Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Mobiliário > Mobiliário em ferro forjado

Mobiliário em ferro forjado

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Categoria: Mobiliário
Visitas: 4
Comentários: 2
Mobiliário em ferro forjado

O ferro forjado é usado há séculos por artesãos e construtores, como matéria-prima, os seus objetos e /ou projetos, e é também do agrado de muitos proprietários.

Atualmente o ferro forjado pode ser encontrado praticamente em todos os lugares inclusivamente no mobiliário (principalmente no mobiliário de exterior). Este tipo particular de ferro é também o mais resistente à corrosão, o que o torna a escolha ideal para mobiliário de exterior. Ao contrário das “manchas feias” que com o tempo aparecem noutros tipo de metais, o ferro forjado adquire uma tonalidade acastanhada com o tempo e continua a manter-se firme.

Muito do mobiliário em ferro forjado disponível nos dias de hoje é geralmente protegido por um revestimento em pó, sendo feitos para durar por muitos anos e suportar todos os tipos de clima. Além disso, o ferro forjado normal também exige muito poucos cuidados, necessitando apenas de uma ligeira limpeza ocasional, com água e sabão.

Existe uma enorme variedade de mobiliário em ferro forjado. As possibilidades são infinitas e vão desde assentos e mesas comprimidas para três, quatro ou cinco pessoas até cadeiras e mesas individuais, de várias formas e tamanhos. É também possível encontrar lâmpadas, castiçais, suportes de parede, relógios de exterior, termómetros, fogareiros, suportes para vasos, estantes, entre muitas outras peças de mobiliário e decoração.

Uma grande maioria das peças de mobiliário em ferro forjado vem em preto simples, que combina sempre bem com qualquer outro mobiliário ou decoração existente. No entanto, se você quiser uma apresentação ou uma outra cor a seu gosto, para ficar melhor no ambiente do seu pátio, apenas precisa de pegar em tinta de spray e transformar as peças a seu bel-prazer. Caso se decida por esta via, não se esqueça de comprar tinta especificamente destinada a este tipo de material, e também de aplicar antes a tinta primária (primário).

Existem também alguns estilos de mobiliário em ferro forjado para o exterior que são cobertos por verga, com o objetivo de combinar a durabilidade do metal com o revestimento mais suave do vime.



Carlos Vieira

Título: Mobiliário em ferro forjado

Autor: Carlos Vieira (todos os textos)

Visitas: 4

694 

Imagem por: Avia Venefica

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 2 )    recentes

  • SophiaSophia

    20-04-2014 às 15:48:41

    A Rua Direita parabeniza-o pelo texto. Bom saber sobre ferro forjado!

    ¬ Responder
  • Luís FernandesLuís Fernandes

    11-06-2010 às 17:27:52

    Estimado Sr. Carlos Vieira,
    A foto que apresenta neste site não mostra uma peça em ferro forjado mas sim em ferro fundido. A arte do ferro fundico está na fabricação dos moldes e a do ferro forjado na arte de trabalhar o ferro. Desculpe esta obsevação mas como trabalho em ferro forjado
    Os meus cumprimentos
    Luis Fernandes

    ¬ Responder

Comentários - Mobiliário em ferro forjado

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

O meu instrumento musical avariou!

Ler próximo texto...

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Tema: Instrumentos Musicais
O meu instrumento musical avariou!\"Rua
É inevitável que, mais cedo ou mais tarde, um instrumento musical precise de reparação.

Mesmo que conheçamos bem o nosso instrumento e o consigamos arranjar, na maioria das vezes é necessário um técnico para o fazer com a melhor das qualidades.

Eventualmente, nem será necessário existir um problema com o instrumento, poderá ser apenas uma questão de manutenção. 

No caso de uma guitarra, por exemplo, qualquer instrumentista é perfeitamente capaz de substituir uma corda partida e tirar da guitarra o mesmo som que ela tinha.

No entanto, existem reparações, seja uma amolgadela no tampo ou uma tarraxa arrancada, que convêm ser feitas por técnicos especializados.

Por norma, as próprias casas que vendem instrumentos musicais efectuam essas reparações ou são capazes de aconselhar técnicos para as fazer.

Mediante o instrumento musical em questão, a reparação ou manutenção poderá ser mais cara. É sempre mais fácil arranjar um técnico que repare um piano do que um que arranje oboés.

Apesar de ser normal cuidar do nosso instrumento musical regularmente, os percalços acontecem todos os dias. Para os contornar, há sempre alguém que nos poderá aconselhar melhor do que nós próprios.

Apesar de poder sair mais caro, temos também a certeza de que o nosso instrumento foi arranjado por especialistas no assunto.

Pesquisar mais textos:

Rua Direita

Título:O meu instrumento musical avariou!

Autor:Rua Direita(todos os textos)

Imagem por: Avia Venefica

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários

  • luiz fabiano 18-02-2012 às 15:48:28

    boa tarde amigos preciso de um cabo flex da lcd da camera g70 se aulguem tiver mande um email obrigado

    ¬ Responder

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios