Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Saúde > A Intimidade Depois Dos 50

A Intimidade Depois Dos 50

Categoria: Saúde
A Intimidade Depois Dos 50

Os anos passam e com eles vêm as transformações físicas do corpo humano. As comportamentais também não são esquecidas, levando estas últimas a reações por vezes incompreendidas. Os órgãos sofrem alterações, sendo que o sistema reprodutor passa igualmente por uma grande modificação.

A par com todas elas também a sexualidade, quer da mulher quer do homem, tem respostas diferentes nas mais diversas etapas da vida, sendo umas mais estimulantes que outras. Depois dos 50 anos, as respostas se.... são alteradas não implicando necessariamente respostas negativas ou uma atividade se.... menos estimulante.

O que é mesmo muito importante para que a vida sexual seja satisfatória é que homens e mulheres mantenham uma vida com qualidade, para que continuem a encarar a sexualidade como fazendo parte dessa mesma vida.

O que muda nas mulheres
Quando uma mulher entra na fase da menopausa verifica-se que os níveis de estrogénio descem significativamente. É a falta desta hormona que implica a mudança de comportamentos da mulher face à sua sexualidade. As secreções vaginais que contribuem para uma sexualidade plena de desejo e prazer tendem a diminuir levando a que as relações sejam menos frequentes. Isto acontece porque a fase de excitação fica mais demorada, ficando por vezes até comprometida. O desejo também fica menos evidente e a penetração fica mais difícil.

Cabe ao casal ter uma atitude de compreensão e encarar estas situações com naturalidade. Existe no mercado farmacêutico alguns lubrificantes que podem dar uma ajuda.

O que muda nos homens
Com o passar dos anos os homens começam a verificar que demoram mais tempo para atingir uma ereção plena e para que tal aconteça é necessário um maior tempo de estimulação. Surgem muitas vezes nesta fase da vida a disfunção eréctil que é muitas vezes consequência dos medos e dos mitos que se referem ao desempenho se.... depois dos 50 anos.

Nunca esqueça
Há mesmo quem afirme que para se ter uma vida com saúde é necessário a prática de se.. com prazer e que a prática de se.. com prazer contribui igualmente para uma vida com saúde. A sexualidade não é apenas a simples penetração, podendo esta ser valorizada também pelas manifestações de carinho e pela partilha da intimidade.


Isabel Costa

Título: A Intimidade Depois Dos 50

Autor: Isabel Costa (todos os textos)

Visitas: 0

626 

Comentários - A Intimidade Depois Dos 50

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

O meu instrumento musical avariou!

Ler próximo texto...

Tema: Instrumentos Musicais
O meu instrumento musical avariou!\"Rua
É inevitável que, mais cedo ou mais tarde, um instrumento musical precise de reparação.

Mesmo que conheçamos bem o nosso instrumento e o consigamos arranjar, na maioria das vezes é necessário um técnico para o fazer com a melhor das qualidades.

Eventualmente, nem será necessário existir um problema com o instrumento, poderá ser apenas uma questão de manutenção. 

No caso de uma guitarra, por exemplo, qualquer instrumentista é perfeitamente capaz de substituir uma corda partida e tirar da guitarra o mesmo som que ela tinha.

No entanto, existem reparações, seja uma amolgadela no tampo ou uma tarraxa arrancada, que convêm ser feitas por técnicos especializados.

Por norma, as próprias casas que vendem instrumentos musicais efectuam essas reparações ou são capazes de aconselhar técnicos para as fazer.

Mediante o instrumento musical em questão, a reparação ou manutenção poderá ser mais cara. É sempre mais fácil arranjar um técnico que repare um piano do que um que arranje oboés.

Apesar de ser normal cuidar do nosso instrumento musical regularmente, os percalços acontecem todos os dias. Para os contornar, há sempre alguém que nos poderá aconselhar melhor do que nós próprios.

Apesar de poder sair mais caro, temos também a certeza de que o nosso instrumento foi arranjado por especialistas no assunto.

Pesquisar mais textos:

Rua Direita

Título:O meu instrumento musical avariou!

Autor:Rua Direita(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários

  • luiz fabiano 18-02-2012 às 15:48:28

    boa tarde amigos preciso de um cabo flex da lcd da camera g70 se aulguem tiver mande um email obrigado

    ¬ Responder

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios