Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Animais Estimação > Dê umas férias ao seu cão

Dê umas férias ao seu cão

Categoria: Animais Estimação
Comentários: 4
Dê umas férias ao seu cão

Se vai de férias e o hotel não aceitar o seu cão, e não tiver com quem o deixar, a opção poderá passar pela escolha de um hotel para animais.

Nos dias de hoje, um hotel para cães é um local agradável onde cada animal tem um tratamento personalizado, onde lhes dão muitos mimos, além de comida, água fresquinha, boxes individuais, e muitas vezes com direito a passeio diário.

Na hora de escolher, há que levar em conta certos requisitos importantes, uma vez que um hotel para animais devera reunir as melhores condições para que eles se sintam confortáveis. Assim, não se decida pelo primeiro hotel que encontrar: pesquise na internet, aconselhe-se com amigos ou colegas que já optaram por esta soluçáo, e visite os diversos locais, comparado condições e preços.

Em cada hotel que visitar, peça para ver o espaço e as instalações. Verifique se estão limpas e cuidadas, e se o espaço exterior é suficiente para que o seu cão possa brincar e passear. Deverá haver um sistema de conduta de água para todas as boxes, para que haja sempre água fresquinha para matar a sede. Estas deverão também estar abrigadas do frio e da chuva, e sempre com uma temperatura ideal e sem variações.

O hotel deverá ter também serviço de banhos e tosquias, já que o seu cão poderá precisar.

Veja se o hotel tem um veterinário de presença constante, para que o seu cão possa ser tratado em caso de necessidade.

Valorize os hotéis que oferecem aos seus hóspedes um treino e passeios diários.

Todos os hotéis deverão pedir o boletim de vacinas do seu amigo de estimação. Se não lho pedirem, é caso para desconfiar.

Todavia, há também certas regras que o dono do futuro hóspede deverá cumprir: certifique-se que o seu cão não tem pulgas e parasitas internos. Desparasite o seu cão pouco tempo antes de o levar para o hotel e faça o mesmo depois dele regressar a casa.

Com todos estes cuidados, certamente que o seu cão se via divertir e lhe irá agradecer com muitas lambidelas.,aquando do seu regresso a casa.



Catarina Bandeira

Título: Dê umas férias ao seu cão

Autor: Catarina Bandeira (todos os textos)

Visitas: 0

654 

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 4 )    recentes

  • M.L.E.- Soluções de Climatização

    26-10-2012 às 09:38:08

    Tadinho dos boichos...

    ¬ Responder
  • Sofia NunesSofia Nunes

    17-09-2012 às 15:06:32

    Os cães também merecem ir de férias! Obviamente que esse é um luxo que não está ao alcance de todas as carteiras –e nesse caso o animal deve ser deixado ao cuidado de um familiar responsável-, mas quem quer e pode proporcionar aos seus fiéis companheiros todos os cuidados e divertimentos de que estes necessitam enquanto os donos estão ausentes certamente não se irá arrepender de alojar o seu cão num hotel dedicado a eles.

    ¬ Responder
  • M.L.E.- Soluções de ClimatizaçãoDuarte F.

    15-04-2009 às 02:45:47

    Sim, bom e muito diferente do que leio por ai sobre animais de estimação. Valeu.

    ¬ Responder
  • M.L.E.- Soluções de ClimatizaçãoFigoete

    15-04-2009 às 00:29:34

    No brazil não há muito cão de estimação ao gato. os animais estão muito abandonados. o teu texto sobre tópico foi muito bonito. bigado

    ¬ Responder

Comentários - Dê umas férias ao seu cão

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Autobiografia de Alice B. Toklas, de Gertrude Stein, pela primeira vez em Portugal

Ler próximo texto...

Tema: Literatura
Autobiografia de Alice B. Toklas, de Gertrude Stein, pela primeira vez em Portugal\"Rua
Gertrude Stein foi uma escritora de peças de teatro, de peças de opera, de ficção, de biografia e de poesia, nascida nos Estados Unidos da América, e escreveu a Autobiografia de Alice B. Toklas, vestindo a pele, e ouvindo pela viva voz da sua companheira de 25 anos de vida, os relatos da historia de ambas, numa escrita acessível, apresentando situações caricatas ou indiscretas de grandes vultos da arte e da escrita da sua época. Alice B. Toklas foi também escritora, apesar de ter vivido sempre um pouco na sombra de Stein. Apesar de ambas terem crescido na Califórnia, apenas se conheceram em Paris, em 1907.


Naquela altura, Gertrude vivia há quatro anos com o seu irmão, o artista Leo Stein, no numero 27 da rue de Fleurus, num apartamento que se tinha transformado num salão de arte, recebendo exposições de arte moderna, e divulgando artistas que viriam a tornar-se muito famosos. Nestes anos iniciais em Paris, Stein estava a escrever o seu mais importante trabalho de início de carreira, Three Lives (1905).


Quando Gertrude e Alice se conheceram, a sua conexão foi imediata, e rapidamente Alice foi viver com Gertrude, tornando-se sua parceira de escrita e de vida. A casa, como se referiu atrás, tornou-se um local de reunião para escritores e artistas da vanguarda da época. Stein ajudou a lançar as carreiras de Matisse, e Picasso, entre outros, e passou a ser uma espécie de teórica de arte, aquela que descrevia os trabalhos destes artistas. No entanto, a maior parte das críticas que Stein recebia, acusavam-na de utilizar uma escrita demasiado densa e difícil, pelo que apenas em 1933, com a publicação da Autobiografia de Alice B. Toklas, é que o trabalho de Gertrude Stein se tornou de facto reconhecido e elogiado.


Alice foi o apoio de Gertrude, foi a dona de casa, a cozinheira, grande cozinheira aliás, vindo mais tarde a publicar algumas das suas receitas, e aquela que redigia e corrigia o que Gertrude lhe ditava. Assim, Toklas fundou uma pequena editora, a Plain Editions, onde publicava o trabalho de Gertrude. Aliás, é reconhecido nesta Autobiografia, que o papel de Gertrude, no casal, era o de marido, escrevendo e discutindo arte com os homens, enquanto Alice se ocupava da casa e da cozinha, e de conversar sobre chapéus e roupas com as mulheres dos artistas que visitavam a casa. Depois da morte de Gertrude, Alice continuou a promover o trabalho da sua companheira, bem como alguns trabalhos seus, de culinária, e um de memórias da vida que ambas partilharam.


Assim, este livro que inspirou o filme “Meia noite em Paris”, de Woody Allen, é um livro a não perder, já nas livrarias em Portugal, pela editora Ponto de Fuga.

Pesquisar mais textos:

Liliana Félix Leite

Título:Autobiografia de Alice B. Toklas, de Gertrude Stein, pela primeira vez em Portugal

Autor:Liliana Félix Leite(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios