Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Alojamento > Programa Aconchego – Residência para estudantes no Porto

Programa Aconchego – Residência para estudantes no Porto

Categoria: Alojamento
Programa Aconchego – Residência para estudantes no Porto

Programa Aconchego – Residência para estudantes no Porto

Estamos neste momento a escassos passos do início do ano lectivo. É nesta altura que os alunos terminam as candidaturas e esperam a tão aguardada resposta. No entanto, há questões que ficam pendente: onde ficar alojado? Por que preços? Com que confiança?

De outro lado desta história, temos idosos. Idosos sozinhos, solitários, abandonados e tristes. Idosos que vivem nas suas casinhas com apenas a companhia dos seus fantásmas do passado. Também eles têm uma questão: quem os pode tirar de tal solidão?

Agora, também vocês, leitores, têm uma pergunta na vossa mente: qual a relação entre estas duas realidades?

A ligação chama-se Programa Aconchego, e foi criada pela Fundação Para O Desenvolvimento Social Do Porto. Este programa é inovador e visa colmatar estes dois problemas.

Mas como?

É simples: o Projecto Aconchego recolhe candidaturas de séniores residentes na cidade do Porto e cujas casas tenham condições para o acolhimento de um estudante, e de alunos das faculdades do Porto que necessitem de alojamento.

Após recolhidas as acima citadas candidaturas, é atribuída uma casa a cada estudante, e um estudante a cada idoso. Assim, o estudante beneficia de um alojamento gratuito e, em troca, o sénior beneficia da companhia e apoio do jovem.

Para ajudar os jovens no acompanhamento nocturno dos idosos, estes têm o apoio do Serviço de Emergência do Serviço de Apoio Domiciliário da Casa das Glicínias.

Quais são os objectivos?

Segundo o regulamento do Programa, os objectivos são os que passo a citar:

a) Combater a solidão;

b) Acompanhar e apoiar os seniores e suas famílias na promoção do seu bem estar;

c) Colaborar e/ou assegurar o acesso à prestação de cuidados de saúde;

d) Promover a Intergeracionalidade entre jovens e seniores;

e) Revitalizar a cidade do Porto. – em “REGULAMENTO DO PROGRAMA ACONCHEGO DA FUNDAÇÃO PARA O DESENVOLVIMENTO SOCIAL DO PORTO”.

E quem pode concorrer?

Este projecto prossupõe dois tipos de admissão: a admissão de séniores e de estudantes. Para cada uma há critérios diferenciados, logicamente.

*Admissão Sénior:

a) Residir na cidade do Porto;

b) Ter mais de 60 anos;

c) Viver só ou com o cônjuge;

d) Ter condições de habitabilidade adequadas a um estudante universitário,

nomeadamente:
* Um quarto individual para o estudante, onde este possa ter uma mesa
de apoio para estudar;

* Instalações sanitárias completas com água quente;

* Uma cozinha completa, onde o estudante possa confeccionar as suas
refeições;

e) Estar disponível para visitas de avaliação periódicas por parte da equipa técnica do Serviço de Apoio Domiciliário da Casa das Glicínias;

f) Facultar todos os elementos necessários no âmbito da saúde para um
encaminhamento adequado em situação de emergência;

g) Disponibilizar documentação para a elaboração do processo individual de participante, incluindo o registo fotográfico do seu domicílio;

h) Cabe à equipa técnica da Casa das Glicínias proceder à triagem da
população sénior aderente ao Programa;

i) É indispensável para aceder a este Programa a existência de um telefone na residência do sénior – em “REGULAMENTO DO PROGRAMA ACONCHEGO
DA FUNDAÇÃO PARA O DESENVOLVIMENTO SOCIAL DO PORTO”.

*Admissão Júnior

a) Não residir na cidade do Porto;

b) Envolver a família do estudante, caso seja cidadão nacional, durante todo este Programa;

c) Ter consciência da responsabilidade que este Programa implica no âmbito do acompanhamento do sénior e zelar pelo bom estado da sua habitação;

d) Estar disponível para acções de formação facilitadoras de boas práticas e respostas adequadas à população sénior;

e) Colaborar com a responsável técnica do Programa, quando esta solicitar a sua participação em reuniões periódicas de avaliação, juntamente com a sua família;

f) Disponibilizar documentação para a elaboração do processo individual de participante;

g) Cabe à FAP realizar uma primeira triagem dos voluntários que se inscrevem através da Comissão Executiva da FAP Social, concretizando pareceres não técnicos sobre aptidão do candidato estudante, não invalidando uma posterior avaliação técnica em articulação com a equipa técnica da Casa das Glicínias;

h) Cabe às Juntas de Freguesia sinalizar potenciais aderentes seniores ao Programa. – em “REGULAMENTO DO PROGRAMA ACONCHEGO
DA FUNDAÇÃO PARA O DESENVOLVIMENTO SOCIAL DO PORTO”.

Quero mais informações!

Para mais informações, basta visitar o regulamento do Programa em http://www.bonjoia.org/files/Regulamento_Aconchego.pdf ou o website http://alojamento.fap.pt/?Pag=promo&nome=aconchego .


Patrícia Carvalho

Título: Programa Aconchego – Residência para estudantes no Porto

Autor: Patrícia Carvalho (todos os textos)

Visitas: 0

631 

Comentários - Programa Aconchego – Residência para estudantes no Porto

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Contador de moedas

Ler próximo texto...

Tema: Material Escritório
Contador de moedas\"Rua
O mundo dos negócios exige um grande dispêndio de energia e muitas horas de trabalho. No entanto hoje já é possível fazer recurso da alta tecnologia para poupar tempo e dinheiro. O recurso às funções do computador para o comércio facilita e atrai muitos clientes para empresas e comerciantes. No que diz respeito a contas é possível fazer uma contagem rápida e eficaz do dinheiro, sem passar horas a contar e com o risco de engano. É por isso que cada vez mais pessoas ligadas a negócios e serviços optam por adquirir um contador de moedas. Deste modo sabem que poupam tempo e não falham na sua contagem.

Dos inúmeros equipamentos que a alta tecnologia põe ao dispor, este é sem dúvida um equipamento que beneficia em muito o trabalho de muita gente. Por ser pequeno é muito cómodo e exige pouco espaço, ou melhor pode ser colocado em qualquer lugar.

Torna-se evidente que as novas tecnologias vieram para simplificar a vida e trazem muitas vantagens, rentabilizam e poupam tempo. No caso do contador de moedas, sem enganos, falhas e complicações. É o ideal para ter num escritório de uma empresa, em escolas, cafés, pastelarias, salões de jogos, bancos, cinema, serviços financeiros e de tesouraria e outros ligados a serviços públicos e privados.

Em resumo, se está ligado a qualquer trabalho de comércio ou serviços pode poupar muto tempo e problemas apenas colocando um equipamento destes no seu espaço de trabalho. As suas vantagens são inúmeras, em especial: permite realizar uma contagem rápida das moedas dividindo-as e fazendo a sua soma, conta o total das moedas, o valor total em cada tipo de moedas e a quantidade de todas as moedas.

Contem e separa no mínimo duzentas e vinte moedas por minuto, sem erro, conta e separa tudo no mesmo equipamento, permite alimentar o aparelho com quantidades entre as trezentas e quinhentas moedas de cada vez e continuar a adicionar mais moedas enquanto está a contar. Além disso o aparelho pode ser programado para separar um número de moedas predeterminado.

O seu design é bastante inovador e resistente. Os materiais de elevada qualidade, de fácil ligação e paragem automática.

Possui uma elevada funcionalidade, baixo consumo (70W), pouco peso, aproximadamente quatro kg, velocidade ultra rápida, pequena dimensão e estão todos certificados pela EU. Deste modo também possuem garantia, são fáceis de usar e de arrumar.

As suas funções práticas permitem que o contador de moedas possa estar em qualquer lugar.

Pesquisar mais textos:

Teresa Maria Batista Gil

Título:Contador de moedas

Autor:Teresa Maria Gil(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios