca cantava os arranjos que haviam sido feitos especialmente para ela, Bilie Holiday. Foram humilhadas, mas, nunca servis; lutaram com garra e competência, eram mulheres de fibra e cheias de muito amor. Ouvir Billie cantar Strange Fruit, uma das primeiras canções de protestos, sem medo, apenas com dor na alma, é demais para quem tem sentimentos. O brilho nos olhos de Billie, fosse quando cantava sobre dor de amor ou sobre dor da dor, é insubstituível. Viva elas, nossas Divas do Blues, viva Billie Holiday, aquela que quando canta parte o coração da gente; linda, magnifica, incomparável, Lady Day.

O amor vai fazer você beber e cair
Vai fazer você ficar a noite toda se repetindo

O amor vai fazer você fazer coisas
Que você sabe que são erradas

Mas, se você me tratar bem, querido
Eu estarei em casa todos os dias

Mas, se você continuar a ser tão mau pra mim, querido
Eu sei que você vai acabar comigo

Pesquisar mais textos:

Sayonara Melo

Título:Fine and Mellow

Autor:Sayonara Melo(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios