Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Materiais Construção > Betoneira e central de concreto

Betoneira e central de concreto

Visitas: 28
Betoneira e central de concreto

A betoneira é uma ferramenta de grande importância obra, pois sua utilização otimiza tempo e pessoal e isto compensa seu custo. Além de garantir um concreto melhor preparado e mais homogêneo.

Ela é uma máquina destinada a preparar o concreto através da adequada mistura dos materiais previamente dosados.

Seu principio de funcionamento pode ser por tambor giratório ou de gravidade e pás giratórias ou de contracorrente.

O tambor giratório ou de gravidade é o mais comum na obra. Caracteriza-se por efetuar um movimento de rotação da caçamba em torno do eixo horizontal. Tem palhetas internas fixadas a caçamba. A mistura do concreto ocorre pelo revolvimento de seus componentes.

A betoneira de pás giratórias ou contracorrente, é usada no amassamento de concretos muitos secos e caracteriza-se por ter em suas pás, e em alguns casos em seu tambor, movimento de rotação em torno de seu eixo vertical para efetuar a mistura dos componentes.

Aplica-se a utilização da betoneira no concreto e na argamassa em obras de construção de edificações em geral. Até mesmo nos casos de obras de grande porte é de grande importância para o apoio deste trabalho.

Há uma grande variedade de betoneiras e sua capacidade pode variar de 0,100 m3 a 2,5 m3.

As betoneiras mais usuais nas obras de construção de edificações são a de gravidade e a de tambor basculante, elas tem a capacidade de produzir cerca de 0,250 m3 a 2,5 m3 de concreto por hora.

Podendo possuir ou não um carregador automático que consiste em uma caçamba que ao ser acionada, sobe despejando todo seu conteúdo no interior da betoneira. Este carregador automático auxilia em uma medição mais precisa dos componentes usados.

Na central de concreto encontramos o concreto produzido por concreteiras.
O concreto dosado na central é feito por empresas prestadoras de serviços de concretagem, mais conhecidas como concreteiras. O concreto executado pelas concreteiras é feito dentro dos mais altos níveis de qualidade e tecnologia.

A correta dosagem de seus materiais componentes, que são o cimento, água, agregados (areia e brita) e aditivos (quando necessário), é feita seguindo as normas especificas regida pela ABNT e de acordo com o tipo de obra da edificação.

O Antigo preparo do concreto feito artesanalmente, rudimentar e desprovido de quaisquer controles tecnológicos, agora evoluiu para uma atividade especializada. Com uma complexa execução e altamente técnica, que pode possuir os mais diversos usos e aplicações.

Sua abrangência engloba quaisquer tipos e pontes de edificações, pavimentação de vias urbanas e rodoviárias, barragens, pontes túneis, serviços públicos e obras de saneamento, plataformas marítimas, viadutos, guias, sarjetas e até calçadas.


Fabiane Martello

Título: Betoneira e central de concreto

Autor: Fabiane Martello (todos os textos)

Visitas: 28

790 

Imagem por: dailyinvention

Comentários - Betoneira e central de concreto

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Gatos Tudo Sobre Gatos

Ler próximo texto...

Tema: Animais Estimação
Gatos Tudo Sobre Gatos\"Rua
Gatos - Domesticado primeiramente no oriente médio, o gato doméstico é o resultado de uma adaptação evolutiva dos gatos selvagens. Cientificamente, é denominado Felis catus, de acordo com as regras do Código Internacional de Nomenclatura Zoológica. Entretanto, na prática é comum por parte dos biólogos, a distinção entre as espécies selvagens (Felis Silvetris) e as domesticadas (Felis Catus).

É consenso entre os historiadores que os sinais mais antigos da associação dos gatos com o homem datam de quase 10 mil anos atrás. Em tempos antigos, sua função era trabalhar no auxílio do controle populacional de diversos tipos de roedores. Atualmente, é bastante popular, seja como animal de companhia ou de trabalho, exercendo ainda sua função original no controle da população de determinados roedores, tanto em ambientes rurais como urbanos.

Trata-se de um animal de tamanho pequeno a médio, em geral pesando entre 2,5 e 7 kg. O cruzamento entre as diversas espécies o tornou menor, e menos agressivo com os humanos. Excelente caçador, o gato possui natureza independente, é curioso, porém sociável. Sua alimentação é essencialmente orientada ao consumo de carne, mas até mesmo os exemplares selvagens costumam complementar sua alimentação com folhas e outros elementos vegetais.
Gatos - Descrição e características

GatosAs características comportamentais dos gatos variam dependendo da raça, idade e sexo. Os gatos de pelagem curta tendem a ser mais magros e ativos fisicamente, enquanto os de pelo longo são, em geral, mais pesados. O comportamento dos filhotes de gato no entanto, pode variar bastante de acordo com a ninhada e a socialização.

Considerados animais de cérebro bastante evoluído, os gatos são inteligentes, capazes de sentir emoções. Em relação à anatomia, são muito similares a outros felinos. Possuem corpos fortes e flexíveis, garras retráteis bem afiadas e reflexos rápidos.

A expectativa de vida de um gato é considerada longa. Enquanto um gato selvagem ou de rua tem expectativa de vida bastante reduzida devido a brigas e acidentes, os exemplares dométiscos podem viver por mais de 20 anos. Apesar de ser um animal capaz de nadar, assim como a maioria dos mamíferos, os gatos tendem a ter aversão à ambientes aquáticos e só o fazem se extremamente necessário, como no caso de queda acidental na água.
Gatos - Comportamento e Comunicação

GatosOs gatos são capazes de comunicar-se de maneira eficaz, seja com os humanos ou com outros animais de sua espécie. O cérebro dos gatos apresenta estrutura tão avançada que possibilita o desenvolvimento de uma espécie de linguagem, comunicando-se por meio de miados e ronronares, além de linguagens corporais.

O miado é um som geralmente agudo, ao contrário do ronronar, que é um som de tom mais grave e suave. O tipo de miado pode variar significativamente, dependendo do seu propósito. O gato pode vocalizar por sofrimento (para pedir comida, por exemplo) ou simplemente como um cumprimento. Já o ronronar geralmente indica um estado de calma, prazer ou excitação.

Para saber tudo sobre gatos ou para saber quais são as principais raças de gatos, não deixe de visitar a seção Raças e conheça as diferenças e particularidades de cada uma das diferentes raças desse maravilhoso e cativante felino. Confira abaixo os artigos sobre os gatos em destaque e demais assuntos relacionados, como comportamento, curiosidades e dicas.

Pesquisar mais textos:

Elisangela Lourenço de Oliveira

Título:Gatos Tudo Sobre Gatos

Autor:Elisangela Lourenço Oliveira(todos os textos)

Imagem por: dailyinvention

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios