Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > DVD Filmes > O curioso caso de Benjamin Button

O curioso caso de Benjamin Button

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Categoria: DVD Filmes
Visitas: 2
Comentários: 1
O curioso caso de Benjamin Button

É muito intrigante ver a vida sob um prisma anti-horário. Essa é a ideia do filme estrelado por Brad Pitt, Cate Blanchet e Tilda Swinton. Trata-se de um diário dos acontecimentos de uma pessoa que nasce, como o próprio personagem conta, em circunstâncias incomuns.

Nasce com mais de oitenta anos, cataratas, pele severamente comprometida e com a expectativa de apenas alguns dias de vida. É adotado e amado e passa seus primeiros anos de vida com sua mãe adotiva no lar de idosos em que ela trabalha.

Aos poucos, ao invés do esperado: morrer logo em seguida, começa a rejuvenescer. Aprende com a experiência dos mais velhos muitos ensinamentos de vida, apesar da pouca idade e velha aparência.

Ao passar dos anos vai amadurecendo seus conhecimentos e personalidade e revigorando seu físico. É um caso realmente curioso que instiga a nossa imaginação, questiona os nossos valores e crenças e nos ensina a valorizar cada momento de nossas vidas.

O fato de se ir contra o tempo cronológico habitual e o curso natural do desenvolvimento humano nos faz pensar em quanto não seria melhor se fôssemos assim. Nasceríamos com as dificuldades físicas que enfrentamos quando estamos no final da vida e aos poucos iríamos rejuvenescendo até chegarmos à infância, deixando este mundo com a face e a pureza de um bebê. Seria como se tivéssemos nos redimido de todos os nossos erros, apagado todas as nossas cicatrizes e voltado à nossa verdadeira origem de uma forma muito especial, sem sofrimentos e sem recordações.

Além de ver que estaríamos na plena idade com uma vasta experiência. Seria bastante positivo se para nós o relógio andasse em sentido anti-horário. Seria no mínimo mais confortante. Essa é uma interpretação positiva do caso de Benjamin Button.

Porém, não é tão simples assim. A reviravolta na vida de Benjamin dá-se quando, após viver muitas e diversificadas experiências, ele tem a maior de todas elas: a realidade de tornar-se pai. O grande questionamento, então, é como merecer está dádiva quando se está indo ao contrário dos demais? Como ser um pai-menino? Seria egoísmo deixar-se viver essa situação, impondo à mãe e esposa a tarefa de cuidar de “duas” crianças?

Outras questões norteiam essa narrativa. Como encarar um amor em que envelhecemos enquanto nosso ser amado rejuvenesce? Como ver nosso amor retrocedendo e desaprendendo as tarefas mais simples do dia a dia como andar e falar?

São questionamentos perturbadores que envolvem a nossa sensibilidade, emoção e crença no mundo através de um roteiro por vezes cômico, muitas vezes dramático, que nos leva a procurar teorias pessoais à nossa condição de seres humanos.

Seria realmente positivo ir contra a ordem natural da vida e dos acontecimentos?

Essa adaptação hollywoodiana do conto de F. Scott Fitzgerald, compõe-se de belos quadros que abordam questões muito delicadas como a solidão, a diferença, a efemeridade da vida, a velhice, a juventude e o amor.

A fotografia do filme é incontestavelmente fantástica. As atuações dos protagonistas e a direção de David Fincher são notáveis. O filme teve treze indicações ao Oscar e ganhou três premiações: direção de arte, maquiagem e efeitos especiais.

Vale assistir.


Rosana Fernandes

Título: O curioso caso de Benjamin Button

Autor: Rosana Fernandes (todos os textos)

Visitas: 2

716 

Imagem por: Wolf Gang

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 1 )    recentes

  • M.L.E.- Soluções de ClimatizaçãoDaniela Vicente

    13-09-2012 às 15:08:22

    que excelente filme para se ver numa tarde livre, com a chuva lá fora.tem uma duração quase de e horas e evolui de uma forma espontânea, mas contrária à vida. Benjamin Button é um menino que nasce velhinho e morre bebé. vive as suas aventuras e sofre de um amor impossível pela sua amiga de infância. depois de vários desencontros, ficam juntos até esta engravidar. é um filme muito bom. recomendo a todos.

    ¬ Responder

Comentários - O curioso caso de Benjamin Button

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

O meu instrumento musical avariou!

Ler próximo texto...

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Tema: Instrumentos Musicais
O meu instrumento musical avariou!\"Rua
É inevitável que, mais cedo ou mais tarde, um instrumento musical precise de reparação.

Mesmo que conheçamos bem o nosso instrumento e o consigamos arranjar, na maioria das vezes é necessário um técnico para o fazer com a melhor das qualidades.

Eventualmente, nem será necessário existir um problema com o instrumento, poderá ser apenas uma questão de manutenção. 

No caso de uma guitarra, por exemplo, qualquer instrumentista é perfeitamente capaz de substituir uma corda partida e tirar da guitarra o mesmo som que ela tinha.

No entanto, existem reparações, seja uma amolgadela no tampo ou uma tarraxa arrancada, que convêm ser feitas por técnicos especializados.

Por norma, as próprias casas que vendem instrumentos musicais efectuam essas reparações ou são capazes de aconselhar técnicos para as fazer.

Mediante o instrumento musical em questão, a reparação ou manutenção poderá ser mais cara. É sempre mais fácil arranjar um técnico que repare um piano do que um que arranje oboés.

Apesar de ser normal cuidar do nosso instrumento musical regularmente, os percalços acontecem todos os dias. Para os contornar, há sempre alguém que nos poderá aconselhar melhor do que nós próprios.

Apesar de poder sair mais caro, temos também a certeza de que o nosso instrumento foi arranjado por especialistas no assunto.

Pesquisar mais textos:

Rua Direita

Título:O meu instrumento musical avariou!

Autor:Rua Direita(todos os textos)

Imagem por: Wolf Gang

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários

  • luiz fabiano 18-02-2012 às 15:48:28

    boa tarde amigos preciso de um cabo flex da lcd da camera g70 se aulguem tiver mande um email obrigado

    ¬ Responder

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios