Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > DVD Filmes > Cinema Erótico

Cinema Erótico

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Categoria: DVD Filmes
Visitas: 10
Cinema Erótico

Desde que o ser humano conquistou a habilidade de criar ou reproduzir imagens, em pedra ou no papel, desde que as primeiras máquinas fotográficas foram inventadas, desde que as primeiras máquinas de filmar foram criadas, que o ser humano transpôs para estes meios/suportes um dos seus instintos mais primitivos, o sexo.

Os filmes eróticos/pornográficos não tiveram origem na mente do homem moderno, a arte erótica já vem dos primórdios dos tempos. Provavelmente no início das primeiras civilizações, não tinha era a função/propósito que tem hoje, a de entretenimento.

Foi na década se 50 e 60 que se deu o aparecimento da chamada mais tarde, indústria pornográfica, se bem que na altura e ainda durante algumas décadas, esta era considerada ilegal e a relação com a mesma, levava até mesmo à prisão
de pessoas que eram apanhadas neste tipo de transações.




Foi mais tarde, com Larry Flint (Hustler) e Hugh Hefner(Playboy), que a indústria pornográfica começou a ganhar mais destaque e respeito por parte dos governos em geral, e leis começaram a ser implementadas para que esta passa-se a ser considerada uma atividade profissional como todas as outras.

Ver-se e falar-se de filmes porno é presentemente ainda um assunto tabu, porque é algo que faz parte da intimidade idas pessoas, mas é apontado que que presentemente, são tantas as mulheres como homens a entrar em sex-shops para comprar artigos e filmes, para usufruir dos seus conteúdos sozinhas como com os seus companheiros.

Se calhar esta foi das indústrias mais controversas a surgir na história do homem moderno, mas é incontestavelmente a que melhor prepara e destrói ideias erróneas acerca do que é o sexo além de ajudar a libertar algumas mentes, da ideia de que as relações sexuais são algo unicamente destinadas para a continuidade da espécie ao invés de serem algo que nos podem dar prazer junto da pessoa que se ama.


Bruno Jorge

Título: Cinema Erótico

Autor: Bruno Jorge (todos os textos)

Visitas: 10

807 

Comentários - Cinema Erótico

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Um sinal de compromisso

Ler próximo texto...

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Tema: Jóias Relógios
Um sinal de compromisso\"Rua
Exibir uma aliança de compromisso é, frequentemente, motivo de orgulho e, quando se olha para ela, vai-se rodando-a no dedo e fica-se com aquela expressão ridícula na cara.

Uma questão se coloca: qual a razão de estas alianças de compromisso serem tão fininhas: será porque os seus principais clientes, os jovens, são sujeitos de poucas posses (tendendo as mesadas a emagrecer ainda mais com a crise generalizada) ou porque esse compromisso, não obstante a paixão arrebatadora, é frágil e inseguro?

Sim, porque aqui há que fazer cálculos matemáticos: x compromissos vezes y alianças…com um orçamento limitado sobre um fundo sentimental infinito…

Depois, importa perpassar os tipos destas alianças. Há as provisórias, que duram em média quinze dias; há as voadoras, que atravessam os ares à velocidade da luz quando a coisa dá para o torto; há as que insistem em cair do dedo, sobretudo em momentos em que ter um compromisso se revela extremamente inoportuno; e depois há as residentes, que uma vez entradas não tornam a sair.

Os pombos-correios usam anilhas onde figuram códigos que os identificam. Talvez não fosse completamente descabido fazer umas inscrições deste género em algumas alianças de compromisso por aí…

Só para ajudar os mais esquecidos a recordarem a que “pombal” pertencem.

Pesquisar mais textos:

Rua Direita

Título:Um sinal de compromisso

Autor:Rua Direita(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários

  • Luene ZarcoLuene

    22-09-2014 às 05:46:10

    Um sinal de amor e lealdade perpétua! Adoro ver os vários modelos de aliança! Vale a pena escolher uma bem bonita!

    ¬ Responder

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios