Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Telemóveis > Fraca recepção de rede

Fraca recepção de rede

Categoria: Telemóveis
Comentários: 3
Fraca recepção de rede

As empresas operadoras de telefonia móvel, oferecem serviços que visam atender as necessidades do homem moderno, esses serviços deram inicio a uma nova categoria de segmentos que a princípio, a idéia era apenas de se ter um meio de comunicação móvel verbal. Seguindo tendências e visando um novo público alvo que seriam os jovens, os fabricantes de aparelhos de telemóvel deram a largada na produção de aparelhos em que fosse possível o envio de mensagens de texto, logo as operadoras prestadoras de serviço, passaram a oferecer o serviço de torpedo e MSM, veículando em propagandas e oferecendo como bônus para que todos conhecessem, o que não demorou muito a acontecer.

Obtendo sucesso acima do esperado com serviços, pois pessoas de todas as idades aderiram, o serviço prestado pelas operadoras de telefonia móvel se estendeu mais uma vez, sendo então para recebimento de e-mails mediante registro e disponibilidade do pacote de serviços contratado e de acordo com o tipo do aparelho celular. Mais uma vez foi um sucesso, de modo que os fabricantes de aparelhos telemóvel, hoje produzem em larga escala, telefônes de ultima geração, agora é possível consultar extratos, jogar, filmar, fotografar, ouvir rádio, assistir tv com recepção digital, fazer agenda, adicionar contatos, receber imagens e navegar na internet além do próposito principal ao qual foi destinado que é fazer e receber ligações.

A proposta de se estar conectado à rede via telemóvel, foi muito bem recebida pelo fato de atender toda a demanda de necessidades que se apresenta na atualidade, seja pessoal ou profissional. Ter um telemóvel que ofereça esses serviços, já é uma realidade, infelizmente, nem sempre esse processo de interatividade é possível, ás vezes para conseguir estar na rede se tem que ficar andando de um lado para outro buscando sinal, há momentos em que a recepção de rede fica muito fraca.

O que acontece é que as células de recepção distribuidas por cidade, ou seja; por antenas de transmissão e recepção, estando o telemóvel muito distante dessas antenas, o sinal fica cada vez mais fraco. O melhor a ser feito para minimizar a fraca recepção, é optar por uma operadora de serviços de telefonia móvel, que atue em todo o território nacional ou quando não, que tenha recepção de qualidade em sua cidade e nos municípios próximos, perguntando sempre sobre a quantidade de antenas distribuídas e dar preferência aos aparelhos que tenham melhor tecnologia, para que com esse conjunto possa atender as expectativas.

Sílvia Baptista

Título: Fraca recepção de rede

Autor: Sílvia Baptista (todos os textos)

Visitas: 0

692 

Imagem por: daniel9d

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 3 )    recentes

  • Briana AlvesBriana

    31-10-2014 às 12:28:50

    Um dos maiores problemas e reclamações dos usuários de internet. Nem sempre a rede está com qualidade e isso prejudica bastante a conexão. Mas, espero que melhore com os novos recursos e tecnologias de ponta!

    ¬ Responder
  • SophiaSophia

    02-06-2014 às 16:02:35

    É algo muito questionável por não atender a demanda. No Brasil, a internet, rede ainda é lenta comparando-se a outros países.
    Cumprimentos,
    Sophia

    ¬ Responder
  • antonioantonio

    19-04-2011 às 21:49:43

    tenho 2 telemoveis de cada operadora... e nada beco-macinhata do vouga

    ¬ Responder

Comentários - Fraca recepção de rede

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Os primeiros brinquedos

Ler próximo texto...

Tema: Brinquedos
Os primeiros brinquedos\"Rua
O brinquedo é mais do que um objecto para a criança se divertir e distrair, é também uma forma de conhecer o mundo que tem ao seu redor e para dar asas à sua imaginação. Desta forma, os brinquedos sempre estiveram presentes na sociedade.

Os primeiros brinquedos datam de 6500 anos atrás, no Japão, em que as crianças brincavam com bolas de fibra de bambu. Entretanto há 3000 anos surgiram os piões feitos de argila e decorados, na Babilónia.

No século XIII apareceram os soldadinhos de chumbo, porém só eram acessíveis às famílias nobres. Cinco séculos mais tarde, apareceram as caixas de música, criadas por relojoeiros suíços.

As bonecas são muito antigas, surgiram enquanto figuras adoradas como deusas, há 40 mil anos, mas a primeira fábrica abriu apenas em 1413 na Alemanha. Barbie, a boneca mais famosa do mundo, foi criada em 1959, mas ainda hoje é das mais apetecíveis pelas crianças.

O grande boom dos brinquedos aconteceu quando se descobriu o plástico para o fabrico. Mesmo assim, muitas famílias não podiam comprar brinquedos aos filhos, como tal, estes utilizavam diversos tipos de materiais e construíam os seus próprios brinquedos.

Actualmente, as crianças têm acesso a uma enorme variedade de brinquedos, desde bonecas, a carros telecomandados, a videojogos… Educativos ou apenas lúdicos, há de tudo e para todos os gostos e preços.

Pesquisar mais textos:

Rua Direita

Título:Os primeiros brinquedos

Autor:Rua Direita(todos os textos)

Imagem por: daniel9d

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários

  • umdolitoys 23-01-2013 às 05:46:38

    Adorei a reportagem! e tenho algo para vocês verem!!

    Espero que gostem!!!

    ¬ Responder
  • sofia 22-07-2012 às 21:56:29

    Achei muito interecante e muito legal saber que ano foi fabricadoas bonecas

    ¬ Responder

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios