Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Relacionamentos > O Que É E Como Vencer A Raiva

O Que É E Como Vencer A Raiva

Categoria: Relacionamentos
Comentários: 2
O Que É E Como Vencer A Raiva

Muitos problemas acumulados na vida das pessoas acabam gerando motivos para despertar a sua raiva que se não for controlada resulta em quebra de objetos, agressões físicas ou verbais e até mesmo gritos extremos, porém todas essas atitudes precipitadas para nada servem, pelo contrário apenas trazem prejuízos tanto para a pessoa vítima do descontrole emocional quanto para aqueles que estão ao redor.

A emoção não resolve nada, pois age no impulso sem atender as consequências. Agindo desta maneira errada o indivíduo pode até sentir um alívio, mas vai persistir a confusão dentro e ainda deixar danos emocionais ao próximo. Controle a sua raiva usando a razão que te leva a resolução dos problemas.

Não permita com que a raiva se acumule para uma outra situação crítica. Procure entender a origem do problema que gerou a raiva e elimine-o com rapidez. Você é mais forte do que a raiva quando usa a sua inteligência para resolver as situações. O fato é que controlar a raiva não é o bastante e sim o certo a fazer é arrancar ela de si e lançar fora.

Mas como? Use a sua mente e entenda o que gerou a raiva e faça de tudo para solucionar este algo errado. A raiva é um forte descontrole emocional liberado no coração que deixa o corpo alterado e pronto para agir no impulso da emoção a ponto da pessoa querer atacar. É preciso se guardar desta negatividade, caso contrário ela domina o ser humano.

Quando a raiva é gerada dentro de alguém seu interior sente vontade de expelir a energia negativa acumulada em algo ou alguém. Com isso, muitos xingam, agridem, discutem e praticam outros tipos de violência sempre de forma destrutiva.

A raiva é um dos piores inimigos da saúde pelo fato de produzir dores de cabeça, insônia, tensões musculares, inquietação e outros problemas. Pare e respire o ar antes de cometer falhas. Não aja pelo impulso, lute para se afastar das situações que provoquem este sentimento ruim. Desative a raiva, oxigene o cérebro e diminua a sensação que produz a raiva. Respire mais, pense mais antes de tomar qualquer atitude que depois seja tarde demais para consertar.

A raiva não é algo que necessite de foco, isto é, quebrar objetos, agredir pessoas ou xingar nunca vai resolver a situação. Supere a raiva criando planos para lidar com as situações que incomodam o seu íntimo. Saiba focar a sua energia de maneira certa no problema escolhendo a melhor atitude a ser tomada.

Sentir raiva não é nada saudável. Analise bem o que de fato está ocorrendo e use o conhecimento que é o melhor remédio para excluir a raiva de sua vida, pois com ele você encontra a raiz do sentimento e imediatamente procura eliminar. Não guarde mágoas e sim resolva a situação. Seja sempre racional arrancando o que incomoda de uma vez por todas sem deixar uma brecha.

Em vez de extravasar a tensão da raiva nos outros pratique exercícios que é uma ótima forma de vencer este sentimento desastroso. Em vez de explodir, utilize toda a sua energia acumulada em atividades físicas como uma caminhada por exemplo. Mas nunca podemos esquecer de que é primordial descobrir o que tem provocado a raiva.

Pode crer que sentir raiva exageradamente prejudica demais a saúde tomando o controle das emoções. Seja forte e vença este sentimento negativo. Siga as instruções e vença a raiva de uma vez por todas.


Natanael Genoel

Título: O Que É E Como Vencer A Raiva

Autor: Natanael Genoel (todos os textos)

Visitas: 0

558 

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 2 )    recentes

  • Adriana SantosAdriana dos Santos da Silva

    29-06-2014 às 18:10:34

    A raiva deve ser sempre controlada. Já fui uma pessoa bem irritada, e trabalhei isso aos poucos, dia a dia, e posso dizer - é possível!

    ¬ Responder
  • Natanael

    29-08-2014 às 19:29:47

    Com certeza! Temos que nos controlar, caso contrário traremos prejuízos.

    ¬ Responder

Comentários - O Que É E Como Vencer A Raiva

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Como cuidar de Plantas de interior

Ler próximo texto...

Tema: Bricolage Jardim
Como cuidar de Plantas de interior\"Rua
Cada planta tem um comportamento diferente, vou colocar aqui alguns cuidados que servem para a maioria delas.

LUZ:

Os principais erros no cultivo de plantas de interior é a falta de luz.
Se elas estiverem em locais onde não há luz suficiente, isso pode ser corrigido com a instalação de luz artificial, existe no mercado lâmpada que imitam a luz natural.


TEMPERATURA:

Mudanças bruscas de temperatura retardam e até paralisa o crescimento da planta, bem como causa a queda de folhas.


UMIDADE:

A maioria das plantas necessita de uma umidade atmosférica adequada.
Normalmente notamos que a planta não está com a umidade correta quando acontece ficarem amarelas e a queda de folhas.


IRRIGAÇÃO:

Conselhos básicos:
Uma planta em fase de crescimento vai precisar de mais água que uma que está em fase de dormência, ou já atingiu o seu tamanho adulto.
Durante a floração a planta precisa de mais água que em sua fase de crescimento
Em ambientes internos mais quentes é evidente que a planta vai precisar de mais águas que em ambientes mais frios.
Para saber qual é o momento exato de molhar, enfie o dedo no substrato, se sentir ele seco, chegou a hora

FERTILIZANTE:

Para que a planta tenha um desenvolvimento harmonioso convém usar periodicamente de fertilizantes que podem ser líquido ou sólidos.
No mercado existe a venda fertilizante com fórmulas específicas para cada planta.
Após a utilização do fertilizante regue a planta.

LIMPEZA:

Faça regularmente a limpeza de folhas secas e caule, pois elas são bastante positivas não só esteticamente como para a saúde das plantas.
Se estiver acumulada muita poeira sobre as folhas, espane, e depois passe um pano húmido
Atenção: Existe algumas espécies, que tem as folhas aveludadas, tipo a Violeta Africana, Begônia Rex, etc. que não deve ser colocada água é só usar uma escovinha bem macia.

TROCA DE VASO:

De uma maneira geral após 1 ou 2 anos as plantas de interior devem ser colocadas em vasos de tamanho maior.
Isso deve ser feito porque as raízes passam a ocupar um grande espaço e também porque o substrato vai perdendo sua composição inicial.
A época mais adequada varia de planta para planta, algumas devem ser feitas na primavera e outras quando estão na fase de repouso.
Aproveite para obterem mudas, separando brotos e dividindo touceiras.

Pesquisar mais textos:

Miguel Pereira

Título:Como cuidar de Plantas de interior

Autor:Miguel Pereira(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários

  • Briana AlvesBriana

    13-10-2014 às 04:09:31

    Muito bom! É tão gratificante cuidar de plantas. A gente vê o quanto elas florescem quando são bem-cuidadas. Amei as dicas!

    ¬ Responder
  • Rua DireitaRua Direita

    18-04-2014 às 22:36:55

    Fantástico seu texto, a Rua Direita agradece!

    ¬ Responder

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios