Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Literatura > Mais Mais

Mais Mais

Categoria: Literatura
Mais Mais

A Ordem
A ordem que me falta
Se assemelha ao que também falta
A essa pizza a que no cesto de lixo os Ratos fizeram a matinal vizita,
Por não entender ser bem-vinda
Se tanta escassez de alegria causa ao meu coração
Que chora devido essa perdição a qual me
Dispõe dentre aos restos de pizza que na caixa
Permanecia intacta até a submissa invasão
A qual sou disposto sem mais já que a ordem
Me falta até por amar e
Sentir-me desejo por alguém que,
Com prazer descentraliza a minha ordem.

Se Passa
Se passa pelo meu coração
Um turbilhão sentidos
Tão quão vazia
Fazendo da ilusão
Tão quão decorrente ao que sinto
Por essa emoção que me invade
Me deixando sem a mínima privacidade
Que sem idade
Continua a se desleixar de
Minha felicidade que se sobressaí
Decorrente a essa tão cruscial e dolorosa perdição.

Arrecadação
Arrecado além do seu ardente calor,
O seu tão premisso amor
E eloquente paixão que se sobressaí
Acima da ilusão satirizando a sua
Própria sarcásticidade que me sobrepõe
O peso das palavras ditas em episódios
Quase que totalmente não recorrentes
A qualquer coisa que fazemos
Ou há cada instantes que respiramos,
Mas também há cada segundo que paro
Somente para pensar em quem somente me deu asas
Para ao céu,
Explorar essa tamanha imensidão
Recorrente à essa paixão que como o fogo
Incendeia minha alma descatando todo esse
Episódio de ódio e
Rancor a qual sobreponho essa poesia.

Metas
Metas que apresento para
Alcançar essa insana imensidão
Que parece se distânciar de meu coração,
Massacrando a liberdade
De sentir uma emoção
Mais forte que a da paixão
Que há cada instante a que dou-me
Conta de que um dia vejo-me tocar ela,
Esse sentimento parece há cada instante
Que respiro parece se distanciar tão
Rápido quanto o raio de luz dessa emoção
De um dia te golpeia e
Acerta em cheio o meu coração
Que nunca se parece saciar a fome de amar.

Com Juros
Com juros cobro por seu amor
Substância que me atinge sem a
Complexidade de enxergar a insanidade
De quem ama sem se importar em ser amado
Por quem tanto ama
Que se deixar levar pelo coração
De quem expressa uma pureza ainda somente
É possível enxergar aos olhos de uma criança
Que sem família e
O amparo de quatro paredes
Para que do frio se proteja não sendo
Obrigado pela paixão seder-se
À insana perdição que com juros cobra
Pela escuridão,
A compreensão por parte desse amor
Que me cobra pelos juros de seus erros.


Kaique Barros

Título: Mais Mais

Autor: Kaique Barros (todos os textos)

Visitas: 0

0 

Comentários - Mais Mais

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

O meu instrumento musical avariou!

Ler próximo texto...

Tema: Instrumentos Musicais
O meu instrumento musical avariou!\"Rua
É inevitável que, mais cedo ou mais tarde, um instrumento musical precise de reparação.

Mesmo que conheçamos bem o nosso instrumento e o consigamos arranjar, na maioria das vezes é necessário um técnico para o fazer com a melhor das qualidades.

Eventualmente, nem será necessário existir um problema com o instrumento, poderá ser apenas uma questão de manutenção. 

No caso de uma guitarra, por exemplo, qualquer instrumentista é perfeitamente capaz de substituir uma corda partida e tirar da guitarra o mesmo som que ela tinha.

No entanto, existem reparações, seja uma amolgadela no tampo ou uma tarraxa arrancada, que convêm ser feitas por técnicos especializados.

Por norma, as próprias casas que vendem instrumentos musicais efectuam essas reparações ou são capazes de aconselhar técnicos para as fazer.

Mediante o instrumento musical em questão, a reparação ou manutenção poderá ser mais cara. É sempre mais fácil arranjar um técnico que repare um piano do que um que arranje oboés.

Apesar de ser normal cuidar do nosso instrumento musical regularmente, os percalços acontecem todos os dias. Para os contornar, há sempre alguém que nos poderá aconselhar melhor do que nós próprios.

Apesar de poder sair mais caro, temos também a certeza de que o nosso instrumento foi arranjado por especialistas no assunto.

Pesquisar mais textos:

Rua Direita

Título:O meu instrumento musical avariou!

Autor:Rua Direita(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários

  • luiz fabiano 18-02-2012 às 15:48:28

    boa tarde amigos preciso de um cabo flex da lcd da camera g70 se aulguem tiver mande um email obrigado

    ¬ Responder

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios