Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > DVD Filmes > Como recuperar CD e DVD gravados?

Como recuperar CD e DVD gravados?

Categoria: DVD Filmes
Como recuperar CD e DVD gravados?

Na era dos vinis de musica, o problema já se colocava. Ouvir uma música de um álbum de vinil de que tanto gostávamos, vezes sem conta, ou mero descuido, faziam a agulha do gira disco saltar porque o disco estava riscado. O uso e a falta de cuidado riscavam os álbuns e estragavam músicas inteiras.

Com o passar dos tempos, os vinis deixaram de fazer parte do dia-a-dia e os CD’s e DVD’s vieram para ficar. Transportáveis com uma enorme facilidade, conseguimos ouvi-los e visualiza-los em qualquer parte do mundo, em qualquer local.

Esta facilidade tão típica já entre nós, facilita muitos momentos bem passados, mas também alguns dissabores. Já lhe aconteceu com toda a certeza, ter um CD ou DVD que salta da mesma forma que acontecia com um vinil, certo? E não falo só de filmes e de música, falo também de CD’s para instalar programas, ou ferramentas de trabalho.

Quando muitas vezes julgamos que um CD ou DVD está estragado de forma irremediável, o melhor é fazer algumas tentativas antes de o mandarmos de viagem para o eco ponto. Ora vejamos.

Muitas vezes, o problema que se apresenta quando um CD salta, é meramente sujidade. Como que por instinto, passamos com o CD pelas calças e assopramos (muitas vezes com direito a chuvisco de saliva e tudo), afim de limparmos os ditos. Este procedimento, apesar de inconsciente, deve ser sempre evitado, pois pode danificar mais ainda o CD ou DVD.

Para uma limpeza perfeita, deverá limpar o CD ou DVD com um pano de algodão limpo, e sempre do meio para as extremidades. Este processo deve ser feito em local plano e sem deixar que o CD toque em zonas rugosas e sujas.

Se mesmo assim o CD ou DVD não funcionar decentemente, poderá fazer um download de um programa pela internet.

Existem vários programas no mercado que permitem que o disco seja recuperado, mais não seja para o transportar para o computador e voltar a gravá-lo num CD ou DVD novo. No entanto, se o estado do CD for muito mau, estes programas não fazem de todo milagres, por isso vai ter de comprar um novo.

Como deve saber os CD’s são feitos de policarbonato (plástico), pelo que arranhões e riscos são bastante frequentes com a sua utilização. Há quem diga que passar com pasta de dentes nos riscos e depois passar com um pano húmido, dá resultado, no entanto, sabe que este procedimento pode ser um risco ainda maior, não sabe?


Carla Horta

Título: Como recuperar CD e DVD gravados?

Autor: Carla Horta (todos os textos)

Visitas: 0

801 

Imagem por: DeclanTM

Comentários - Como recuperar CD e DVD gravados?

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Como fazer disfarces de Carnaval

Ler próximo texto...

Tema: Vestuário
Como fazer disfarces de Carnaval\"Rua
O ano começa e depressa chega uma data muito ansiada principalmente pelos mais jovens: o desejado Carnaval!

Esta é uma data que os pequenos adoram e deliram com as fantasias. O problema maior é a despesa que os disfarces representam e no ano seguinte já não usarão o mesmo disfarce ou, no caso dos mais pequenos, já não lhes serve.
O melhor nesta data é mesmo reciclar e aprender a fazer disfarces caseiros utilizando truques mais económicos e materiais reciclados para preparar as fantasias dos pequenitos!

Uma sugestão para os meninos é o traje de pirata que pode facilmente ser criado a partir de peças que tenha em casa. Procure uma camisa de tamanho grande e, de preferência, de cor branca com folhos. Se não tiver uma camisa com estas características facilmente encontrará um modelo destes no guarda-vestidos de alguma familiar, talvez da avó.

Precisará de um colete preto. Na falta do colete pode utilizar um casaco preto que esteja curto, rasgue as mangas pelas costuras dos ombros. As calças devem ser velhas e pretas para poderem ser cortadas na zona das pernas para envelhecer a peça. Coloque um lenço preto ou vermelho na cabeça do menino e, de seguida, com um elástico preto e um pouco de velcro tape um dos olhos.

Para as meninas não faltam ideias originais para fazer disfarces bonitos e especiais para este dia. Uma ideia original é a fantasia de Flinstone. É muito fácil e prática de fazer e fica um disfarce muito bonito. Comece por arranjar um pedaço de tecido branco. Coloque o tecido em volta do corpo como uma toalha de banho e depois amarre num dos braços fazendo uma alça. Depois corte as pontas em ziguezague mantendo um lado mais comprido que o outro. Amarre o cabelo da menina todo no cimo da cabeça, como se estivesse a fazer um rabo-de-cavalo mas alteie-o mais. Com o auxílio de um pente frise o cabelo, pegando nas pontas e passando o pente em sentido contrário até que fique todo despenteado. Numa loja de disfarces compre um osso de plástico e prenda na fita da criança.

Pegue nos materiais, puxe pela imaginação e ponha mãos ao trabalho!

Pesquisar mais textos:

Rua Direita

Título:Como fazer disfarces de Carnaval

Autor:Rua Direita(todos os textos)

Imagem por: DeclanTM

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários

  • Rua DireitaRua Direita

    09-06-2014 às 04:01:21

    Não em carnaval, mas em bailes de fantasia, sempre usei o TNT. Eles são ótimos para trabalhar o corte, para costurar e deixa bem bonito!
    Cumprimentos,
    Sophia

    ¬ Responder

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios