Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Arte > Pintura italiana do século XVI contada pelos pintores

Pintura italiana do século XVI contada pelos pintores

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Categoria: Arte
Visitas: 38
Pintura italiana do século XVI contada pelos pintores

Dama com unicórnio, de Raffaello Sanzio, 1506, exibe uma jovem senhora elegante a segurar um unicórnio, símbolo da virgindade. Este retrato deve ter sido realizado pouco antes do casamento da dama para a família abastada visível em pequenos pormenores: o pendente que cai sobre o regaço, a joia incrustada no cabelo e o cinto com fivela de ouro.

Deposição de Cristo, de Raffaello Sanzio, 1507, está atualmente exposta na Galeria Borghese, em Roma. Foi encomendada por uma nobre de Perugia, Atalanta Baglioni, para a igreja de San Francisco al Prato. Podemos ver nesta composição o transporte do corpo inanimado e pálido de Jesus Cristo para o Santo Sepulcro em primeiro plano, e o desespero da Vigem, pálida, quase a desmaiar, suportada pela figura de três mulheres. Ao fundo ainda vemos as três cruzes, onde foram crucificados o Bom Ladrão, Cristo e o Mau Ladrão.

Vénus com Amor com um favo de mel, Lucas Cranach, o Velho, 1531, expõe a deusa Vénus nua, com um chapéu de plumas, um colar e um véu transparente, muito alta junto a uma árvore também esta alta, destacando-se na composição. Ela tenta consolar o Amor, que foi picado pelas abelhas quando procurava um favo de mel. É uma obra que transmite uma ideia: o amor pode seguir-se de picadas de abelhas.

Danae, de Corregio, de 1531, exibe a lenda de Danae e Júpiter. Narra a lenda, Danae foi presa pelo pai Acrísio num quarto, pois segundo o oráculo o filho de Danae seria o causador da sua morte. Júpiter consegue chegar até Danae transformando-se em chuva de ouro, e esta concebe de um filho do deus do Olimpo, Perseu. Aqui na composição vemos Danae a receber a semente do deus com um ar sorridente. À beira da cama, dois Eros afiam as suas setas do amor.

Santa Cecília e São Valeriano, de Lelio Orsi, segunda metade do século XVI, apresenta Cecília e Valeriano, duas figuras destinadas a casar. Porém, Cecília tinha feito um voto de castidade. Contou ao seu marido do seu voto e este aliou-se a ela. Um anjo sobrevoa a cena para coroa-los com duas coroas de flores.


Daniela Vicente

Título: Pintura italiana do século XVI contada pelos pintores

Autor: Daniela Vicente (todos os textos)

Visitas: 38

775 

Comentários - Pintura italiana do século XVI contada pelos pintores

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Saiba como fazer divulgação a partir de casa e tenha sucesso

Ler próximo texto...

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Tema: Publicidade
Saiba como fazer divulgação a partir de casa e tenha sucesso\"Rua
Para todos os tipos de negócios, produtos ou serviços, se pretende obter resultados é fundamental divulgar. Não adianta ficar preso a ideia de que o seu trabalho é bom se ninguém sabe que ele existe. Seria como ter uma biblioteca contendo todo o tipo de informação sobre os mais variados temas no fundo do mar, ou no meio de uma floresta desconhecida. Afinal, o que faria com tanta informação se não tem acesso a ela?

Vamos entender o seguinte; quanto maior o número de pessoas receberem diariamente informação sobre o negócio em questão, maior a possibilidade de retorno, mesmo que seja de 1% ou menos. O mais importante é se fazer presente e não perder o foco, o que significa que, mesmo o retorno parecendo ser relativamente pequeno, sem nenhuma divulgação, seria um fracasso.

Dicas para fazer divulgação:

Primeiro é preciso determinar quais os veículos irá utilizar como ferramenta de marketing, depois, quanto tempo irá empregar nessa tarefa e criar um script (texto) de abordagem e apresentação que seja atraente, porém não muito extenso.

Com a oportunidade que a internet nos dá atualmente, é o meio de divulgação mais rápido, barato e prático que se pode ter, porém, não se empolgue muito. É preciso seguir alguns passos para que de fato dê certo. Usar a internet como mecanismo para divulgar, não é ficar atirando para todos os lados sem seguir uma estratégia que funcione como porta de atração.

Então, comece criando um site ou blog e contrate um serviço de hospedagem, os sites grátis têm extensão do fornecedor, o que pode tirar a característica de algo profissional, mas lembre-se de registrar um domínio, há muitos serviços de hospedagem com preço baixo.

Faça inscrição nas principais redes sociais e atualize todos os dias, é uma ótima ferramenta.
~
Crie anúncios e insira nos sites de classificados, como por exemplo, aqui no Rua Direita, que é grátis e tem grande número de visitações diárias.
Prepare uma campanha de incentivo usando o YouTube, com um vídeo explicativo de no máximo 2 minutos. O mais importante aqui é despertar o interesse para que visitem o site.

Faça uma lista de todos os seus contatos e envie informativo por e-mail, mas cuidado para não praticar spam, ou seja; enviar para quem não conhece ou não lhe autorizou. Telefone para os amigos e familiares e conte as novidades sobre o trabalho com simpatia e entusiasmo. Peça a eles indicação para que possa também falar com os contatos deles e o principal; acredite no sucesso, se empenhe com seriedade e determinação.

Pesquisar mais textos:

*lss Cabelos *

Título:Saiba como fazer divulgação a partir de casa e tenha sucesso

Autor:*lss Cabelos *(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios