Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Empresariais > Dropshipping

Dropshipping

Categoria: Empresariais
Dropshipping

Dropshipping é um método de comércio em que a loja não mantém em stock os produtos que vende. Em vez disso, quando uma loja vende um produto, ela compra o item a um terceiro e envia-o diretamente para o cliente. Como resultado, o comerciante nunca vê ou manipula o produto.

A maior diferença entre o dropshipping e o modelo de comércio padrão é que o comerciante não mantém um stock do inventário nem tem posse do mesmo. Em vez disso, o comerciante adquire o inventário conforme a necessidade de uma terceira parte - geralmente um vendedor ou fabricante.

Este modelo único tem um número de vantagens e desvantagens:

Vantagens

Menos capital necessário - Provavelmente, a maior vantagem de dropshipping é que é possível iniciar uma loja de comércio eletrónico sem ter que investir milhares de euros no inventário. Tradicionalmente, os vendedores teriam que adquirir grandes quantidades de capital para inventário.

Fácil de começar - Começar um negócio de comércio eletrónico é muito mais fácil quando não tem que lidar com produtos físicos. Com dropshipping, não tem que se preocupar com:

• Gestão ou pagamento a um armazém
• Embalamento e envio de encomendas
• Controlo de stock
• Manuseio de devoluções

Baixa sobrecarga - Visto não tem que lidar com a compra de inventário ou a gestão de um armazém, as suas despesas gerais são bastante baixas. Na verdade, muitas empresas de dropshipping bem-sucedidas são geridas num escritório em casa a partir de um portátil. À medida que a empresa cresce, essas despesas provavelmente aumentam, mas os custos ainda serão relativamente baixos em comparação aos de empresas tradicionais.

Localização flexível - Um negócio de dropshipping pode ser gerido a partir de praticamente qualquer lugar com uma conexão de internet. Visto que comunica com fornecedores e clientes facilmente, pode gerir o seu negócio sem problemas.

Ampla seleção de produtos – Visto que não tem de pré-comprar os itens que vende, pode oferecer uma variedade de produtos aos seus potenciais clientes. Se os fornecedores colocam um item em stock, pode listar à venda no seu site, sem qualquer custo adicional.

Escala fácil - Com um negócio tradicional, se receber três vezes mais negócios, geralmente precisa fazer de três vezes mais trabalho. Ao alavancar fornecedores de dropshipping, a maioria do trabalho para processar pedidos adicionais é suportada pelos fornecedores, o que lhe permite expandir com menos dores de crescimento e menos trabalho incremental. O crescimento das vendas trará sempre trabalho adicional - especialmente relacionadas com o atendimento ao cliente - mas os negócios utilizam a escala de dropshipping particularmente bem em relação a empresas de comércio eletrónico tradicionais.

Todos esses benefícios fazem do dropshipping um modelo muito atraente para os iniciantes e comerciantes estabelecidos. Infelizmente, o dropshipping não é um mar de rosas e arco-íris. Tudo a conveniência e flexibilidade tem um preço:

Margens baixas – Visto que o negócio é tão fácil de começar - e os custos indiretos são tão mínimos - muitos comerciantes irão vender itens a preços baixíssimos como tentativa de aumentar as receitas.

Problemas de inventário - Se colocar em stock os seus próprios itens, é relativamente simples de controlar quais itens estão dentro e fora de stock. Mas quando existe a terceirização de vários armazéns, que também estão a cumprir ordens para outros comerciantes, existem alterações de inventário diariamente.

Complexidades de transporte - Se trabalha com vários fornecedores, o mesmo irá complicar os seus custos de envio.

Erros de fornecedor - Já foi culpado de algo que não foi culpa sua, mas teve que aceitar a responsabilidade pelo erro de qualquer maneira?

O dropshipping não é uma maneira perfeita sem stress de construir um negócio bem-sucedido. O modelo tem algumas vantagens concretas, mas vem com uma série de complexidades e problemas internos que precisa de ser capaz de resolver eficazmente.


Jerónimo Diogo Magalhães

Título: Dropshipping

Autor: Jerónimo Diogo Magalhães (todos os textos)

Visitas: 0

246 

Comentários - Dropshipping

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

A arte de trabalhar a madeira

Ler próximo texto...

Tema: Serviços Construção
A arte de trabalhar a madeira\"Rua
A carpintaria constitui, digamos assim, a arte de trabalhar a madeira. É claro que, de acordo com o produto final, se percebe bem que uns carpinteiros são mais artistas do que outros…

Às vezes nem se trata tanto dos pormenores, mas mesmo de desvirtuar o que era a ideia inicial e constava da encomenda. Mal comparado, quase se assemelha à situação daquela aspirante a costureira que pretendia fazer uma camisola para o marido e, no fim, saíram umas calças!

Na construção civil, a madeira é utilizada para diversos fins, temporários ou definitivos. Na forma vitalícia (esperam os clientes!) incluem-se estruturas de cobertura, esquadrias (portas e janelas), forros, pisos e edifícios pré-fabricados.

Quase todos os tipos de madeira podem ser empregues na fabricação de móveis, mas alguns são preferidos pela sua beleza, durabilidade e utilidade. É conveniente conhecer as características básicas de todas as madeiras, como a solidez, a textura e a côr.

Ser capaz de identificar o género de madeira usado na mobília lá de casa pode ajudar a determinar o seu real valor. Imagine-se a possibilidade de uma cómoda velha, que estava prestes a engrossar o entulho para a recolha de lixo, ter sido feita com o que hoje se considera uma madeira rara.

É praticamente equivalente a um bilhete premiado do Euromilhões, dado que se possui uma autêntica relíquia! Nestes casos, a carpintaria entra na área do restauro e da recuperação. Afinal, nem tudo o que é velho se deita fora…

Por outro lado, as madeiras com textura mais fraca são frequentemente manchadas para ganhar personalidade. Aqui há que remover completamente o acabamento para se confirmar a verdadeira natureza da madeira.

É assim também com muita gente: tirando a capa, mostram-se autenticamente. Mas destes, nem um artificie com “bicho-carpinteiro” consegue fazer nada…!

Pesquisar mais textos:

Rua Direita

Título:A arte de trabalhar a madeira

Autor:Rua Direita(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários

  • Luene ZarcoLuene

    23-09-2014 às 13:23:35

    Uma excelente técnica que penso ser muito bonito e sofisticado. A arte de trabalhar madeira está sempre em desenvolvimento e crescimento.

    ¬ Responder
  • Rua DireitaRua Direita

    01-06-2014 às 05:18:46

    É ótimo o trabalho com a madeira. Pode-se perceber grandes obras que se faz com ela. Realmente, é uma verdadeira arte!
    Cumprimentos,
    Sophia

    ¬ Responder

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios