Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Materiais Construção > MDF ou MDP

MDF ou MDP

Visitas: 24
Comentários: 6
MDF ou MDP

Quantas vezes você já se perguntou qual a diferença afinal entre MDF e MDP ao ouvir falar principalmente na matéria prima de móveis? E pior ainda quando o vendedor de uma loja lhe da uma explicação totalmente contraria a que você recebeu em outra loja.

Saiba que tanto o MDF quanto o MDP são ótimos materiais, mas cada qual tem suas peculiaridades e utilizações.

A produção do MDF é feita a partir da transformação das toras de madeira em fibras que, misturadas às resinas e prensada em prensa contínua, se transformam em chapas que saem da linha de produção já com revestimento ou não. O uso mais recomendado é em trabalhos em baixo relevo, por isso é mais usado nas portas dos móveis.

Já o MDP tem sua produção a partir da transformação de toras de madeira em partículas, que são aglutinadas e entrelaçadas com resinas especiais de última geração, isto garante maior estabilidade dimensional do painel além de grande resistência à flexão, ainda possui a vantagem de ter um aproveitamento maior da matéria-prima do que o MDF, e é justamente por isso que seu custo se torna menor.

Ao contrario do MDP, o MDP deve ser trabalhado em partes retas, sem entalhes ou cantos arredondados e sem trabalhos em baixo. Por estes motivos sua principal aplicação são em portas retas, laterais de móveis, prateleiras, divisórias, tampos retos, tampos pós-formados, base superior e inferior, além de frentes e laterais de gaveta.

Encontramos o MDP com revestimento melamínico em Baixa Pressão (BP), Finish Foil (FF), ou sem revestimento para aplicação de lâminas de madeira, laminados de alta-pressão, pintura ou impressão.

A grande diferença entre MDF e MDP, é que no MDP utilizam-se partículas de madeira em camadas, as mais finas ficam na superfície e as mais grossas no miolo. Enquanto que no MDF, aglutinam-se fibras de madeira. Apesar desta diferença, ambos são considerados como painéis de madeira de média densidade.

O MDP é o painel de madeira industrializada mais consumido no mundo para a fabricação de móveis residenciais e comerciais, ele pode ser usado em conjunto com outros painéis, inclusive com o próprio MDF. Por ter um custo mais baixo, a utilização do MDP torna os móveis mais baratos e competitivos sem deixar a qualidade de lado.

O MDP é mais leva e mais fácil de manusear do que o MDF, possui melhor resistência ao arrancamento de parafusos, ao empenamento e tem menor absorção de umidade; e tem um acabamento superior nos processos de impressão, pintura e revestimentos.

A aparência do MDP lembra o antigo aglomerado e mesmo sendo muito superior do que ele em qualidade e durabilidade, para quem não conhece acaba parecendo que o MDP não valha o investimento.

Tanto o MDF como o MDP é vulnerável a ambientes úmidos.


Fabiane Martello

Título: MDF ou MDP

Autor: Fabiane Martello (todos os textos)

Visitas: 24

799 

Imagem por: ydhsu

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 6 )    recentes

  • M.L.E.- Soluções de ClimatizaçãoNelson

    25-05-2014 às 01:28:01

    Quero fazer cozinha qual o que devo comprar?

    ¬ Responder
  • SophiaSophia

    28-05-2014 às 04:18:41

    O MDP é o mais recomendável,pois é mais resistente e suporta a mobilidade com facilidade, além também de ter maior durabilidade quando exposto a umidade do ambiente.
    Cumprimentos,
    Sophia

    ¬ Responder
  • M.L.E.- Soluções de Climatizaçãoavata

    14-08-2014 às 19:17:36

    MDP É A POHA DO AGLOMERADO COM NOME MAIS BONITO... TENHO EM CASA

    ¬ Responder
  • SophiaSophia

    12-05-2014 às 12:39:40

    Tanto o MDF como o MDP são diferentes em alguns aspectos, mas geram um conforto muito grande, além de sua beleza e durabilidade.
    Cumprimentos,
    Sophia

    ¬ Responder
  • vanessa silva de melo

    27-03-2014 às 21:05:24

    estou querendo comprar uma estante que seu material é em MDP,mas estou com dúvidas quanto sua procedência,se é boa ou não,gostaria que me dessse uma opinião.

    ¬ Responder
  • Gil CleberGil Cleber

    26-12-2010 às 03:08:43

    Peço que me dêem a seguinte orientação acerca do MDF: sou pintor, e estou cogitando o uso de MDF para preparação de painéis para pintura de quadros a óleo. Vocês acham que o material é adequado? Tem resistência e durabilidade? (a preparação, nesse caso, requer total impermeabilização da placa de MDF, já que parece que o material é susceptível de danificar-se com a umidade)

    ¬ Responder

Comentários - MDF ou MDP

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

SER MISERÁVEL

Ler próximo texto...

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Tema: Literatura
SER MISERÁVEL\"Rua
Ser miserável é viver sob a ponte,
Não ter água da fonte,
Não comer, não beber e quase não viver.

Ser miserável é não poder ter prazer,
Não ter livros pra ler,
Não ter caminhos a percorrer.

Ser miserável é viver isolado,
Como um doente terminal,
Consciente do seu final.

Ser miserável é ter o passado negado,
Ter uma vida restrita,
Na calçada em que habita.

Ser miserável é estar desprotegido,
A mercê dos perigos,
Aguardando o ocorrido.

Ser miserável é esquecer a limpeza,
Conhecer os odores humanos,
Ter pensamentos insanos.

Ser miserável é viver na pobreza,
Ter a certeza que ninguém te vê,
E não quer estar com você.

Ser miserável é acordar todo dia,
Sem pensar no amanhã,
Acreditando que será melhor.

Ser miserável é nos dias frios,
Conseguir um jornal,
E por isso se achar o tal.

Ser miserável é olhar para o lado,
Se sentir retratado,
E não ficar zangado.

Ser miserável pode trazer muitas coisas,
Garra para a sobrevivência,
Esperança no futuro.

Ser miserável é não ter escolhas,
Saber que a vida não é boa,
E mesmo assim insistir.

Ser miserável por consequência,
É diferente de ser um miserável por opção.

Ser miserável é olhar o mendigo dormindo,
Atear fogo em seu corpo,
E achar bom ele estar morto.

Ser miserável é discutir com um velhinho,
E só por discordar do que ele tem a falar,
Espancar seu corpo até matar.

Ser miserável é violar uma flor,
E durante seus gritos de dor,
Conseguir imaginar que aquilo é amor.

Ser miserável é atirar num estranho,
Podando seus sonhos,
E não se sentir medonho.

Ser miserável é em nome do dinheiro,
Prejudicar o mundo inteiro,
E se achar um grande investidor.

Ser miserável é não ajudar um miserável,
É não dividir a comida,
E apesar de bem vestida,
Ser mais pobre que o miserável.

Ser miserável e não respeitar o direito do outro,
Sempre achar que o seu livro é sagrado,
E o do outro é descartável.
Ser miserável é gritar suas verdades,
Ignorando as maldades,
Que diz acreditar.

Ser miserável é ver o sofrimento do outro,
E se ele fizer parte do seu rol de inimigos,
Desejar que tivesse um fim preciso.

Ser miserável é achar o outro diferente,
Sem perceber que a desigualdade,
Reside apenas na sua mente.

Ser miserável é viver na miséria,
Miséria da fome,
Miséria da alma,
Miséria de amor,
Miséria de valores.

Quando o ser conseguir vencer seu lado miserável por opção,
E ajudar o miserável por consequência,
Poderá eliminar da existência toda a miséria dos miseráveis.

E como em um passe de mágica nos tornaremos seres mais humanos.

Pesquisar mais textos:

Maria Cecilia Barbosa de Oliveira

Título:SER MISERÁVEL

Autor:Maria Cecilia Oliveira(todos os textos)

Imagem por: ydhsu

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios