Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Materiais Construção > Vários tipos de pavimento

Vários tipos de pavimento

Visitas: 6
Comentários: 1
Vários tipos de pavimento

Em arquitectura, pavimento, do latim pavimentu, significa a base horizontal de uma determinada construção (ou, no caso, de um prédio, as diferentes bases de cada andar), que serve de apoio a pessoas, animais ou objectos, como o mobiliário. Outros defini-lo-ão como chão, soalho ou, simplesmente, “bate-cus”.

Para os engenheiros, trata-se da camada que se coloca sobre terreno natural ou terraplanado, a fim de aumentar a sua resistência e facilitar a circulação, quer de indivíduos, quer de veículos. Uma das primeiras e mais resistentes formas de pavimentação foi a calçada romana.

A escolha desta ou daquela côr, padrão, largura e comprimento do pavimento, juntamente com as tonalidades das paredes e do tecto, influenciam a percepção que se tem do espaço.

Portanto, é de toda a conveniência, no acto da compra, verificar o efeito que se pretende criar e ter em conta esse objectivo. Por exemplo, a junção de chão claro, com parede de fundo clara, paredes laterais escuras e tecto escuro origina o efeito de túnel.

Curiosamente, assentar certos pavimentos pode trazer reminiscências da infância. É o caso do soalho flutuante. Um novo sistema de encaixe das tábuas faz parecer que se está a jogar ao “Lego”.
O parquet conjuga peças de “madeira de lei” de forma decorativa. Felizmente que é madeira de lei e não lei de madeira, senão as suas alíneas “ardiam” ainda mais depressa…

A cortiça é totalmente natural e ecológica e muito versátil. As tábuas de pinho, por seu lado, revelam-se óptimas para esconder o dinheiro ou um acesso secreto.

A relva sintética, muito em voga, talvez pudesse ser adoptada pelos grandes clubes de futebol, cujos jogadores exigem “fofura” para marcar golos. E mesmo assim… Para além de que contribui para reduzir a respectiva penúria, já que não se rega, dura, está sempre verde, …


Rua Direita

Título: Vários tipos de pavimento

Autor: Rua Direita (todos os textos)

Visitas: 6

799 

Imagem por: seier+seier+seier

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 1 )    recentes

  • Jengdy KingerArthur Nie

    08-05-2012 às 09:01:33

    Estimado Director

    Soy Arthur Nie de Hebei Poderoso caucho sintético y plástico Co., Ltd.
    Somos uno de los mayores fabricantes de césped artificial / hierba en China, nuestros productos han pasado SGS (Rosh) e ISO9001: 2000.

    Nuestros productos se adoptaron en la construcción de un nido de China National Stadium-Bird y 08 Paralímpicos juego Statium projuect.
    Somos los socios con muchos clientes famosos en todo el mundo, la mayoría de hierba artificial de China fabrica y proveedores indirectos de muchos centros de la FIFA elogió a los deportes.

    Tenemos nuestra propia patente y la línea de producción para el hilo de la hierba y el césped manufacture.Many empresa famouse tanto en casa como en el extranjero comprar nuestros hilados artificiales para completar su producción y proyectos.

    Para más información de nuestros productos, visite nuestro sitio web: http://www.mighty.cc.Welcome su consulta.

    Saludos cordiales,

    Arthur Nie

    --- ---
    Césped sintético MIGHTY

    Tel :0086-311-80.872.161
    Fax :0086-311-87.160.555

    Correo electrónico: [email protected]
    Web: www.mighty.cc
    http://hbmedy.en.made-in-china.com/

    ¬ Responder

Comentários - Vários tipos de pavimento

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Pulp Fiction: 20 anos depois

Ler próximo texto...

Tema: Arte
Pulp Fiction: 20 anos depois\"Rua
Faz hoje 20 anos que estreou um dos mais importantes ícones cinematográficos americanos.

Pulp Fiction é um marco do cinema, que atirou para a ribalta Quentin Tarantino e as suas ideias controversas (ainda poucos tinham visto o brilhante “Cães Danados”).

Repleto de referências ao cinema dos anos 70 e com uma escolha de casting excepcional, Pulp Fiction conquistou o público com um discurso incisivo (os monólogos bíblicos de Samuel L. Jackson são um exemplo disso), uma violência propositadamente mordaz e uma não linearidade na sucessão dos acontecimentos, tudo isto, associado a um ritmo alucinante.

As três narrativas principais entrelaçadas de dois assassinos, um pugilista e um casal, valeram-lhe a nomeação para sete Óscares da Academia, acabando por vencer na categoria de Melhor Argumento Original, ganhando também o Globo de Ouro para Melhor Argumento e a Palma D'Ouro do Festival de Cannes para Melhor Filme.

O elenco era composto por nomes como John Travolta, Samuel L. Jackson, Bruce Willis, Uma Thurman e (porque há um português em cada canto do mundo) Maria de Medeiros.

Para muitos a sua banda sonora continua a constar na lista das melhores de sempre, e na memória cinéfila, ficam eternamente, os passos de dança de Uma Thurman e Travolta.

As personagens pareciam ser feitas à medida de cada actor.
Para John Travolta, até então conhecido pelos musicais “Grease” e “Febre de Sábado à Noite”, dar vida a Vincent Vega foi como um renascer na sua carreira.

Uma Thurman começou por recusar o papel de Mia Wallace, mas Tarantino soube ser persuasivo e leu-lhe o guião ao telefone até ela o aceitar.

Começava ali uma parceria profissional (como é habitual de Tarantino) que voltaria ao topo do sucesso com “Kill Bill”, quase 10 anos depois.

Com um humor negro afiadíssimo, Tarantino provou em 1994 que veio para revolucionar o cinema independente americano e nasceu aí uma inspirada carreira de sucesso, que ainda hoje é politicamente incorrecta, contradizendo-se da restante indústria.

Pulp Fiction é uma obra genial. Uma obra crua e simultaneamente refrescante, que sobreviveu ao tempo e se tornou um clássico.
Pulp Fiction foi uma lição de cinema!

Curiosidade Cinéfila:
pulp fiction ou revista pulp são nomes dados a revistas feitas com papel de baixa qualidade a partir do início de 1900. Essas revistas geralmente eram dedicadas às histórias de fantasia e ficção científica e o termo “pulp fiction” foi usado para descrever histórias de qualidade menor ou absurdas.

Pesquisar mais textos:

Carla Correia

Título:Pulp Fiction: 20 anos depois

Autor:Carla Correia(todos os textos)

Imagem por: seier+seier+seier

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios