Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Música > Cavaquinho de Portugal

Cavaquinho de Portugal

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Categoria: Música
Visitas: 10
Comentários: 11
Cavaquinho de Portugal

O cavaquinho é sem dúvida um instrumento tipicamente Português. No Minho, este instrumento é tocado em arraiais e festarolas, produzindo um som corrido.

Em conjunto com a viola, o violão e o acordeão, o cavaquinho é indispensável em qualquer festa ou romaria nortenha.

Dono de uma caixa de duplo bojo, são quatro as cordas presas a cravelhas de madeira dorsais. Com 52cm de comprimentos, este elemento musical, também conhecido por braguinha, colou moda também em Lisboa.

Diz-se que em Portugal existem dois tipos de cavaquinho. O do Minho e o de Lisboa.

Se no Minho o toque (e a forma como o cavaquinho é tocado) é feito de forma arrastada e faz lembrar arraial, em Lisboa, as coisas pouco diferem.

Associa-se aqui o cavaquinho às tunas universitárias, e à forma galanteia com que estes nos habituaram. Deferem aqui os cavaquinhos devido á altura do tampo até às cordas. Também o número destas é maior e o braço é mais largo.

Apesar de se identificarem muitas vezes só dois cavaquinhos, eles são utilizados, obviamente em outras localidades.

No Algarve também o cavaquinho é associado a serenatas e o seu uso é tão similar como em Lisboa e no Minho – para festins e bastante popular.

Na madeira, o seu molde é como o de Lisboa e do Algarve, mas muitas vezes a 1ª corda é trocada por fio de aço. Como instrumento rural, é considerado pobre (de aparência e nunca de som), mas o burguês, considera-o luxuoso devido ás madeiras com que é feito e aos adornos e trabalhados.

Há quem diga que a forma diferente com que o cavaquinho é utilizado na Madeira, influenciou a inclusão do instrumento no Brasil.

Quem nunca reparou no toque do cavaquinho num desfile de samba. Utilizado por estratos populares urbanos, o cavaquinho está presente na música brasileira como os ranchos, cateretês, choros, samba e outros. As Terras de Vera Cruz rendem-se ao cavaquinho, e transformam o seu som estridente, em perfeitos choros corridos e sentidos, num fado tão brasileiro, mas também ao ritmo do samba, este instrumento, faz sapatear a um ritmo tão verde e amarelo.

O cavaquinho chega entretanto ao Hawai. Diz-se que em 1879, quando João Fernandes desembarca em Honolulu, trazia na mão a braguinha (cavaquinho).

Apaixonados pelo som do cavaquinho, os havaianos batizaram o instrumento de “hukulele”, que significa “pulga saltadora”.

Pelo mundo, o cavaquinho tem vindo a ser cada vez mais utilizado. O seu som característico e único (como qualquer bom instrumento musical), tem apaixonado povos e sido incluído em muitos géneros de músicas.

Cada vez mais difundido e contagiante, qualquer dia ainda conseguimos ver um chinês a tocar braguinha.


Carla Horta

Título: Cavaquinho de Portugal

Autor: Carla Horta (todos os textos)

Visitas: 10

791 

Imagem por: midnightcomm

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 11 )    recentes

  • SophiaSophia

    13-05-2014 às 19:19:09

    O som do cavaquinho é encantador mesmo. Sempre ouço as pessoas tocarem e acho bem alegre e divertido.
    Cumprimentos,
    Sophia

    ¬ Responder
  • Bertoldo

    12-02-2013 às 06:40:18

    quero saber onde compro um cavaquinho de braco largo

    ¬ Responder
  • Bertoldo

    18-11-2012 às 00:07:47

    Como faco para comprar um cavaquinho de braco largo?

    ¬ Responder
  • Adriana SantosAdriana dos Santos da Silva

    02-10-2012 às 07:14:51

    Meu avô recenteente em seu aniversário ganhou um cavaquinho. Acho muito legal o som que transmite e são lindos seus tamanhos. O cavaquinho de Portugal é extremamente alegre, pelo menos é o que vejo falarem, mas cada lugar possui sua própria individualidade e o legal são essas misturas. Como é bom saber tocar, isso distrai e dá uma sensação maravilhosa quando estamos tocando para alguém ou para si mesmo. Relaxa demais! Gostei do seu texto.

    ¬ Responder
  • Daiany Nascimento

    01-10-2012 às 17:37:12

    O cavaquinho é um instrumento musical que faz um som agradável. Apesar de ser originalmente de Portugal, no Brasil ele é um instrumento muito popular e utilizado por várias pessoas, seja no samba, em chorinhos ou no pagode, dando um toque especial a todas as músicas. Realmente, Portugal é um país que teve e tem grande participação no cenário musical, tendo criado o cavaquinho e a tradição da música no estilo Fado. Ótimo texto, parabéns.

    ¬ Responder
  • Nilson EmpreendedorNilson Uemoto

    30-09-2012 às 06:37:30

    Adoro som de cavaquinhos e apesar de ter surgido em Portugal, aqui no Brasil o cavaquinho se tornou um instrumento musical bem popular, sendo utilizada em chorinhos e também em sambas, dando um toque genuinamente tupiniquim nas melodias.Como se vê Portugal teve uma grande contribuição no cenário musical, apresentando o fado ao mundo e o cavaquinho também.E gostei muito da menção do chinês um dia tocar cavaquinho rs

    ¬ Responder
  • Teresa Maria Batista GilTeresa Maria Batista Gil

    26-09-2012 às 13:32:01

    O cavaquinho é muito apreciado em Portugal e em todo o mundo.Ele faz parte da cultura popular portuguesa que prima pela variedade e qualidade dos seus instrumentos.O cavaquinho é um exemplo, bem conhecido de todos e apreciado pelas melodias que transmite, associado a um sentimentalismo nobre e belo.

    ¬ Responder
  • Sofia NunesSofia Nunes

    24-09-2012 às 23:50:19

    Se nos até momentos prósperos é necessário preservar o nosso património único, tanto material como imaterial, conservando-o e até reinventando-o, nos momentos de crise a nível nacional como a que vivemos, a manutenção ou recuperação dessas tradições é ainda mais importante, levando-nos a não esquecer de admirar o nosso país. E o cavaquinho é um instrumento tipicamente português (como refere no início do seu texto), devendo como tal ser conservado e tocado.

    ¬ Responder
  • André BelacorçaAndré Belacorça

    24-09-2012 às 18:30:14

    Um instrumento muito, muito popular em Portugal, e na música tradicional portuguesa, bem conhecido dos portugueses e também por outros países adversos. Um instrumento lindíssimo e com uma história fenomenal.

    ¬ Responder
  • M.L.E.- Soluções de ClimatizaçãoMarta Caseiro

    14-03-2011 às 18:07:55

    Este site não tem a informação que eu desejava...
    Não Presta....
    Por favor corrijam a informação...
    è um pouco mentira..

    ¬ Responder
  • DECIO B ARLINDODECIO B ARLINDO

    16-06-2010 às 16:59:14

    ola Carla
    esse tipo de cavaquinho o braço dele é mais largo do que costumamos usar aqui no Brasil.
    A afinação é a mesma que usamos

    Obrigado pela atenção

    ¬ Responder

Comentários - Cavaquinho de Portugal

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Martelos e marrettas

Ler próximo texto...

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Tema: Ferramentas
Martelos e marrettas\"Rua
Os martelos e as marretas são, digamos assim, da mesma família. As marretas poderiam apelidar-se de “martelos com cauda”. Elas são bastante mais robustas e mantêm as devidas distâncias: o cabo é maior.

Ambos constituem, na sua génese, amplificadores de força destinados a converter o trabalho mecânico em energia cinética e pressão.

Com origem no latim medieval martellu, o martelo é um instrumento utilizado para “cacetear” objectos, com propósitos vários, pelo que o seu uso perpassa áreas como o Direito, a medicina, a carpintaria, a indústria pesada, a escultura, o desporto, as manifestações culturais, etcétera, variando, naturalmente, de formas, tamanhos e materiais de composição.

A diversidade dos martelos é, realmente, espantosa. O mascoto, por exemplo, é um martelo grande empregue no fabrico de moedas. Com a crise económica que assola o mundo actualmente, já se imaginam os governantes, a par dos banqueiros, de martelo em punho para que não falte nada às populações…

Há também o marrão que, mais do que o “papa-livros” que tira boas notas a tudo, constitui um grande martelo de ferro, adequado para partir pedra. Sempre poupa trabalho à pobre água mole…

O martelo de cozinha serve para amaciar carne. Daquela que se vai preparar, claro está, e não da de quem aparecer no entretanto para nos martelar a paciência…!

Já no âmbito desportivo, o lançamento do martelo representa uma das provas olímpicas, tendo sido recentemente adoptado na modalidade feminina. Imagine-se se, em vez do martelo, se lançasse a marreta… seria, certamente, mesmo sem juiz nem tribunal, a martelada que sentenciaria a sorte, ou melhor, o azar de alguém!

Pesquisar mais textos:

Rua Direita

Título:Martelos e marrettas

Autor:Rua Direita(todos os textos)

Imagem por: midnightcomm

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios