Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Publicidade > Atenção ao que anuncia...!

Atenção ao que anuncia...!

Categoria: Publicidade
Atenção ao que anuncia...!

A propaganda é algo que sempre existiu. Antes mesmo de haver o que se conhece hoje como publicidade organizada, já a “banha da cobra” se vendia com recurso a pregões mais ou menos elaborados, veiculando atributos, uns mais reais do que outros, dos produtos em questão. Em certos casos, pode mesmo afirmar-se que a publicitação é a alma do negócio, suplantando as virtudes do segredo, uma vez que é através dela que se dá o ponto de inflexão nas transacções e os ventos da bonança começam a soprar favoráveis.

Há anúncios de tudo e mais alguma coisa. Hoje em dia, provavelmente mercê da solidão que muita gente experimenta, as solicitações de pessoas do sexo oposto, com vista a um possível compromisso futuro, aumentaram exponencialmente. Não seria mais prático fazer uma prospecção no “mercado”dos amigos e conhecidos? Sobretudo as mulheres, em princípio mais frágeis, sensíveis e desprotegidas, podem correr alguns riscos. Inclusive o de lhes acontecer o mesmo que sucedeu a uma distinta senhora que, depois de ter anunciado no jornal a sua intenção de arranjar marido, recebeu 1 500 respostas de esposas dispostas a oferecer os seus! E ainda há quem conteste a generosidade e a solidariedade femininas…

Nos cadernos de classificados aparecem divulgadas ofertas muito interessantes. Por exemplo:
- Vendo cama para solteiros de aço inoxidável. (Quando casarem, logo têm tempo de enferrujar, os pobres…)
- Temos martelos para carpinteiros de cabo curto. (Sem palavras…)
- Alugo apartamento com garagem no quarto andar. (Não deve dar jeito nenhum subir e descer quatro andares com o carro… Ou será que têm um elevador XXL?)
- As pessoas que passeiam com cães devem usar coleira. (Algumas até já usam, mas não há meio de ficarem presas!)
- Devido à troca da tubagem, a água quente estará fria por alguns dias. (Ainda bem que avisam, senão ninguém notaria!)
- Vendem-se meias para senhoras pretas. (Isto é que é racismo! Então e as outras cores?!...)

Do exposto conclui-se que, na publicidade, como noutros sectores empresariais, e não só, é tudo uma questão de ordem. Atente-se que o salário dos trabalhadores só vem, quando as contas andam em dia, bem visto, no fim do mês de trabalho.
Por outro lado, a mesada dos filhos, muitas vezes, está já hipotecada antes de lhes chegar às mãos. O orçamento familiar, por seu lado, vai-se reduzindo drasticamente à medida que os preços “engordam” e os rendimentos “emagrecem”. A tão badalada relação causa – efeito afinal também se aplica no domínio do encadeamento de diversas actividades, entre as quais as publicitárias.

Maria Bijóias

Título: Atenção ao que anuncia...!

Autor: Maria Bijóias (todos os textos)

Visitas: 0

634 

Comentários - Atenção ao que anuncia...!

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Contador de moedas

Ler próximo texto...

Tema: Material Escritório
Contador de moedas\"Rua
O mundo dos negócios exige um grande dispêndio de energia e muitas horas de trabalho. No entanto hoje já é possível fazer recurso da alta tecnologia para poupar tempo e dinheiro. O recurso às funções do computador para o comércio facilita e atrai muitos clientes para empresas e comerciantes. No que diz respeito a contas é possível fazer uma contagem rápida e eficaz do dinheiro, sem passar horas a contar e com o risco de engano. É por isso que cada vez mais pessoas ligadas a negócios e serviços optam por adquirir um contador de moedas. Deste modo sabem que poupam tempo e não falham na sua contagem.

Dos inúmeros equipamentos que a alta tecnologia põe ao dispor, este é sem dúvida um equipamento que beneficia em muito o trabalho de muita gente. Por ser pequeno é muito cómodo e exige pouco espaço, ou melhor pode ser colocado em qualquer lugar.

Torna-se evidente que as novas tecnologias vieram para simplificar a vida e trazem muitas vantagens, rentabilizam e poupam tempo. No caso do contador de moedas, sem enganos, falhas e complicações. É o ideal para ter num escritório de uma empresa, em escolas, cafés, pastelarias, salões de jogos, bancos, cinema, serviços financeiros e de tesouraria e outros ligados a serviços públicos e privados.

Em resumo, se está ligado a qualquer trabalho de comércio ou serviços pode poupar muto tempo e problemas apenas colocando um equipamento destes no seu espaço de trabalho. As suas vantagens são inúmeras, em especial: permite realizar uma contagem rápida das moedas dividindo-as e fazendo a sua soma, conta o total das moedas, o valor total em cada tipo de moedas e a quantidade de todas as moedas.

Contem e separa no mínimo duzentas e vinte moedas por minuto, sem erro, conta e separa tudo no mesmo equipamento, permite alimentar o aparelho com quantidades entre as trezentas e quinhentas moedas de cada vez e continuar a adicionar mais moedas enquanto está a contar. Além disso o aparelho pode ser programado para separar um número de moedas predeterminado.

O seu design é bastante inovador e resistente. Os materiais de elevada qualidade, de fácil ligação e paragem automática.

Possui uma elevada funcionalidade, baixo consumo (70W), pouco peso, aproximadamente quatro kg, velocidade ultra rápida, pequena dimensão e estão todos certificados pela EU. Deste modo também possuem garantia, são fáceis de usar e de arrumar.

As suas funções práticas permitem que o contador de moedas possa estar em qualquer lugar.

Pesquisar mais textos:

Teresa Maria Batista Gil

Título:Contador de moedas

Autor:Teresa Maria Gil(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios