Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Bricolage Jardim > Impermeabilização de parede

Impermeabilização de parede

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Categoria: Bricolage Jardim
Visitas: 12
Comentários: 1
Impermeabilização de parede

Paredes com pintura rachada e acabamento caindo, além de serem esteticamente muito desagradáveis é também sinal de problema, por isso a impermeabilização é tão importante na obra, mas se a sua casa está apresentando estes sintomas nas paredes logo após o término da construção ou mesmo depois de muitos anos isso significa que há infiltração em algum lugar. Você pode se perguntar como assim em algum lugar? É que parede descascando não significa que a infiltração comece onde ela dá sinal, por isso antes de sair aplicando impermeabilizante por todo imóvel, é necessário identificar a raiz do problema.

Muitas vezes a umidade está entrando na parede bem longe de onde o problema é apresentado, ou até mesmo pelo solo, isto porque a água busca um local para sair. Portanto antes de qualquer coisa procure focos de umidade como, por exemplo, encanamentos próximos (pode haver uma pequena fissura nos canos), água que fique empoçada junto à parede em dias de chuva, solo muito úmidos (geralmente em terrenos sobre lençóis freáticos e que necessitaram de aterramento), paredes que vertam umidade devido à alteração de temperatura do ambiente (banheiros) ou mesmo se a parede recebe muita chuva direta em seu exterior.

Identificado o problema vamos à solução. Se tudo indicar que é por causa do encanamento, observe se mesmo não havendo utilização de água o marcador continua em movimento, verifique se não há vazamentos em torneiras e caixas de água. Estão sem vazamentos então será preciso abrir a parede e consertar o encanamento. Além de acabar com o problema você acaba com o desperdício de água e dinheiro. Após basta arrumar o acabamento e a pintura da parede.

Em casos de parede de banheiro, principalmente na parte do Box, ou encostas com solo onde não seja possível impermeabilização exterior, remova a pintura e conserte buracos e fissuras, aplique o impermeabilizante de sua escolha (existem os que já possuem cor o que facilita e pintura em casos que não há aplicação de massa corrida), mesmo que não haja indicação, faça a aplicação cruzada e preferencialmente com três de mão respeitando o tempo de secagem entre cada uma, aguarde ao menos 72 horas para fazer a pintura.

Para impermeabilizações externas de preferência por manta asfática, este deve se aplicada por profissional qualificado, pois sua utilização exige cuidados específicos e a falta deles pode ocasionar danos e oferecem riscos as pessoas e ao imóvel.

Lembre-se que uma pequena infiltração não tratada pode com o passar de o tempo comprometer a estrutura do imóvel.


Fabiane Martello

Título: Impermeabilização de parede

Autor: Fabiane Martello (todos os textos)

Visitas: 12

772 

Imagem por: kzappaster

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 1 )    recentes

  • Luene ZarcoLuene

    14-10-2014 às 13:21:25

    Realmente, é preciso ir na raiz do problema, pois podemos nos enganar quanto a isso. A impermeabilização é muito importante, pois ela bloqueia essas ações nas paredes: a umidade, o mofo, entre outras coisas.

    ¬ Responder

Comentários - Impermeabilização de parede

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

O meu instrumento musical avariou!

Ler próximo texto...

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Tema: Instrumentos Musicais
O meu instrumento musical avariou!\"Rua
É inevitável que, mais cedo ou mais tarde, um instrumento musical precise de reparação.

Mesmo que conheçamos bem o nosso instrumento e o consigamos arranjar, na maioria das vezes é necessário um técnico para o fazer com a melhor das qualidades.

Eventualmente, nem será necessário existir um problema com o instrumento, poderá ser apenas uma questão de manutenção. 

No caso de uma guitarra, por exemplo, qualquer instrumentista é perfeitamente capaz de substituir uma corda partida e tirar da guitarra o mesmo som que ela tinha.

No entanto, existem reparações, seja uma amolgadela no tampo ou uma tarraxa arrancada, que convêm ser feitas por técnicos especializados.

Por norma, as próprias casas que vendem instrumentos musicais efectuam essas reparações ou são capazes de aconselhar técnicos para as fazer.

Mediante o instrumento musical em questão, a reparação ou manutenção poderá ser mais cara. É sempre mais fácil arranjar um técnico que repare um piano do que um que arranje oboés.

Apesar de ser normal cuidar do nosso instrumento musical regularmente, os percalços acontecem todos os dias. Para os contornar, há sempre alguém que nos poderá aconselhar melhor do que nós próprios.

Apesar de poder sair mais caro, temos também a certeza de que o nosso instrumento foi arranjado por especialistas no assunto.

Pesquisar mais textos:

Rua Direita

Título:O meu instrumento musical avariou!

Autor:Rua Direita(todos os textos)

Imagem por: kzappaster

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários

  • luiz fabiano 18-02-2012 às 15:48:28

    boa tarde amigos preciso de um cabo flex da lcd da camera g70 se aulguem tiver mande um email obrigado

    ¬ Responder

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios