Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Arte > O que é um Museu?

O que é um Museu?

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Categoria: Arte
Comentários: 3
O que é um Museu?

O que é um museu? À primeira vista esta é uma questão cuja resposta parece bastante simples. Na realidade e numa análise mais aprofundada deparamo-nos com algumas questões que requerem aprofundamento. Por consequência disso mesmo, a resposta a esta pergunta é mais complexa e de difícil estruturação do que parece à primeira vista. Se por um lado um museu é “algo” a que qualquer um pode aceder a qualquer momento, por outro, poucos o conseguem compreender a nível da sua estruturação e aprecia-lo de forma genuína.

Questionei algumas pessoas, pessoas comuns, aquelas que visitam um determinado museu numa daquelas viagens familiares feitas durante o fim de semana ou férias, sobre o que era para elas um museu, as suas respostas foram de uma forma geral bastante concisas. No fundo para elas um museu é um local no qual podem ver/observar obras de arte, sejam elas pintura, escultura ou artes decorativas. Penso que esta seria a resposta sintetizada que qualquer um daria a esta pergunta sem ter pensado muito sobre a mesma.

Contudo se analisarmos a questão, é nos facilmente percetível que a resposta é bem mais complexa do que aparenta. Desta forma, seguindo uma linha de pensamento que vai evoluindo ao encontro de uma resposta que seja completa o suficiente para compreender o conceito de museu, numa fase inicial, temos que entender que qualquer exposição tem um espaço onde a mesma é exibida, então um museu é um edifício ou local onde estão albergadas obras de arte. Mas e então as exposições cientificas e técnicas?

Estas também se encontram em museus, desta forma não podemos pensar em museu apenas como o local onde existe arte. Um museu é um espaço, seja ele de que tipologia for, onde estão reunidas obras de arte, objetos, coleções, realizações artísticas (como por exemplo as instalações) científicas ou técnicas. Esta é uma área a que qualquer um pode aceder mediante alguns requisitos impostos pelos mesmos, como o pagamento ou não da entrada, idade mínima entre outros. Neste espaço expositor além da possibilidade de observarmos as obras, é-nos fornecida informação, de diferentes formas.

De forma objetiva, através de catálogos, folhetos, mapas, legendas ou outro tipo de documentação que sirva de auxiliar à compreensão da obra, quer de forma subjetiva, através da qual o museu nos leva a observar as peças nele expostas da forma que eles querem que o façamos, é algo que passa despercebido à maioria de nós, mas que é feito de forma pensada e consciente pelo museu. O espaço expositivo é pensado como um conjunto, onde a prioridade é dada à obra através do auxílio de variados elementos, como o local da colocação da mesma, a luminosidade e forma que a mesma é feita, legendas entre outros elementos. O museu proporciona conhecimento e história, é um espaço de aprendizagem, que deve ser visto como veículo de cultura e apreciado com prazer.

O museu ajuda-nos enquanto membros de uma sociedade a conhecer o nosso passado, para que possamos de uma forma mais fácil compreender o presente e alcançar o futuro. Através da análise de todos os elementos que foram referidos anteriormente podemos entender o museu como uma instituição cultural que se organiza a partir das suas coleções, obras, realizações artísticas, científicas ou técnicas cujo objetivo é transmitir uma determinada mensagem que se encontra na base ideológica do próprio museu.

Existe assim, um conceito de cultura, história e património por detrás de cada museu independentemente daquela que é a sua essência e identidade como museu.


Sónia Henriques

Título: O que é um Museu?

Autor: Sónia Henriques (todos os textos)

Visitas: 0

603 

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 3 )    recentes

  • M.L.E.- Soluções de Climatizaçãobrenda

    06-08-2014 às 20:14:34

    Adorei mtooo bm esse texto me ajudou mtooo...

    ¬ Responder
  • SophiaSophia

    17-06-2014 às 02:35:40

    Excelente explicação. O museu é mais que um acervo de antiguidade, ele relata uma história, beleza, conquista, herança, acontecimentos, arte, tecnologia, enfim, visitar um museu é sempre uma experiência única e maravilhosa.
    Cumprimentos,
    Sophia

    ¬ Responder
  • Sónia HenriquesSónia Henriques

    23-10-2012 às 21:39:54

    Comentem o texto! Obrigado

    ¬ Responder

Comentários - O que é um Museu?

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Futuro da Tecnologia, Qual o Limite?

Ler próximo texto...

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Tema: Informática
Futuro da Tecnologia, Qual o Limite?\"Rua
Futuro da Tecnologia, Qual o Limite?

Bom, Não é de hoje que tecnologia vem surpreendendo a todos nós com grandes revoluções e os custos que diminuem cada vez mais.
Hoje em dia é comum ver crianças com smarthphones com tecnologia que a 10 anos atrás nem o celular mais moderno e caro do mercado tinha.
Com isso surgiram sugiram vários profetas da tecnologia e visionários, tentando prever qual será o próximo passo.

E os filmes retratam bem esse tema e usam essa formula que atrai a curiosidade das pessoas.
Exemplos:

Minority report - A nova lei de 2002 (Imagem)

Transcendence de 2014

Em Transcendence um tema mais conspiratório, onde um ser humano transcende a uma consciência artificial e assim se torna imortal e com infinita capacidade de aprendizagem.
Vale a pena ver tanto um quanto o outro filme. Algumas tecnologias de Minority Report, como utilizar computadores com as mãos (caso do kinect do Xbox 360 e One) e carros dirigidos automaticamente, já parecem bem mais próximo do que as tecnologias vistas em Transcendence, pois o foco principal do mesmo ainda é um tema que a humanidade engatinha, que é o cérebro humano, a máquina mais complexa conhecida até o momento.

Eu particularmente, acredito que em alguns anos teremos realmente, carros pilotados automaticamente, devido ao investimento de gigantes como o Google e o Baidu nessa tecnologia.

Também acho que o inicio da colonização de Marte, vai trazer grandes conquistas para humanidade, porém grandes desafios, desafios esses que vão nos obrigar a evoluir rapidamente nossa tecnologia e nossa forma de encarar a exploração espacial, não como um gasto, mas sim como um investimento necessário a toda humanidade e a perpetuação da sua existência.

A única salvação verdadeira para humanidade e para o planeta terra, é que seja possível o ser humano habitar outros planetas, seja localizando planetas parecidos com a terra ou mudando planetas sem condições para a vida em planetas habitáveis e isso só será possível com gente morando nesses planetas, como será o caso do Marte. O ser humano com a sua engenhosidade, aprendeu a mudar o ambiente a sua volta e assim deixou de ser nômade e da mesma forma teremos que aprender a mudar os mundos, sistemas, galáxias e o universo a nossa volta.

Espero que tenham gostado do meu primeiro texto.
Obrigado à todos!
Até a Próxima!


Pesquisar mais textos:

Érico da Silva Kaercher

Título:Futuro da Tecnologia, Qual o Limite?

Autor:Érico da Kaercher(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios