Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Publicidade > O impacto da publicidade

O impacto da publicidade

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Categoria: Publicidade
Visitas: 112
Comentários: 3
O impacto da publicidade

São muitos os organismos que se queixam da agressividade que a publicidade provoca no consumidor e na pressão que cria para a formação de uma sociedade consumista, isto é que consome desmedidamente, fenómeno que pode causar o endividamento das famílias que, na Europa, dizem os estudos, é muito acima do aceitável. Contudo, será que as praticas publicitárias que as marcas utilizam para dar visibilidade do seu produto são excessivas? Será que constituem objeto de análise por parte das entidades responsáveis pela defesa do consumidor? Ou será que são atos sem qualquer tipo de malefício diretamente acarretado?

Na minha opinião, a publicidade não passa de mais um item da máquina chamada empresa e é extremamente fundamental para que esta funcione sem problemas e não sofra quebras tão facilmente, digamos que a publicidade é o óleo que faz a maquina conservar-se por mais tempo e resistir aos ciclos de expansão e contração económicos, ao aparecimento de substitutos, entre outros fatores que podem provocar abalos na produção, alem disso a publicidade é a rampa de lançamento de qualquer empresa, pois sem se dar a conhecer ao público-alvo é muito difícil criar mercado ou penetrar num mercado já existente com todos os contratempos que isso acarreta.

Posto isto, a publicidade por mais que incentive ao consumo (pois essa é uma das suas principais funções) de forma desmedida, desde que esta não seja fraudulenta, isto é, não dê a conhecer todos os pontos, quer positivos quer negativos, do produto ou serviço em questão, ela não cria qualquer malefício, aliás esta poderá trazer grandes benefícios à economia em geral em alturas chave, como crises económicas em que o consumidor retraí a sua despesa, assim incentivando o consumo dá-se um empurrão à economia, fazendo com que as empresas escoem o seu produto, possam aumentar a sua produção, criando postos de trabalho ou derivado de ganhos e avanços tecnológicos, alcancem melhores resultados e derivado disto possam remunerar melhor os seus trabalhadores o que vai aumentar o poder de compra, que é um indicador do bem-estar de uma população, assim podemos concluir que em casos especiais a publicidade é um impulso à melhoria no bem-estar de uma população.

Concluindo, a publicidade que muitas vezes é “acusada” de ser um dos grandes responsáveis pelas praticas consumistas existentes, não é diretamente responsável por tais hábitos, pois esta desde que socialmente responsável é apenas um instrumento das empresas que pode até criar melhorias no nível de vida das populações e impulsionar o crescimento de um país.

Vitor Costa

Título: O impacto da publicidade

Autor: Vitor Costa (todos os textos)

Visitas: 112

773 

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 3 )    recentes

  • SophiaSophia

    19-05-2014 às 02:47:41

    A publicidade precisa ser comedida, principalmente, com relação a crianças. Muitas vezes, os pais são altamente influenciados e pressionados. Mas, de qualquer forma, mesmo que a publicidade seja impactante, as pessoas precisam tomar decisões próprias!
    Cumprimentos,
    Sophia

    ¬ Responder
  • M.L.E.- Soluções de ClimatizaçãoJCAP

    06-10-2010 às 21:12:05

    E a publicidade para incitar as crianças a comprar brinquedos?

    Não é maléfica?

    Falta de etica nessas empresas.

    ¬ Responder
  • Maria

    11-06-2013 às 18:36:02

    Depende do ponto de vista, podemos levar em consideração o seguinte fato: uns dos fatores que faz mais uma empresa vender seu produtos é as propagandas, de modo que ela faz sua parte, ou seja, faz o que tem como objetivo vender, então fica critério dos responsáveis se vai comprar para a criança ou vai educá-la de modo ela posso saber que nem tudo podemos ter, em todos os momentos. Podemos concluir de modo simples que cada instituição tem seu objetivo, de modo que não prejudique ninguém faz o possível para realizar o que tem como dever! Pense mais antes de fazer um comentário, sou uma menina de 12 anos e posso perceber isso de moda claro e espero que você não me leve a mal, #ficaadica

    ¬ Responder

Comentários - O impacto da publicidade

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Manutenção Automovel

Ler próximo texto...

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Tema: Automóveis
Manutenção Automovel\"Rua
Faça você mesmo a revisão do seu automóvel e poupe dinheiro em oficinas. Primeiro verifique com a ajuda de outra pessoa a iluminação exterior. Uma pessoa fica no interior do carro e liga as luzes, verifique á frente os mínimos, os médios, os máximos e os piscas. Depois atrás verifique os mínimos os stop a marcha atrás e o farol de nevoeiro.

A seguir verifique a iluminação do interior do veículo e do painel de instrumentos e a afinação do travão de mão.

Agora está na hora de verificar os filtros de ar, gasóleo e habitáculo. Dependendo da utilização eles podem fazer em média 40.00km, se estiverem sujos substitua-os por novos.

A seguir vem a mudança do óleo este em geral pode-se retirar pelo bujão de vazamento do cárter, convém substituir a anilha e o filtro de óleo. O óleo novo deve respeitar as especificações do fabricante, verificar no livro de manual de utilizador do veículo os litros de óleo do motor. Meter o óleo novo pelo bucal superior do motor com a ajuda de um funil, o nível do óleo não pode ultrapassar o máximo. Se não sabe a quantidade de óleo deite 4 litros e depois verifique o nível pela vareta de verificação de nível e vá deitando até chegar ao nível certo.

Agora é preciso verificar as pastilhas de travões, hoje em dia como quase todos os veículos têm jantes especiais consegue verificar sem desmontar as rodas. Substituir se necessário as pastilhas, ao desmontar repare como desmonta para depois voltar a montar tudo de novo. Por fim verifique a pressão dos pneus com um manómetro, a pressão indicada varia de carro pra carro se não sabe a pressão indicada ponha 2.2bar que é em média a pressão que todos utilizam.

Convém dizer que qualquer material que precise basta procurar numa loja de peças auto próxima de si ou então encomendar via net pois existem vários sites especializados em peças e materiais de manutenção auto. Vai ver que não custa nada se eu aprendi você também pode aprender e além disso fica a conhecer melhor o seu carro.

Com isto tudo pode poupar em média 200€ por cada revisão.
Obrigado e até a próxima.

Outros textos do autor:
Manutenção Automovel

Pesquisar mais textos:

Vendas Online

Título:Manutenção Automovel

Autor:Vendas Online(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários

  • Rua DireitaRua Direita

    17-06-2014 às 04:55:10

    Há inúmeros benefícios para fazer a manutenção do automóvel, pois isso garante melhor preservação do veículo e se prolonga o uso por muitos e muitos anos.
    Cumprimentos,
    Sophia

    ¬ Responder

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios