Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Evangélicas > Carta De Jesus Cristo Para Seus Filhos: Dor Da Redenção

Carta De Jesus Cristo Para Seus Filhos: Dor Da Redenção

Categoria: Evangélicas
Visitas: 2
Carta De Jesus Cristo Para Seus Filhos: Dor Da Redenção

“Pois todos pecaram e carecem da glória de Deus, sendo justificados gratuitamente, por sua graça, mediante a redenção que há em Cristo Jesus.” (Romanos 3.23-24)

Filhos,
Me sacrifiquei por vocês! Meu coração não aguentava mais vê-los sofrer neste mundo. A dor que sofri para trazer redenção a todos valeu a pena. Não aguentava mais ouvir o gemido de almas sofrendo por conta da falta da glória de Deus. Vocês deveriam sentir nojo de seus pecados e de si mesmos por lançar toda a sua tristeza como alimento sobre a minha redenção.

Lembre-se da época em que sorríamos juntos. Eu sofri para ver você sorrir. Levei chicoteadas fortes nas costas e por todo o corpo para que hoje você pudesse ouvir minhas Palavras. Como golpes de fivelas de cinto em minha alma recebi seus pecados. Aquilo doía muito, mas não tanto comparado a tristeza que senti por ver você mergulhado na vida promíscua. Filho, meu filho! Saiba que te amo e que os complexos que você carregava foram vencidos por mim. As coisas cabulosas que você praticava foram sepultadas na cruz pelo meu sangue derramado.

Te busquei por aqueles dias onde ressuscitei. Te convidei para te acompanhar em sua vida. Você me aceitou. Se lembra? É ótimo viver contigo, meu filho. Nunca te deixarei só. Pode o mundo inteiro te odiar, mas eu nunca deixarei de te amar. Sei que pensa que não merece mais que Eu seja teu companheiro. Sei que se sente machucado por conta de ter errado tanto na vida. Mas eu me machuquei muito mais por você para provar que meu amor é maior que uma dor física. Durante anos busquei a sua presença meu filho. Lamento por você ter me deixado só no lado de fora. Espero um dia te encontrar novamente. Quero cuidar de ti. Vida em abundância te ofereço!

Sou seu Pai, não se lembra de mim? Eu te levava todos os dias para sentir a brisa de meu Espírito. Eu passeava em seu coração. Pois é, meu filho! Você se afastou de mim, mas eu nunca me afastei de você. Ex-filho não existe! A minha doce presença quero te dar. Convicto fico esperando que você faça a sua parte. Sabes muito bem que nada você é sem mim.

Filho responde cheio de lágrimas nos olhos: Obrigado, meu Pai! Eu lhe suplico perdão! Perdão pela ausência de seu Espírito. Eu fazia boas orações e até aconselhava muitas pessoas, mas me desviei. Me perdoe! Eu fiz coisas erradas que não era para ter feito. Senhor Jesus, não consigo mais enxergar a sua face. Me sinto perdido e desprezado. Milhões de erros acumulei dentro de mim.

Eu não me esqueço dos dias em que precisei chorar de tanta aflição aqui dentro. E em outros momentos chorava por não ter palavras boas para expressar. Sinto inveja de muitas pessoas que entraram junto comigo na Casa de Deus, mas que se cuidaram e aqui no mundo não querem ficar. Eu sinto o peso! Eu sinto o peso de minha vida errada.

Meu filho, eu nunca entenderei a razão pela qual você quis se afastar de mim. Eu tinha direito de me irar contra ti, mas não me irei porque eu sempre te amarei. Você me fez sofrer por algumas horas por conta de seus pecados que me castigaram na cruz. Quero ser teu grande amigo! Não quero ver apenas seu lamento e sim enxugar suas lágrimas de dor. Eu arranco esse rancor e todos os sentimentos ruins de seu coração. Eu lhe ofereço a minha redenção que com sacrifício consegui para você!

Agora meu filho, use o dom da fé que há dentro de ti. Sozinho você não pode mudar. Então conte comigo! Seja breve, meu filho!

Filho, eu te amei e para sempre te amarei. Eu te transformo em outra pessoa! Só Eu posso te fazer feliz, mas somente com a minha redenção você pode. Não se preocupe, filho! A vida continuará e contigo a minha Presença estará.


Natanael Genoel

Título: Carta De Jesus Cristo Para Seus Filhos: Dor Da Redenção

Autor: Natanael Genoel (todos os textos)

Visitas: 2

467 

Comentários - Carta De Jesus Cristo Para Seus Filhos: Dor Da Redenção

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

O que é uma Open House?

Ler próximo texto...

Tema: Imóveis Venda
O que é uma Open House?\"Rua
Este é um tema que vem pôr muito a lindo o trabalho de alguns mediadores imobiliários e do seu trabalho.

Quando temos um imóvel para vender, muitos são os métodos a utilizar e os meios que nos levam até eles para termos o nosso objetivo cumprido – A venda da Casa.
Quando entregamos o nosso imóvel para que uma mediadora o comercialize, alguns aspetos têm de ser tidos em conta, como a legalidade da empresa e quem será a pessoa responsável pela divulgação da sua casa, mas a ansia de vermos o negócio concretizado é tanta, que muitas vezes nos escapa a forma como fazem a referida divulgação e publicidade do imóvel.

Entre anúncios na internet e as conhecidas folhas nas montras dos estabelecimentos autorizados, muitas mediadoras optam por fazer uma ação que está agora muito em voga que é uma Open House. Mas afinal, o que é isto de nome estrangeiro que tanto se vê pelas ruas e em folhetos de anúncio?

Ora bem, a designação em Português é muito simples – Casa Aberta. E na realidade, uma Open House é isso mesmo. Abrir uma Casa para que todos a possam ver. NO entanto, requerem-se alguns aspetos que as mediadoras normalmente preveem, mas que é fundamental que o proprietário do imóvel também tenha consciência e conhecimento.

Por norma as imobiliárias só fazem este tipo de intervenção e ação em imóveis que têm como exclusivo, isto é, quando é uma só determinada mediadora, a autorizada a poder comercializar o imóvel.

Em segundo lugar, este tipo de ação de destaque requer à mediadora custos com tempo, recursos humanos e financeiros.
A mediadora começa por marcar um dia próprio que por norma é datado para um feriado ou fim de semana. Faz então publicidade local através de folhetos e flyres anunciando a Open House, o dia e a hora, tal como o local. Muito provavelmente serão tiradas fotografias ao seu imóvel.

Através de redes sociais também poderão ser divulgadas as ações.
No dia da Open House, o local será indicado com publicidade da sua casa e da imobiliária e começarão a aparecer visitas ao imóvel.

Sugiro que não tenha mobiliário e muito menos valores em casa. O ideal será o imóvel estar desocupado de todos e quaisquer bens, por uma questão de segurança, mas também porque as áreas parecerão maiores e isso com toda a certeza ajuda à venda.

A imobiliária será responsável pela limpeza e trato do imóvel, pelo que se ocorrerem danos, serão eles os responsáveis.
Neste tipo de ações, é normal que a concorrência das imobiliárias apareça e faça parcerias que para si só trará vantagens.

Uma Open House pode não ser uma ação de destaque em Portugal, mas por exemplo nos Estados Unidos, é o normal e mais agradável. Os clientes não se sentem pressionados como numa visita normal e os negócios concretizam-se com muito mais rapidez e naturalidade.

Pesquisar mais textos:

Carla Horta

Título:O que é uma Open House?

Autor:Carla Horta(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios