Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Imóveis Arrendamento > O que devo saber ao alugar uma casa para as minhas férias

O que devo saber ao alugar uma casa para as minhas férias

Visitas: 8
Comentários: 5
O que devo saber ao alugar uma casa para as minhas férias

Muitos de nós, chegado o tempo de férias, opta por arrendar uma casa em vez de escolher um qualquer hotel para se instalar. Seja por um curto período ou mais alargado, não nos devemos esquecer, contudo de que há direitos e deveres que deverão ser respeitados.

Quando o arrendamento for por um pequeno período de tempo, com por exemplo, uma ou duas semanas, não há necessidade de um contrato que não seja o verbal, o que não impede que opte por um contrato escrito. Caso se decida por esta última situação, deverá fazer constar no documento a identificação do senhorio e do inquilino, a duração do arrendamento, o estado de conservação do imóvel e tudo aquilo que o inquilino poderá usufruir no interior do imóvel. O contrato chega ao fim ao chegar-se à data estipulada no mesmo , sem necessidade de cumprir mais formalidades.

O contrato deverá ser sempre escrito quando se opte por arrendar um imóvel de férias por um período superior a seis meses. O documento deverá fazer referência de queo objectivo do arrendamento é para uma habitação para fins secundários, como férias, feriados e fins de semana. O contrato deverá referir também se a casa se encontra mobilda, para que assim o inquilino se torne responsável pela mobília e por todo o equipamento que lá dentro se encontre, estando obrigado a preservar e a reparar tudo aquilo que venha a danificar. Se pretender substituir alguma mobília, deverá fazer uma comunicação ao senhorio, guardá-la em boas condições e repô-la quando deixar a casa.

Quando desejar terminar o contrato, deverá comunicar a sua intenção através de carta registada com aviso de recepção e respeitar a antecedência mínima: um terço do prazo, se o contrato tiver uma duração inferior a 3 meses; 30 dias, se o mesmo durar entre 3 meses e 1 ano; 60 dias, se durar entre 1 e 6 anos; e 6 meses, se o prazo de arrendamento for igual ou superior a 6 anos. Se estes prazos não forem respeitados, o contrato renova-se automaticamente, por igual período.

Tal como o arrendamento para habitação permanente, o senhorio é obrigado a declarar as rendas nas finanças. Já o inquilino não tem de declarar os montantes gastos, não podendo deduzir as rendas que pagar.



Catarina Bandeira

Título: O que devo saber ao alugar uma casa para as minhas férias

Autor: Catarina Bandeira (todos os textos)

Visitas: 8

788 

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 5 )    recentes

  • SophiaSophia

    05-05-2014 às 06:14:34

    A Rua Direita recomenda que sempre faça um contrato por escrito e nada deverá ser verbal. Mesmo que seja uma pessoa familiar ou se vais passar pouco tempo.

    ¬ Responder
  • nilza

    12-09-2013 às 18:34:52

    Tenho uma casa que aluguei sem fazer contrato em cartorio fis um contrato o qual eu e o meu inquilino assinamos isso por cinco anos,agora faz dois anos que eles estão na casa e preciso desta casa pra minha filha morar pois ela tem tres filhos pequeno e o marido esta desempregado e nao podem pagar aluguél estou desesperada posso pedir a casa por favor me responda preciso que me ajudem obrigado

    ¬ Responder
  • nilza

    12-09-2013 às 18:32:48

    Tenho uma casa que aluguei sem fazer contrato em cartorio fis um contrato o qual eu e o meu inquilino assinamos isso por cinco anos,agora faz dois anos que eles estão na casa e preciso desta casa pra minha filha morar pois ela tem tres filhos pequeno e o marido esta desempregado e nao podem pagar aluguél estou desesperada posso pedir a casa por favor me responda preciso que me ajudem obrigado

    ¬ Responder
  • magda soares martins

    01-09-2013 às 02:49:25

    Aluguei um apartamento com contrato de seis meses vencido o contrato pedi o imóvel por ordem verbal pois estou precisando do apartamento para morar a inquilina não quer entregar e não está pagando mais o aluguel. Segundo a mesma tem o direito de ficar pois tem uma filha de 8 anos de idade e que tem direito de ficar por três meses sem pagar.

    ¬ Responder
  • Claudio

    21-04-2013 às 11:30:14

    Aluguei um imóvel e fiz uso dele 2 anos , quando fiz a entrega do imóvel tive q pinta-lo todo por dentro e fazer alguns reparos pois bem , foi feita a vistoria do imóvel pela a imobiliária , tudo certo entrega das chaves contas pagas , passado 2 meses a imobiliária entrou em contato comigo e quer que eu faça um monte de consertos no imóvel sendo q tem coisas q são frutos de tempo de uso , o que eu faço ? desde agradeço

    ¬ Responder

Comentários - O que devo saber ao alugar uma casa para as minhas férias

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Secretária em vidro

Ler próximo texto...

Tema: Mobiliário
Secretária em vidro\"Rua
A maior parte das casas tem um escritório para fazer os trabalhos relativos Á profissão ou outros. È uma divisão extremamente necessária para as pessoas se recolherem a trabalhar. Por isso o escritório deve ser um local com conforto e agradável. O ambiente torna-se extremamente importante para o recolhimento necessário e a concentração que certos trabalhos exigem. Se não se tiver no local de trabalho tem de construir-se em casa.

Em todas as profissões é útil ter uma secretária para colocar um computador portátil. Livros e outros acessórios. É uma peça de mobiliário que não se dispensa de forma nenhuma. Desde sempre que foi indispensável na escola, no escritório, na empresa. A sua funcionalidade é como a do computador que praticamente não se dispensa. Para onde se vá leva-se o computador portátil a servir de complemento.

No que diz respeito à secretária ela exige um bom material e design bonito. E de facto há secretárias muito belas desde o seu modelo ao material e design. Por exemplo uma secretária em vidro fica muito bem num escritório amplo de uma vivenda ou numa empresa particular bem decorada. Pode colocar-se também num pequeno escritório de um apartamento ou numa sala especial e decorada a gosto. Há quem prefira ter uma secretária num espaço pequeno especificamente para trabalho. Deste modo concentra-se mais nele e não pensa no que tem para fazer em casa. Ou seja, dá mais prioridade ao que eventualmente tenha que fazer numa secretária. Para além de ajudar a decorar e embelezar o espaço onde se coloca dá um certo ar de charme e gramou num ambiente. Se este for decorado com objectos bonitos de decoração e uma estante para livros dá um ar mais intelectual ao ambiente. Deste modo mais propício para o recolhimento.

Não é por acaso que muita gente prefere o seu escritório para passar as horas que dispõe no seu quotidiano ou fins – de - semana. É um local propício a pensar mais nos projectos, no trabalho e nos encargos da vida. Deste modo cada divisão da casa tem uma funcionalidade diferente e um ar distinto dos restantes.

Não quer dizer que uma secretária em vidro não fique adaptada noutro local que não seja para o trabalho de estudantes ou outros, ela pode ainda adaptar-se para embelezar ou harmonizar espaços que estejam por preencher numa casa maior ou outro local. Sem dúvida que a secretária em vidro não vai deixar mal nenhum espaço onde se coloque.

Pesquisar mais textos:

Teresa Maria Batista Gil

Título:Secretária em vidro

Autor:Teresa Maria Gil(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários

  • Rua DireitaRua Direita

    20-04-2014 às 15:52:38

    Fantástico texto! A Rua Direita agradece!

    ¬ Responder

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios