Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Outros > Aprenda 7 passos para tornar seu estudo eficiente, sem embolação

Aprenda 7 passos para tornar seu estudo eficiente, sem embolação

Categoria: Outros
Comentários: 2
Aprenda 7 passos para tornar seu estudo eficiente, sem embolação

Se você é aquele tipo de pessoa que gosta de deixar tudo para a última hora, adia todos os compromissos e perde muito tempo com coisas simples, essa matéria irá mudar você. Estudiosos realizaram pesquisas sobre esse tipo de atitude, que atinge principalmente (mas não somente) os estudantes. Pois em épocas de provas, vestibulares e trabalhos finais, momento que deveria ter foco para terminar o quanto antes as atividades e gastar o restante do tempo para conferir e corrigir, eles vão adiando tudo e acaba ficando sempre para a última hora.

Isso acontece com adultos também e segundo especialistas, esse problema tem nome: chama-se procrastinação, significado vindo do latim que quer dizer “deixar de lado ou postergar para outro dia”. Descubra algumas dicas para combater esse hábito ruim e aumentar sua produtividade.

1 – Descubra a que você quer

Em casos de estudantes que irão prestar vestibular, procure saber o que você realmente quer. Pois quando for executar uma tarefa que você precise, sentira mais motivação para fazer ela, melhorando seu desempenho.

2 – Organize-se: tenha tempo para estudar e para divertir

Organize seu tempo para que você possa estudar, comer, dormir bem (essencial) e se divertir. Você não precisa se excluir do mundo por ter que estudar, basta ter um planejamento prévio de tudo, pois além de aproveitar melhor o seu tempo, terá mais organização e produtividade. Crie um cronograma, se for o caso.

3 – Determine o tempo para cada tarefa com consciência

Seja realista com o tempo que você gastará para realizar suas atividades. Em uma tarde tranquila, que você está inspirado e determinado, é possível que você consiga terminar suas atividades para aquele dia em 2 horas. Porém, se em determinado dia você estiver cansado e desanimado, talvez seja necessário 4 horas para terminar a atividade. Use o bom senso e não tente impor horários que você não consiga cumprir, isso irá te desanimar.

4 – Não enrole

Se você fica deixando as coisas para depois, nunca terminará suas atividades e perderá muito mais tempo. Evite enrolar, pois isso pode se tornar um hábito desagradável. Pratique fazer as coisas já, sem deixar nada para depois. Seu resultado será muito mais satisfatório.

5 – Evite as distrações

Seja sincero quanto às coisas que tirem sua atenção, como videogame, Facebook, TV, celular, entre outros. Corte tudo isso, ou determine um horário específico para essa atividade, sem nenhum minuto a mais. O foco é muito importante e para pessoas que tem dificuldade de concentração, evitar essas distrações pode ajudar muito.

6 – Leve seus estudos a sério

Para estudantes universitários ou futuros estudantes, você provavelmente está se preparando para uma profissão, na grande maioria das vezes que pode assumir cargos de alto nível. Quando você arrumar um emprego, com certeza irá se dedicar o máximo em suas atividades, pois é o que você escolheu fazer. Trate os estudos da mesma maneira, pois esse hábito de levar suas atividades com seriedade será um ponto positivo para você em seu futuro.

7 – Adquira gosto pelo estudo

Em diversos casos, é necessário comer certos alimentos que fazem bem a saúde, independente de gostar ou não deles. Isso, com o tempo, trará o costume à pessoa e até ensinará a gostar do alimento. O estudo deve ser tratado da mesma maneira, principalmente em matérias que você talvez não goste tanto. Se começar a realizar determinada atividade com o pensamento de ser chata e não lhe agradar, a situação será bem difícil. Dedique-se bastante, principalmente as matérias que tem maior dificuldade. Pois quando começar a entender, verá que pode ser mais simples e prazeroso que pensava.


Lucas Souza

Título: Aprenda 7 passos para tornar seu estudo eficiente, sem embolação

Autor: Lucas Souza (todos os textos)

Visitas: 0

635 

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 2 )    recentes

  • Rafaela CoronelRafaela

    06-09-2014 às 18:42:57

    Para mim, o mais difícil é evitar as distrações, tipo manter o foco. Ainda mais que uso bastante a internet. Acredito que se tirarmos esse tempo só para isso conseguiremos nossos objetivos. Valeu pelas dicas!

    ¬ Responder
  • Daiany Nascimento

    18-09-2012 às 13:37:53

    Lucas, saiba que estas dicas são muito valiosas, principalmente para todas aquelas pessoas que desejam estudar para passar em um concurso público ou todas aquelas que enfrentam os puxados anos de estudo da faculdade. Saber tornar o estudo mais eficiente é muito importante, pois ajuda a absorver melhor o assunto estudo para fixa-lo na memória e não esquecer mais. Não posso mais deixar os joguinhos da net me atrapalharem :P devo estudar muito mais :D

    ¬ Responder

Comentários - Aprenda 7 passos para tornar seu estudo eficiente, sem embolação

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Um caminho para curar o transtorno alimentar

Ler próximo texto...

Tema: Saúde
Um caminho para curar o transtorno alimentar\"Rua
De acordo com um relatório divulgado em novembro de 2014 pelo Comitê Permanente sobre o Status da Mulher, entre 600 mil a um milhão de canadenses cumprem os critérios diagnósticos para um transtorno alimentar em um dado momento. Problemas de saúde mental com ramificações físicas graves, anorexia e bulimia são difíceis de tratar.

Os programas públicos de internação frequentemente não admitem pacientes até que estejam em condição de risco de vida, e muitos respondem mal à abordagem em grupo. As clínicas privadas costumam ter listas de espera épicas e custos altos: um quarto custa de US$ 305 a US$ 360 por dia.


Corinne lutou juntamente com seus pais contra a bulimia e anorexia por mais de cinco anos. Duffy e Terry, pais de Corinne, encontraram uma clínica na Virgínia. Hoje, aos 24 anos, ela é saudável e está cursando mestrado em Colorado. Ela e seus pais acreditam que a abordagem holística, o foco individualizado e a estrutura imersiva de seu tratamento foram fundamentais para sua recuperação.

Eles sabem que tinham acesso a recursos exclusivos. "Tivemos sorte", diz Duffy. "Podíamos pagar por tudo." Mas muitos não podem.
A luta desta família levou-os a refletir sobre o problema nos Estados Unidos. Em 2013, eles fundaram a Water Stone Clinic, um centro privado de transtornos alimentares em Toronto. Eles fazem yoga, terapia de arte e participam na preparação de refeições, construindo habilidades na vida real com uma equipe de apoio empática. Os programas funcionam nos dias da semana das 8h às 14h, e até agora, não tem lista de espera. Porém essa abordagem é onerosa: aproximadamente US$ 650 por dia.

A família criou a Fundação Water Stone - uma instituição de caridade que fornece ajuda a pacientes que não podem pagar o tratamento. Os candidatos são avaliados por dois comitês que tomam uma decisão baseada na necessidade clínica e financeira. David Choo Chong foi o primeiro a se beneficiar da fundação. Ele havia tentado muitos programas, mas nenhum foi bem sucedido. A fundação pagou metade do tratamento. Dois anos depois, Choo Chong, feliz e estável diz "Water Stone me ajudou a encontrar quem eu sou".

Pesquisar mais textos:

Roberta Darc

Título:Um caminho para curar o transtorno alimentar

Autor:Roberta Darc(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios