Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Telemóveis > O uso do telemóvel em locais públicos

O uso do telemóvel em locais públicos

Categoria: Telemóveis
Visitas: 14
Comentários: 3
O uso do telemóvel em locais públicos

O uso do telefône celular em locais públicos precisa ser visto não apenas como regra de etiqueta mas também de respeito aos outros, dependendo do lugar em que se está. Sabemos que o telefône móvel facilita e amplia as relações e essas facilidades se estendem as relações de trabalho, minimizam as preocupações com a família, uma vez que é possível falar a longa distância e em qualquer lugar, por isso, a produção dos aparelhos de telemóveis estão em franca expansão e cada vez mais se vê a importância na utilização desses serviços mas mesmo assim, mesmo se tratando de assuntos tão pertinentes, nem sempre o lugar em que se está é o lugar conveniente para uma conversa ao celular.

Vamos ilustrar melhor, imagine-se dentro do cinema, assistindo um filme muito intenso, com legenda rápida e, a pessoa sentada ao lado, recebe uma ligação cuja chamada é daquelas com música eletrônica bem alta e ao atender a pessoa comece a falar alto, pois o aúdio do filme é alto, se for uma briga então, é horrível, dá vontade de tomar o telefône da pessoa e desligar.

Outra situação igualmente deselegânte é dentro de um teatro, assistindo uma bela e emocionante peça e, na última fila alguém comece a falar do trabalho. Reparou que nessa situação, todos desviam a atenção da peça e olham em direção à pessoa que fala ao telefône celular? Imagine que até a própria pessoa se sente constrangida ao sentir os olhares de reprovação, pois bem, não vamos passar por esse constrangimento,ok?

Essa é uma simples idéia de como é totalmente desaprovado tal comportamento, mesmo que já tenhamos feito algo assim, quando acontece com o outro, de modo que nos incomode, aí então descobrimos que é desagradável. A intenção não é exagerar, claro que se por algum motivo, se estiver aguardando uma ligação muito importante, deve-se atender, desde que se considere que não é preciso que as outras pessoas participem da ligação, falar num tom mais baixo possível, se não estiver audível para a outra pessoa que está na linha, ela mesma dirá, portanto não precisa-se gritar, colocar o telefône no modo vibrar silêncioso. Os aparelhos desenvolvidos para telefonia móvel, são fabricados com microfônes sensíveis que captam perfeitamente sons baixos.

Por tanto, usar os telemóveis em locais públicos como no ônibus, na biblioteca, no cinema, no teatro, dentro de uma loja, no restaurante, na escola, etc..., deve-se sempre se respeitar o direito do outro e o próprio de ser o único em participar da conversa.


Sílvia Baptista

Título: O uso do telemóvel em locais públicos

Autor: Sílvia Baptista (todos os textos)

Visitas: 14

782 

Imagem por: JesReeves

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 3 )    recentes

  • Luene ZarcoLuene

    29-10-2014 às 12:07:27

    Acredito que vai do bom senso e educação da pessoa. Numa palestra atrapalha bastante, na igreja, enfim se for muito urgente é melhor sair do ambiente sem incomodar. É preciso haver respeito aos outros.

    ¬ Responder
  • SophiaSophia

    02-06-2014 às 15:30:19

    É verdade! Devemos respeitar nosso próximo e não incomodar ao falar alto no telefone. Também é horrível quando toca na sala de aula enquanto o professor está dando seu conteúdo, ou na igreja quando o pastor está ministrando. É bom deixar no silencioso ou atender apenas em caso de emergência.
    Cumprimentos,
    Sophia

    ¬ Responder
  • Sofia NunesSofia Nunes

    15-09-2012 às 13:30:33

    Gostei do seu texto, devia servir de alerta para muitas pessoas que usam, ou permitem que os filhos usem, os telemóveis em espaços públicos e principalmente em situações sociais. Quem nunca passou pela situação de, estando a ver um filme com um amigo ou amiga, distrair-se devido ao som das teclas do telemóvel dessa pessoa que, ao invés de estar atenta, prefere manter uma conversa com alguém do outro lado do ecrã? É verdadeiramente frustrante.

    ¬ Responder

Comentários - O uso do telemóvel em locais públicos

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Cães e Humanos: Amizade por interesses

Ler próximo texto...

Tema: Animais Estimação
Cães e Humanos: Amizade por interesses\"Rua
Não é de hoje que os cães são considerados nossos melhores amigos, porém como toda amizade ela não é totalmente incondicional e livre de interesses, pense bem, você pode discordar a princípio, mas analise a fundo e verá que tenho razão.

Cães convivem conosco a mais de 10mil anos, foi lá atrás na pré história que essa amizade começou, uma das mais duradouras da história. Teorias dizem que essa conexão iniciou pois ambas as espécies precisavam de algo que não possuíam e juntos se completaram.

Em plena era do gelo onde a sobrevivência estava sendo testada a todo vapor, aquele lobo considerado mais corajoso se encontrou com um homem também corajoso e resolveram unir forças, talvez não conscientemente, mas deu certo para ambos, e ali iniciava uma amizade que duraria por milênios.

Nesse estágio da nossa história, corríamos perigo de sobrevivência; faltava comida, segurança e energia ! ... E então percebemos que esses lobos simpáticos poderiam nos dar uma vantagem na corrida contra a morte, afinal eles caçavam muito bem , coisa que tínhamos dificuldade em fazer pela falta de energia naquele momento; então pensamos, eles nos ajudam a caçar, nós dividimos o alimento e em troca eles ganham segurança e afeto, e foi assim que essa amizade nos ajudou a enfrentar todos os percalços do caminho, e hoje evoluímos tanto que não precisamos mais de seus serviços e ainda sim continuam sendo nossos melhores amigos, posso dizer então que realmente é uma amizade verdadeira, que surgiu da dificuldade e interesses mas que não se deixou abalar por nada.

Então, agora quando virmos alguém maltratar esses animais, desdenhar deles dizendo que "não prestam pra nada", "não fazem nada de útil", como a galinha que põe ovos, ou a vaca que dá leite, lembremo-nos o quão útil eles foram na nossa caminhada, não só no quesito físico mas também no emocional, numa época em que as aparências não importavam e nem o QI para se fazer um amigo, bastava ser corajoso o bastante pra ultrapassar barreiras e conhecer mais o outro, do jeito que ele viesse, garanto que vantagens incríveis nascerão dessa amizade, e não pense em vantagens como algo ruim, quando digo penso em a vantagem da gente se sentir o humano mais importante do mundo quando esses seres peludos nos olham nos olhos sem pedir mais nada em troca, damos e recebemos carinho como nunca, uma retribuição silenciosa a quem sempre esteve do nosso lado, no pior e melhor momento.

O maior interesse em uma amizade é que ela dure para sempre, e acho que com os Cães conseguimos isso.

Pesquisar mais textos:

Lara Lavic

Título:Cães e Humanos: Amizade por interesses

Autor:Lara Lavic(todos os textos)

Imagem por: JesReeves

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios