Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Desporto > Passe o testemunho

Passe o testemunho

Categoria: Desporto
Visitas: 2
Comentários: 1
Passe o testemunho

Costuma dizer-se que «em equipa vencedora não se mexe». Pois, no caso da corrida em equipa é a própria que tem de se mexer…! Efectivamente, se correr é uma acção individual, nas estafetas o sucesso advém da coordenação entre todos os atletas, tirando, inclusive, partido do esforço dos mais fracos. Na realidade, a sincronização pode valer muito mais do que a superioridade física dos adversários.

As estafetas constituem provas de corrida em que concorrem grupos de quatro atletas, cada qual percorrendo porções iguais da trajectória. Nos Jogos Olímpicos, as estafetas só se aplicam às corridas de velocidade (quatro vezes 100 metros e quatro vezes 400 metros), mas também são considerados recordes mundiais de outras distâncias em pista (quatro vezes 200 metros, quatro vezes 800 metros e quatro vezes 1500 metros). Em estrada, as estafetas pressupõem distâncias superiores, como acontece no corta-mato, onde são admitidas, igualmente, equipas com mais de quatro membros.

O objecto que nunca pode faltar nas provas de estafeta é o testemunho. Trata-se de um tubo liso, de secção circular, feito de madeira, metal ou outro material rígido. Nas competições oficiais não pode pesar menos de 50 gramas e mede entre 28 e 30 centímetros. É entregue na zona de transmissão, que tem 20 metros. Este comprimento permite ao receptor do testemunho começar a correr antes de o receber, no sentido de aproveitar todas as preciosas fracções de segundo. Não obstante, o facto de se encontraram os dois em movimento reforça a necessidade de coordenação entre eles aquando da passagem, que deve ser feita com os dois a praticar a velocidade máxima. O testemunho pode ser passado de baixo para cima (técnica ascendente) ou de cima para baixo (técnica descendente), mas nunca atirado.

Os corredores são obrigados a permanecer nos seus corredores ao longo de todo o percurso, excepção feita para quando o testemunho cai. Nesse caso, e se não houver ninguém nas pistas contíguas, o último atleta que o transportava pode invadi-las, se não prejudicar ninguém, a fim de o recuperar.

A corrida de estafetas, praticada desde cedo nas escolas, é muito estimulante para os alunos, sendo um elemento educativo de grande relevo. Efectivamente, ela fomenta a socialização, valorizando o trabalho em equipa, onde não há lugar a discriminações, uma vez que até a prestação do membro mais fraco é fundamental para o resultado final. De resto, além dos quatro vezes cem metros, pode optar-se por distâncias menores: quatro vezes 60 metros e quatro vezes 80 metros. Portanto, o que interessa é munir-se de roupa e calçado adequado, arranjar um testemunho e … começar a correr!



Maria Bijóias

Título: Passe o testemunho

Autor: Maria Bijóias (todos os textos)

Visitas: 2

804 

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 1 )    recentes

  • Yuri SilvaYuri

    10-10-2014 às 15:39:30

    Esclareceu-me muito acerca do testemunho nas corridas. Valeu mesmo!

    ¬ Responder

Comentários - Passe o testemunho

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Futuro da Tecnologia, Qual o Limite?

Ler próximo texto...

Tema: Informática
Futuro da Tecnologia, Qual o Limite?\"Rua
Futuro da Tecnologia, Qual o Limite?

Bom, Não é de hoje que tecnologia vem surpreendendo a todos nós com grandes revoluções e os custos que diminuem cada vez mais.
Hoje em dia é comum ver crianças com smarthphones com tecnologia que a 10 anos atrás nem o celular mais moderno e caro do mercado tinha.
Com isso surgiram sugiram vários profetas da tecnologia e visionários, tentando prever qual será o próximo passo.

E os filmes retratam bem esse tema e usam essa formula que atrai a curiosidade das pessoas.
Exemplos:

Minority report - A nova lei de 2002 (Imagem)

Transcendence de 2014

Em Transcendence um tema mais conspiratório, onde um ser humano transcende a uma consciência artificial e assim se torna imortal e com infinita capacidade de aprendizagem.
Vale a pena ver tanto um quanto o outro filme. Algumas tecnologias de Minority Report, como utilizar computadores com as mãos (caso do kinect do Xbox 360 e One) e carros dirigidos automaticamente, já parecem bem mais próximo do que as tecnologias vistas em Transcendence, pois o foco principal do mesmo ainda é um tema que a humanidade engatinha, que é o cérebro humano, a máquina mais complexa conhecida até o momento.

Eu particularmente, acredito que em alguns anos teremos realmente, carros pilotados automaticamente, devido ao investimento de gigantes como o Google e o Baidu nessa tecnologia.

Também acho que o inicio da colonização de Marte, vai trazer grandes conquistas para humanidade, porém grandes desafios, desafios esses que vão nos obrigar a evoluir rapidamente nossa tecnologia e nossa forma de encarar a exploração espacial, não como um gasto, mas sim como um investimento necessário a toda humanidade e a perpetuação da sua existência.

A única salvação verdadeira para humanidade e para o planeta terra, é que seja possível o ser humano habitar outros planetas, seja localizando planetas parecidos com a terra ou mudando planetas sem condições para a vida em planetas habitáveis e isso só será possível com gente morando nesses planetas, como será o caso do Marte. O ser humano com a sua engenhosidade, aprendeu a mudar o ambiente a sua volta e assim deixou de ser nômade e da mesma forma teremos que aprender a mudar os mundos, sistemas, galáxias e o universo a nossa volta.

Espero que tenham gostado do meu primeiro texto.
Obrigado à todos!
Até a Próxima!


Pesquisar mais textos:

Érico da Silva Kaercher

Título:Futuro da Tecnologia, Qual o Limite?

Autor:Érico da Kaercher(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios