Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Alojamento > Laos: conheça uma Ásia mais ecológica

Laos: conheça uma Ásia mais ecológica

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Categoria: Alojamento
Laos: conheça uma Ásia mais ecológica

Luang Namtha é uma província no Noroeste do Laos que se supõe possua o maior número de grupos étnicos do país. Encontra-se delimitada a Norte pela China e a Oeste pelo estado Shan da Birmânia.

The Boat Landing Guest House localiza-se no cais do rio Namtha, em Ban Kone, a cerca de um quilómetro do aeroporto e a seis da principal cidade. Trata-se duma pousada com arquitetura característica da região, exibindo paredes de bambu entrelaçado e oferecendo uma água aquecida pelo sol. Não existem televisões nem telefones, mas há na aldeia um café com acesso à Internet.

Os guias proporcionam passeios de bicicleta (meio de transporte assaz ecológico) por várias aldeias, algumas das quais famosas pela fiação de seda. Um barco a motor pode conduzir o visitante a florestas da área protegida de Nam Ha, onde é possível contemplar tigres, elefantes e ursos dourados. Andar de caiaque é outra das atrações, e empresários locais costumam oferecer expedições de espeleologia.

Rafting, canoagem, trekking ou uma viagem no Nam Tha River, com apanágios selvagens, são outras possibilidades. Estas atividades permitem apoiar economicamente os moradores, facultando-lhes uma importante fonte alternativa de rendimentos, mas também contribuir diretamente para a preservação da vida selvagem e para auxiliar projetos de conservação da floresta, através de autorizações de acesso. No fundo, cada visita a Luang Namtha transmite a mensagem de que a floresta não cortada é muito mais útil e valiosa. Em acréscimo, a presença dos turistas diz à população local que a sua cultura e os seus recursos naturais são relevantes e têm valor, além de lhe propiciar um maior conhecimento do mundo exterior.

No que se refere à gastronomia, as refeições tradicionais são a grande aposta. A especialidade regional é a sopa Kao Soi, que integra um molho de soja fermentada, malagueta e carne de porco.

Luang Namtha compõe-se dum vasto conjunto de comunidades étnicas, sendo que muitas destas vivem ainda estilos de vida bastante tradicionais, inclusive no que respeita ao artesanato.

As florestas montanhosas de Evergreen, cheias de nevoeiro e de vales, as cascatas na selva, as aventuras fluviais e as aldeias de montanha fazem as delícias dos forasteiros. Podem ainda ouvir-se os habitantes a chamar os pássaros, experimentar o gosto dos alimentos recolhidos na floresta, fazer jogos no mato, etcétera.

De salientar que os proprietários da The Boat Landing Guest House costumam fazer doações às gentes nativas e recolher fundos para proteger os gibões ameaçados de extinção.

A filosofia vigente é de que se os outros beneficiarem do serviço que se presta, então os prestadores beneficiarão de igual forma, sendo que há lugar para todos. É mesmo à oriental…


Maria Bijóias

Título: Laos: conheça uma Ásia mais ecológica

Autor: Maria Bijóias (todos os textos)

Visitas: 0

610 

Imagem por: Mat Honan

Comentários - Laos: conheça uma Ásia mais ecológica

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

A arte de trabalhar a madeira

Ler próximo texto...

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Tema: Serviços Construção
A arte de trabalhar a madeira\"Rua
A carpintaria constitui, digamos assim, a arte de trabalhar a madeira. É claro que, de acordo com o produto final, se percebe bem que uns carpinteiros são mais artistas do que outros…

Às vezes nem se trata tanto dos pormenores, mas mesmo de desvirtuar o que era a ideia inicial e constava da encomenda. Mal comparado, quase se assemelha à situação daquela aspirante a costureira que pretendia fazer uma camisola para o marido e, no fim, saíram umas calças!

Na construção civil, a madeira é utilizada para diversos fins, temporários ou definitivos. Na forma vitalícia (esperam os clientes!) incluem-se estruturas de cobertura, esquadrias (portas e janelas), forros, pisos e edifícios pré-fabricados.

Quase todos os tipos de madeira podem ser empregues na fabricação de móveis, mas alguns são preferidos pela sua beleza, durabilidade e utilidade. É conveniente conhecer as características básicas de todas as madeiras, como a solidez, a textura e a côr.

Ser capaz de identificar o género de madeira usado na mobília lá de casa pode ajudar a determinar o seu real valor. Imagine-se a possibilidade de uma cómoda velha, que estava prestes a engrossar o entulho para a recolha de lixo, ter sido feita com o que hoje se considera uma madeira rara.

É praticamente equivalente a um bilhete premiado do Euromilhões, dado que se possui uma autêntica relíquia! Nestes casos, a carpintaria entra na área do restauro e da recuperação. Afinal, nem tudo o que é velho se deita fora…

Por outro lado, as madeiras com textura mais fraca são frequentemente manchadas para ganhar personalidade. Aqui há que remover completamente o acabamento para se confirmar a verdadeira natureza da madeira.

É assim também com muita gente: tirando a capa, mostram-se autenticamente. Mas destes, nem um artificie com “bicho-carpinteiro” consegue fazer nada…!

Pesquisar mais textos:

Rua Direita

Título:A arte de trabalhar a madeira

Autor:Rua Direita(todos os textos)

Imagem por: Mat Honan

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários

  • Luene ZarcoLuene

    23-09-2014 às 13:23:35

    Uma excelente técnica que penso ser muito bonito e sofisticado. A arte de trabalhar madeira está sempre em desenvolvimento e crescimento.

    ¬ Responder
  • Rua DireitaRua Direita

    01-06-2014 às 05:18:46

    É ótimo o trabalho com a madeira. Pode-se perceber grandes obras que se faz com ela. Realmente, é uma verdadeira arte!
    Cumprimentos,
    Sophia

    ¬ Responder

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios