Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Saúde > 10 Etapas para pôr fim aos micróbios

10 Etapas para pôr fim aos micróbios

Categoria: Saúde
10 Etapas para pôr fim aos micróbios

Decerto já ouviu falar da relevância de lavar as mãos. É considerado o procedimento mais importante na prevenção de contágio, nomeadamente na prestação de cuidados de saúde. As mãos são consideradas o maior veículo de transmissão de infecções, principalmente no decorrer de um tratamento. Tal sucede porque as mãos raramente estão isentas de microorganismos, quer sejam residentes (os que se multiplicam na pele e fazem parte da sua flora habitual), quer sejam transitórios (apenas utilizam as mãos como veículo – não se multiplicam na pele).

As nossas mãos estão em permanente contacto com o mundo exterior: com elas conectamos com os outros, manuseamos dinheiro, transportamos objectos, comemos, etc. Visto assim, é muito fácil compreender com é fácil contaminarmo-nos , contaminarmos os outros ou aquilo que comemos.

A Organização Mundial de Saúde lança alertas recorrentes sobre o tema, referindo os riscos da ausência desta prática, defendendo que deve ser executada de uma forma contínua e recorrente. Com a intuito de dar ainda mais importância a esta medida como verdadeira promotora da saúde e preventiva da doença, a Organização Mundial de Saúde instituiu o dia 15 de Outubro como Dia Mundial da Lavagem da Mãos. Mas se este dia é deveras importante para relembrar a necessidade de manter as mãos limpas, mais importante é saber como fazê-lo. Decore estes passos e repita-os regulamente:

1 – Passe as mãos por água.

2 – Coloque sabão numa das mãos.

3 – Esfregue palma com palma.

4 – Esfregue a palma da mão esquerda sobre o dorso da mão direita e vice-versa.

5 – Esfregue a palma contra a palma com os dedos entrelaçados.

6 - Esfregue o dorso dos dedos contra a palma oposta, com os dedos encaixados.

7 – Execute fricção rotacional do polegar direito encaixado na palma esquerda e vice-versa.

8 – Realize fricção rotacional para trás e para a frente com os dedos juntos da mão direita sobre a palma esquerda e vice-versa.

9 – Passe as mãos por água corrente.

10 – Seque as mãos com folhas papel descartável.

Se é importante lavar as mãos quando estão visivelmente sujas, é igualmente importante fazê-lo quando o perigo não é visível. Relembre quando deve lavar as mãos:

- depois de mexer em objectos sujos ou potencialmente contaminados;
- depois de espirrar, tossir ou de se assoar;
- depois de ir à casa-de-banho;
- depois de contactar com animais;
- antes e depois de contactar com pessoas acamadas ou doentes;
- antes de manipular ou consumir alimentos.



Cláudia Bandeira

Título: 10 Etapas para pôr fim aos micróbios

Autor: Cláudia Bandeira (todos os textos)

Visitas: 0

584 

Comentários - 10 Etapas para pôr fim aos micróbios

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

O que é uma Open House?

Ler próximo texto...

Tema: Imóveis Venda
O que é uma Open House?\"Rua
Este é um tema que vem pôr muito a lindo o trabalho de alguns mediadores imobiliários e do seu trabalho.

Quando temos um imóvel para vender, muitos são os métodos a utilizar e os meios que nos levam até eles para termos o nosso objetivo cumprido – A venda da Casa.
Quando entregamos o nosso imóvel para que uma mediadora o comercialize, alguns aspetos têm de ser tidos em conta, como a legalidade da empresa e quem será a pessoa responsável pela divulgação da sua casa, mas a ansia de vermos o negócio concretizado é tanta, que muitas vezes nos escapa a forma como fazem a referida divulgação e publicidade do imóvel.

Entre anúncios na internet e as conhecidas folhas nas montras dos estabelecimentos autorizados, muitas mediadoras optam por fazer uma ação que está agora muito em voga que é uma Open House. Mas afinal, o que é isto de nome estrangeiro que tanto se vê pelas ruas e em folhetos de anúncio?

Ora bem, a designação em Português é muito simples – Casa Aberta. E na realidade, uma Open House é isso mesmo. Abrir uma Casa para que todos a possam ver. NO entanto, requerem-se alguns aspetos que as mediadoras normalmente preveem, mas que é fundamental que o proprietário do imóvel também tenha consciência e conhecimento.

Por norma as imobiliárias só fazem este tipo de intervenção e ação em imóveis que têm como exclusivo, isto é, quando é uma só determinada mediadora, a autorizada a poder comercializar o imóvel.

Em segundo lugar, este tipo de ação de destaque requer à mediadora custos com tempo, recursos humanos e financeiros.
A mediadora começa por marcar um dia próprio que por norma é datado para um feriado ou fim de semana. Faz então publicidade local através de folhetos e flyres anunciando a Open House, o dia e a hora, tal como o local. Muito provavelmente serão tiradas fotografias ao seu imóvel.

Através de redes sociais também poderão ser divulgadas as ações.
No dia da Open House, o local será indicado com publicidade da sua casa e da imobiliária e começarão a aparecer visitas ao imóvel.

Sugiro que não tenha mobiliário e muito menos valores em casa. O ideal será o imóvel estar desocupado de todos e quaisquer bens, por uma questão de segurança, mas também porque as áreas parecerão maiores e isso com toda a certeza ajuda à venda.

A imobiliária será responsável pela limpeza e trato do imóvel, pelo que se ocorrerem danos, serão eles os responsáveis.
Neste tipo de ações, é normal que a concorrência das imobiliárias apareça e faça parcerias que para si só trará vantagens.

Uma Open House pode não ser uma ação de destaque em Portugal, mas por exemplo nos Estados Unidos, é o normal e mais agradável. Os clientes não se sentem pressionados como numa visita normal e os negócios concretizam-se com muito mais rapidez e naturalidade.

Pesquisar mais textos:

Carla Horta

Título:O que é uma Open House?

Autor:Carla Horta(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios