Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Saúde > Como tratar as frieiras e eritrose facial?

Como tratar as frieiras e eritrose facial?

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Categoria: Saúde
Visitas: 104
Comentários: 3
Como tratar as frieiras e eritrose facial?

Asa frieiras já são não são muito frequentes embora ainda haja pessoas com tendência para elas.
Localizam -se em espacial nas extremidades das mãos, nariz, orelhas e pés e aparecem por acção do frio associado à humidade, principalmente em mulheres jovens com problemas de circulação.

O melhor tratamento para elas são os banhos quentes e frios alternados, fricções com uma solução alcoólica e aplicação de pomada de protecção com vitamina A.

Para as prevenir deve usar-se sempre luvas quentes, peúgas de lâ e não se deve estar exposto á humidade e calor intenso.

Deve ainda cnsultar-se um médico para realizar um exame ao sistema vascular e tomar vitaminas do grupo B, pois a sua carância provoca vários problemas.




A eritrose facial é a exteriorização da rede dos vasos capilares e aparece mais nas pessoas loiras, por serem mais sensíveis às agrssões atmosféricas, tais como frio, o vento e o sol.
Os doentes com eritrose sofrem de rubores intensos e frequentes, que são provocados por emoções ou refeições abundantes. Deve proteger-se sempre a pele da cara do frio e do calor, com um protector solar, desde os vinte anos ou menos.

A profissão também pode provocar a eritrose, em especial daqueles que estão expostos ao calor ou frio e às intempéries.

Os estados de congestão da derme devem ser tratados com cremes suavizantes e protectores solares ou fazer uma destruição dos capilares, por electrocoagulação. Neste caso só pode ser feita por um dermatologista, e são necessárias várias sessões de tratamento.

Para evitar os problemas dermatológicos é necessário tomar cuidados redobrados, especialmente evitar o calor intenso ou frio, não expor a pele ao sol e beber chás de camomila ou tília para acalmar. Se a pele estiver hidratada no seu interior, isso reflecte-se também exteriormente.

O ideal é usar sempre cremes suavizantes e de protecção, não abusar do sol, mesmo na praia, optando por dar apenas um passeio ou um fazer um banho de mar. O sol intensifica os sintomas, agravando-os. Deste modo quem sofre destes problemas o melhor é abolir a praia e sair menos nas horas de calor.

Como a pele do rosto e do corpo reflecte o nosso interior, devemos fazer uma alimentação com vitaminas e leve para evitar certos problemas.


Teresa Maria Batista Gil

Título: Como tratar as frieiras e eritrose facial?

Autor: Teresa Maria Gil (todos os textos)

Visitas: 104

786 

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 3 )    recentes

  • Luene ZarcoLuene

    24-07-2014 às 20:06:39

    É muito ruim estar com frieiras, pois incomoda demais. Nem se fale a eritrose facial que prejudica nossa aparência. Que dicas sensacionais e que informações úteis.

    ¬ Responder
  • Ilma Teresinha Rodrigues

    23-05-2014 às 03:03:48

    Tenho frieiras no canto do nariz e não consigo curar. Já usei de tudo melhora um dia ou dois e reaparece.Gostaria de saber como curar? Obrigada

    ¬ Responder
  • SophiaSophia

    23-05-2014 às 16:39:57

    Olá...O tratamento para isso envolve manter o canto da boca seco, evitando algo pior e por um tempo prolongado.Use uma pomada antibiótica, como a Neomicina, por exemplo. É recomendável evitar alimentos salgados e ácidos para proteger a região e evitar dor e desconforto.
    Cumprimentos,
    Sophia

    ¬ Responder

Comentários - Como tratar as frieiras e eritrose facial?

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Como Solicitar O Seguro Desemprego - Passo A Passo!

Ler próximo texto...

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Tema: Utilidades Domésticas
Como Solicitar O Seguro Desemprego - Passo A Passo!\"Rua
O seguro desemprego é instituído pela Lei Nº 7.998, de 11 de janeiro de 1990 e que tem por finalidade prover a assistência financeira temporária ao trabalhador desempregado sem justa causa. Foi sancionado pelo presidente da República do Brasil e também é regido pela Consolidação das Leis Trabalhistas – CLT.

Este benefício é concedido a todo e qualquer trabalhador que foi dispensado apenas em regime de sem justa causa ou quando houver acordo judicial e o juiz autorizar o pagamento devido ao ex-trabalhador da empresa.

Sua duração é de 3(três) a 5(meses) de forma contínua e dependerá do tempo em que ficou empregado. O valor mensal é calculado conforme o que o trabalhador ganhava durante o período em que estava empregado.

Essa assistência financeira e temporária tem algumas regras, por isso, é muito importante conhecê-la antes mesmo de solicitá-la nos órgãos responsáveis.

Para ter direito ao benefício:


- Precisa ter a carteira devidamente assinada da empresa;
- Ter trabalhado durante 6 meses na empresa (no mínimo);
- Não ter recebido esse benefício no período de 16(dezesseis) meses ininterruptos;
- Ter sido dispensado sem justa causa.

Quem tem direito ao benefício:


- Os trabalhadores demitidos sem justa causa;
- O pescador artesanal; e
- O empregado doméstico, desde que o empregador esteja recolhendo o Fundo de Garantia de Tempo de Serviço (FGTS).

Como solicitar – Passo a passo:


1) Dirija-se à qualquer Caixa Econômica Federal ou ao M.T.E (Ministério do Trabalho e Emprego) da sua cidade munidos dos seguintes documentos:
- Rescisão contratual, carteira de trabalho devidamente dado baixa com a data de saída e assinada e carimbada pela empresa, as duas vias do seguro desemprego preenchido e fornecido pela empresa, cartão do PIS/PASEP ou o cartão cidadão, extrato do recebimento do pagamento do FGTS, comprovante de residência e os últimos 3 (três) contra-cheques;
2) Entregue todos esses documentos ao atendente. Eles vão fornecer o protocolo de entrada do seguro desemprego, vão lhe dizer quantas parcelas você tem direito e a data que você receberá a primeira (30 dias).

Bem, apenas isso e agora é só esperar para o recebimento do pagamento das parcelas. Para consultar, acesse este link: http://granulito.mte.gov.br/sdweb/consulta.jsf
Digite com seu número de PIS/PASEP e logo abaixo com o código no visor e clique em consultar. Vai abrir outra tela com as informações das parcelas.

Pesquisar mais textos:

Briana Alves

Título:Como Solicitar O Seguro Desemprego - Passo A Passo!

Autor:Briana Alves(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios