Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Literatura > Mais Mais

Mais Mais

Categoria: Literatura
Mais Mais

A Ordem
A ordem que me falta
Se assemelha ao que também falta
A essa pizza a que no cesto de lixo os Ratos fizeram a matinal vizita,
Por não entender ser bem-vinda
Se tanta escassez de alegria causa ao meu coração
Que chora devido essa perdição a qual me
Dispõe dentre aos restos de pizza que na caixa
Permanecia intacta até a submissa invasão
A qual sou disposto sem mais já que a ordem
Me falta até por amar e
Sentir-me desejo por alguém que,
Com prazer descentraliza a minha ordem.

Se Passa
Se passa pelo meu coração
Um turbilhão sentidos
Tão quão vazia
Fazendo da ilusão
Tão quão decorrente ao que sinto
Por essa emoção que me invade
Me deixando sem a mínima privacidade
Que sem idade
Continua a se desleixar de
Minha felicidade que se sobressaí
Decorrente a essa tão cruscial e dolorosa perdição.

Arrecadação
Arrecado além do seu ardente calor,
O seu tão premisso amor
E eloquente paixão que se sobressaí
Acima da ilusão satirizando a sua
Própria sarcásticidade que me sobrepõe
O peso das palavras ditas em episódios
Quase que totalmente não recorrentes
A qualquer coisa que fazemos
Ou há cada instantes que respiramos,
Mas também há cada segundo que paro
Somente para pensar em quem somente me deu asas
Para ao céu,
Explorar essa tamanha imensidão
Recorrente à essa paixão que como o fogo
Incendeia minha alma descatando todo esse
Episódio de ódio e
Rancor a qual sobreponho essa poesia.

Metas
Metas que apresento para
Alcançar essa insana imensidão
Que parece se distânciar de meu coração,
Massacrando a liberdade
De sentir uma emoção
Mais forte que a da paixão
Que há cada instante a que dou-me
Conta de que um dia vejo-me tocar ela,
Esse sentimento parece há cada instante
Que respiro parece se distanciar tão
Rápido quanto o raio de luz dessa emoção
De um dia te golpeia e
Acerta em cheio o meu coração
Que nunca se parece saciar a fome de amar.

Com Juros
Com juros cobro por seu amor
Substância que me atinge sem a
Complexidade de enxergar a insanidade
De quem ama sem se importar em ser amado
Por quem tanto ama
Que se deixar levar pelo coração
De quem expressa uma pureza ainda somente
É possível enxergar aos olhos de uma criança
Que sem família e
O amparo de quatro paredes
Para que do frio se proteja não sendo
Obrigado pela paixão seder-se
À insana perdição que com juros cobra
Pela escuridão,
A compreensão por parte desse amor
Que me cobra pelos juros de seus erros.


Kaique Barros

Título: Mais Mais

Autor: Kaique Barros (todos os textos)

Visitas: 0

0 

Comentários - Mais Mais

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Como economizar energia em condomínios, empresas e edificações comerciais

Ler próximo texto...

Tema: Energias Renováveis
Como economizar energia em condomínios, empresas e edificações comerciais\"Rua
Economizar energia elétrica é importante para nós e para o planeta, já que esse recurso é produzido, em sua grande maioria, através de processos caros e extremamente prejudiciais ao meio ambiente.

O consumo racional e eficiente de energia elétrica depende de mudanças de hábito por parte dos consumidores (residenciais, comerciais e industriais), principalmente no que diz respeito a ações cotidianas.

Nesse texto selecionamos algumas dicas e informações de grande utilidade pra ajudá-los a programar o uso racional da energia elétrica em condomínios, empresas e em edificações comerciais.

Tome nota:

•Faça manutenção planejada e constante nas instalações elétricas, e não sobrecarregue os circuitos além do que foi especificado em projeto, ou pelo eletricista. A falta de manutenção e a sobrecarga dos circuitos podem causar curtos, aquecer a fiação e permitir que quantidade significativa de energia elétrica se perca pela rede, e ainda danifique a própria fiação.

•Troque todas as lâmpadas incandescentes por fluorescentes (tubulares ou compactas), e, se possível, invista na iluminação de LED. As lâmpadas de LED consomem cerca de 80% menos de energia elétrica, quando comparadas às incandescentes e duram oito vezes mais.

•Se o ambiente é muito grande, muito largo, ou muito extenso, divida a iluminação em vários circuitos. Essa medida permite o desligamento parcial de lâmpadas em desuso ou desnecessárias.

•Em áreas de pouca circulação e de permanência transitória como corredores, sanitários, garagens, áreas de serviço e copas, é recomendável a instalação de sensores de presença, mecanismos que acionam a iluminação somente quando houver circulação de pessoas.

•Em áreas cuja iluminação natural consegue ser aproveitada, podem ser também instalados sensores de fotocélulas, dispositivos que detectam automaticamente a necessidade de acionamento da iluminação artificial quando a iluminação natural é insuficiente (á noite e em dias nublados, por exemplo).

•Mantenha as luminárias sempre limpas para que a potência das lâmpadas seja 100% aproveitada.

•Pinte as paredes internas e os tetos dos ambientes com cores claras, pois essas refletem e espalham a luz para todo o ambiente.

•Troque equipamentos elétricos velhos, motores defasados, aparelhos de ar condicionados antigos, luminárias muito gastas, por modelos mais novos, que já são projetados para consumirem menos energia elétrica, e contam com selos de garantia que os qualificam com relação à eficiência.

•Faça manutenção e limpeza constantes nos aparelhos de ar condicionado. Filtros sujos exigem maior esforço dos aparelhos (maior gasto energético) no processo de refrigeração e ainda causam grande risco à saúde.

•Não deixe caixas condensadoras e resfriadoras do sistema de ar condicionados instaladas em locais onde recebam incidência solar constante. Quando recebem sol durante muito tempo esses equipamentos chegam a consumir o dobro da energia prevista, já que a utilizam primeiramente para promover o seu próprio resfriamento e só depois a refrigeração dos ambientes.

Aproveitem nossas dicas e se precisarem de mais informações, entrem em contato com um profissional capacitado.

Pesquisar mais textos:

Danília Oliveira Gonçalves

Título:Como economizar energia em condomínios, empresas e edificações comerciais

Autor:Danília Oliveira Gonçalves(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios