Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Viagens > Viage com saúde e segurança

Viage com saúde e segurança

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Categoria: Viagens
Comentários: 1
Viage com saúde e segurança

Viajar, é uma das grandes riquezas da humanidade pois permite conhecer o mundo, ver de perto as diferenças entre os países do planeta, modos, costumes e trages diversos.

É por isso que a palavra "viajar "faz cada vez mais, parte do universo diário de todos nós, seja para lazer, negócios, ampliar horizontes ou conhecer novas zonas geográficas.
Assim, há que tirar o máximo partido de uma viagem diferente e única, para desligar da rotina diária e ver as coisas com outros olhos.

No entanto, é importante não esquecer certos detalhes, a fim de prevenir coisas desagradáveis, como uma urgência na saúde, provocada por alimentos, diferença de temperatura ou outra.

As doenças mais frequentes de quem viaja com regularidade são normalmente de foro digestivo, qualidade da água ou falta de água potável, mariscos que provocam alergia ou falta de vacinas.

Para não correr os riscos acima mensionados,o melhor é incluir na mala de viagem, alguns medicamentos, em especial para gripes, infeções , febre, suplementos de fibra para os intestinos, á bese de aveia ou psilio, pomada para queimaduras, aspirina e vitamina C, por exemplo. Não esquecer ainda a malinha de primeiros socorros, com algodão, tesoura, pensos, mercúrio e álcool etc.

Prevenir as doenças é com efeito o melhor remédio, de modo que antes de partir deve-se fazer uma consulta, para verificar o estado de saúde geral e vacinas.

Independentemente do país de destino escolhido, existem sempre mudanças de hábitos, sobretudo alimentares, que causam instabilidade no nosso organismo.

De tal modo que, a primeira necessidade de quem viaja é sentir-se bem e em alta, para desfrutar dos momentos, como caminhadas, gastronomia e programas diferentes do habitual ou diversões. Estas podem incluir noitadas fora do habitual, que levam involuntáriamente a distúrbios e transtornos.

Na eventualidade de viajar para o Médio Oriente, Ásia ou África, convém tomar medidas preventivas que ajudem a evitar o aparecimento de distúrbios. Estas são por exemplo não beber água sem ser fervida, não usar gelo do congelador, evitar comer marisco não cozinhado ou carne, lavar os dentes com água de garrafa e lavar as mãos antes de comer.
Nalguns países deve prevenir-se também os surtos epidémicos, a malária e a sida, em special nos países tropicais.

A diarreia é um problema bastante habitual, nas mudanças alimentares e clima, por isso deve reforçar-se a hidratação e levar um antidiarreico à base de loporamida, que acalma o aparelho intestinal e restabelece os seus movimentos naturais.

Seguindo os cuidados essenciais de higiene e saúde e levando uma farmácia ambulate em miniatura é possível aproveitar ao máximo tudo o que uma viagem de sonho oferece.


Pedro gil Ferreira

Título: Viage com saúde e segurança

Autor: Pedro gil Ferreira (todos os textos)

Visitas: 0

605 

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 1 )    recentes

  • SophiaSophia

    13-06-2014 às 16:43:56

    Verdade, amigo! Senti isso com a mudança de uma cidade para outra, principalmente, a diarreia. Realmente, nossos costumes mudam, alimentação, rotina, tudo! Temos que nos adaptar! Adorei o texto para viajarmos com saúde e segurança!
    Cumprimentos,
    Sophia

    ¬ Responder

Comentários - Viage com saúde e segurança

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Fine and Mellow

Ler próximo texto...

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Tema: Música
Fine and Mellow\"Rua
"O amor é como uma torneira
Que você abre e fecha
Às vezes quando você pensa que ela está aberta, querido
Ela se fechou e se foi"
(Fine and Melow by Billie Holiday)

Ao assistir a Bio de Billie Holiday, ocorreu-me a questão Bluesingers x feminismo, pois quem ouve Blues, especialmente as mais antigas, as damas dos anos 10, 20, 30, 40, 50, há de pensar que eram mulheres submissas ao machismo e maldade de seus homens. Mas, as cantoras de Blues, eram mulheres extremamente independentes; embora cantassem seus problemas, elas não eram submissas a ponto de serem ultrajadas, espancadas... Eram submissas, sim, ao amor, ao bom trato... Essas mulheres, durante muito tempo, tiveram de se virar sozinhas e sempre que era necessário, ficavam sós ou mudavam de parceiros ou assumiam sua bissexualidade ou homossexualidade efetiva. Estas senhoras, muitas trabalharam como prostitutas, eram viciadas em drogas ou viviam boa parte entregues ao álcool, merecem todo nosso respeito. Além de serem precursoras do feminismo, pois romperam barreiras em tempos bem difíceis, amargavam sua solidão motivadas pelo preconceito em relação a cor de sua pele, como aconteceu a Lady Day quê, quando tocava com Artie Shaw, teve que esperar muitas vezes dentro do ônibus, enquanto uma cantora branca cantava os arranjos que haviam sido feitos especialmente para ela, Bilie Holiday. Foram humilhadas, mas, nunca servis; lutaram com garra e competência, eram mulheres de fibra e cheias de muito amor. Ouvir Billie cantar Strange Fruit, uma das primeiras canções de protestos, sem medo, apenas com dor na alma, é demais para quem tem sentimentos. O brilho nos olhos de Billie, fosse quando cantava sobre dor de amor ou sobre dor da dor, é insubstituível. Viva elas, nossas Divas do Blues, viva Billie Holiday, aquela que quando canta parte o coração da gente; linda, magnifica, incomparável, Lady Day.

O amor vai fazer você beber e cair
Vai fazer você ficar a noite toda se repetindo

O amor vai fazer você fazer coisas
Que você sabe que são erradas

Mas, se você me tratar bem, querido
Eu estarei em casa todos os dias

Mas, se você continuar a ser tão mau pra mim, querido
Eu sei que você vai acabar comigo

Pesquisar mais textos:

Sayonara Melo

Título:Fine and Mellow

Autor:Sayonara Melo(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios