Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Receitas > Cuscuz marroquino, delícia das Arábias.

Cuscuz marroquino, delícia das Arábias.

Categoria: Receitas
Visitas: 4
Cuscuz marroquino, delícia das Arábias.

Cuscuz Marroquino

Você já comeu ou ouviu falar no cuscuz marroquino? Tenho certeza que sim.
O cuscuz marroquino é uma comida típica da Região do Magrebe, Norte da África, onde fica localizado o Marrocos.
Posso afirmar para vocês que o cuscuz marroquino é uma das receitas de comida árabe mais conhecida no mundo, junto com o kibe e a esfiha.
Feito à base de sêmola de trigo, também conhecida como semolina, substitui facilmente o arroz, ou as massas.
Existem várias receitas do cuscuz marroquino, hoje vamos ensinar a receita tradicional.

Ingredientes

1 kg de sêmola de trigo (semolina)
150 g de grão-de-bico (deixe de molho um dia antes)
100 g de uvas passas sem caroço (deixe de molho um dia antes)
100 g de amêndoas sem casca
8 Sobrecoxas de frango (pode ser substituído por 1 frango inteiro ou pedaços de peito)
4 cebolas médias (cortadas em pétalas, coloque a cebola em pé e corte de cima para baixo ao meio depois ao meio novamente, depois separe as pétalas)
1 cebola picada
1½ colher de sopa de curry
1 colher de chá de pimenta-da-Jamaica
1 colher de chá de zimbro
480 ml de água com sal (2 xícaras de chá)
2,5 l de água
250 g de manteiga
4 cardamomos
1 pitada açafrão
1 vidro de molho de pimenta

Modo de preparo

Na parte de baixo da cuscuzeira, doure em aproximadamente 150 g de manteiga, primeiramente a cebola picada e depois acrescente o frango.
Quando estiverem bem dourados acrescente o grão-de-bico, as uvas passas, os demais temperos, a água e as cebolas cortadas em pétalas.
Deixar cozinhar.
Separadamente, molhe a sêmola com a água com sal. Faça isso aos poucos.
Depois disso, coloque a sêmola na parte de cima da cuscuzeira para que ela cozinhe ao vapor do cozimento do frango. Deixe por aproximadamente 1 hora.
Verifique se o encaixe da cuscuzeira está bem vedado.
Próximo passo é colocar a sêmola cozida em uma vasilha grande. Misture aproximadamente 50 g da manteiga e arrume em forma de um anel.
Doure as amêndoas na manteiga restante.
Espalhe o molho de frango com os temperos por cima.
Decore com as amêndoas douradas.
Na hora de servir, leve o molho de pimenta para que cada um se sirva ao seu gosto.

Espero que tenham gostado. Iremos publicar outros tipos de cuscuz marroquino para vocês.


Pedro Ganem

Título: Cuscuz marroquino, delícia das Arábias.

Autor: Pedro Ganem (todos os textos)

Visitas: 4

0 

Comentários - Cuscuz marroquino, delícia das Arábias.

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Como fazer disfarces de Carnaval

Ler próximo texto...

Tema: Vestuário
Como fazer disfarces de Carnaval\"Rua
O ano começa e depressa chega uma data muito ansiada principalmente pelos mais jovens: o desejado Carnaval!

Esta é uma data que os pequenos adoram e deliram com as fantasias. O problema maior é a despesa que os disfarces representam e no ano seguinte já não usarão o mesmo disfarce ou, no caso dos mais pequenos, já não lhes serve.
O melhor nesta data é mesmo reciclar e aprender a fazer disfarces caseiros utilizando truques mais económicos e materiais reciclados para preparar as fantasias dos pequenitos!

Uma sugestão para os meninos é o traje de pirata que pode facilmente ser criado a partir de peças que tenha em casa. Procure uma camisa de tamanho grande e, de preferência, de cor branca com folhos. Se não tiver uma camisa com estas características facilmente encontrará um modelo destes no guarda-vestidos de alguma familiar, talvez da avó.

Precisará de um colete preto. Na falta do colete pode utilizar um casaco preto que esteja curto, rasgue as mangas pelas costuras dos ombros. As calças devem ser velhas e pretas para poderem ser cortadas na zona das pernas para envelhecer a peça. Coloque um lenço preto ou vermelho na cabeça do menino e, de seguida, com um elástico preto e um pouco de velcro tape um dos olhos.

Para as meninas não faltam ideias originais para fazer disfarces bonitos e especiais para este dia. Uma ideia original é a fantasia de Flinstone. É muito fácil e prática de fazer e fica um disfarce muito bonito. Comece por arranjar um pedaço de tecido branco. Coloque o tecido em volta do corpo como uma toalha de banho e depois amarre num dos braços fazendo uma alça. Depois corte as pontas em ziguezague mantendo um lado mais comprido que o outro. Amarre o cabelo da menina todo no cimo da cabeça, como se estivesse a fazer um rabo-de-cavalo mas alteie-o mais. Com o auxílio de um pente frise o cabelo, pegando nas pontas e passando o pente em sentido contrário até que fique todo despenteado. Numa loja de disfarces compre um osso de plástico e prenda na fita da criança.

Pegue nos materiais, puxe pela imaginação e ponha mãos ao trabalho!

Pesquisar mais textos:

Rua Direita

Título:Como fazer disfarces de Carnaval

Autor:Rua Direita(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários

  • Rua DireitaRua Direita

    09-06-2014 às 04:01:21

    Não em carnaval, mas em bailes de fantasia, sempre usei o TNT. Eles são ótimos para trabalhar o corte, para costurar e deixa bem bonito!
    Cumprimentos,
    Sophia

    ¬ Responder

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios