Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > DVD Filmes > STAR WARS: FANÁTICO?

STAR WARS: FANÁTICO?

Categoria: DVD Filmes
Visitas: 2
STAR WARS: FANÁTICO?

"A long time ago in a galaxy far, far away..."

Dá para acreditar que o primeiro filme já foi há quase 40 anos? É isso mesmo. Foi em 1977 que o fenómeno Guerra das Estrelas apareceu.

Os filmes tem sido sempre lançados como uma trilogia, ou seja, em 1977 foi o primeiro filme, três anos depois o segundo e depois o terceiro. Esta primeira trilogia centrava-se no trio Skywalker, princesa Leia e Han solo que lutavam na Aliança Rebelde para derrotar o império Galático. Dá-nos também a conhecer o protagonista da história, Darth Vader, pai de skywalker.

Dezasseis anos depois uma nova trilogia com intervalos igualmente de três anos, começando em 1999 e terminando em 2005. Já esta trilogia mostra como o pai de skywalker se transformou em Darth Vader e acompanha a queda da Ordem de Jedi e da República Galática (posteriormente Império Galático).

E exactamente daqui a uns dias aí vem um novo filme mas desta vez esta trilogia terá dois anos de intervalo entre os filmes. Melhor para nós fãs certo?

Ainda não se sabe muito deste filme pois a sinopse está guardada a sete chaves. Mas várias fontes revelam que o filme se irá basear na luta da Resistência (Aliança Rebelde) contra a Primeira Ordem (Império Galático).

Em 2005, a franquia Star Wars foi avaliada em aproximadamente vinte biliões de dólares tornando-a assim uma das franquias baseadas em filmes de maior sucesso de todos os tempos.

É isso mesmo. Se não viste os filmes todos aconselho a o fazeres agora. Não queres com certeza perder “O Despertar da força”.

Quero que me digam que brinquedos, camisolas, jogos, livros tem deste franchise. E qual o filme ou trilogia de que gostaram mais até agora? Qual a frase ou frases dos filmes que não vos sai da cabeça? Qual a personagem que mais adoram e odeiam? Preparem as sabres de luz seus fanáticos pois "I have a bad feeling about this"! Torna-te num verdadeiro Jedi :)

O filme tem estreia marcada para dia 17 de Dezembro em Portugal e no Brasil.

Força Team Star Wars e May the force be with you.


A.c.adams818

Título: STAR WARS: FANÁTICO?

Autor: A.c.adams818 A.c.adams818 (todos os textos)

Visitas: 2

0 

Comentários - STAR WARS: FANÁTICO?

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Os descendentes de Eça

Ler próximo texto...

Tema: Literatura
Os descendentes de Eça\"Rua
Recentemente, por via da comunicação social, soubemos da entrega do prémio Leya, a um trineto de Eça de Queirós. Julgo que bastou essa noticia, para que todos ficássemos curiosos sobre os seus descendentes…esse mistério, como o Mistério da Estrada de Sintra, começou a adensar-se entre quem se interessa por estas coisas da literatura e da genealogia…então aqui deixo algumas notas que poderão ser importantes para quiçá, um dia, um qualquer jornalista, ou editor, se lembre, de conseguir reunir todos os seus descendentes vivos e se tire uma fotografia de família.

José Maria Eça de Queirós, escritor pródigo da nossa nação, contraiu matrimónio em 1886, com Emília de Castro Pamplona Resende, condessa de Resende, deixando à data de sua morte, em Paris, quatro filhos como seus descendentes e herdeiros diretos; foram eles António Eça de Queirós, Maria Eça de Queirós, Alberto Eça de Queirós e José Maria Eça de Queirós; portanto três meninos e uma menina.
Através do site Geneall.net, foi possível perceber as linhas genealógicas que se seguiram aos seus filhos. No entanto, nem todos os nomes dos seus bisnetos e trinetos estão aí presentes, com certeza por motivos de ordem pessoal, de resguardo da privacidade, motivos que não podemos questionar. Porém, é possível, pelo menos determinar a existência desses membros da família queirosiana.

De antemão sabemos que não houve descendência por parte de dois dos seus filhos, António Eça de Queirós e de Alberto Eça de Queirós.
Maria Eça de Queirós teve dois filhos, uma menina e um menino, porém a menina morreu muito nova, ficando apenas o menino, de seu nome Manuel Pedro Benedito de Castro, que mais tarde casou com Maria da Graça Salema de Castro, a mulher que se tornou a primeira diretora da Fundação Eça de Queirós, na casa de Tormes, pertença da família da esposa de Eça de Queirós. Como Manuel Pedro Benedito de Castro não teve filhos, sabemos que por este ramo, terminou a descendência do escritor.

Convém, entretanto, acrescentar aqui uma curiosidade. Depois do regresso a Portugal da viúva de Eça, ela e os filhos, foram residir para a casa da Granja, pertencente à família de Sophia de Mello Breyner. Inicialmente como esta casa costumava ser arrendada pela família de Sophia, Emília de Castro, arrendou-a, vindo a compra-la uns anos depois. Portanto, é aqui nesta casa que ela cria os seus filhos, e é onde, José Maria Eça de Queirós, um dos seus filhos, permanece após a sua morte, tendo criado aqui os seus filhos e netos, e tendo aqui também falecido.

Podemos então seguramente afirmar que a sua grande linha de descendência parte do seu filho, com o mesmo nome, José Maria Eça de Queirós, que teve também ele, atente-se à curiosidade, quatro filhos, neste caso, ao inverso, um menino, e três meninas, respetivamente de seus nomes, Manuel Eça de Queirós, Maria das Dores Eça de Queirós, Matilde Maria de Castro de Eça de Queirós e Emília Maria de Castro Eça de Queirós. Esta ultima, Emília, teve ao que consta nove filhos, sendo que um deles, Afonso Maria Eça de Queirós Cabral, é quem atualmente preside à Fundação acima citada, depois da morte da primeira presidente, referida atrás, Maria da Graça Salema de Castro.

Manuel Eça de Queirós por sua vez teve seis filhos, Maria das Dores Eça de Queirós teve três filhos, e Matilde Maria de Castro de Eça de Queirós, dois filhos. Somados, contabilizamos vinte, os bisnetos do famoso escritor. Seria interessante avançar um pouco mais nos ramos genealógicos e aflorar quem são ou pelo menos, quantos são os trinetos e tetranetos de Eça, por conseguinte fica aqui o desafio, pois é certo que porventura alguns destes descendentes não se conhecem, e nunca terão trocado qualquer impressão sobre o seu ascendente, para uns, bisavô, para outros trisavô, e ainda para outros, tetravô.

Pesquisar mais textos:

Liliana Félix Leite

Título:Os descendentes de Eça

Autor:Liliana Félix Leite(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios