Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Bricolage Jardim > Fitoterapia – o uso medicinal de plantas

Fitoterapia – o uso medicinal de plantas

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Categoria: Bricolage Jardim
Visitas: 6
Comentários: 1
Fitoterapia – o uso medicinal de plantas

A Fitoterapia vai buscar às plantas os seus benefícios, para serem aplicados em infusões, chás, extratos nas doenças internas e, como sabão e água na dermatologia.

As infusões são muito usadas em perturbações nervosas e funcionais. Normalmente devem ser tomadas três vezes ao dia.

As plantas podem ainda ser utilizadas em banhos calmantes ou em tratamentos de beleza.

De entre as plantas medicinais, com propriedades terapêuticas mais usadas e benéficas, salientam-se a erva- cidreira que é usada para perturbações gástricas; a hortelã- pimenta estimula os sucos digestivos e tem um efeito antisséptico, a hepática é uma planta diurético e è usada contra cólicas biliares e a mangerona atua como sedativo do sistema nervoso.

Por outro lado, o serpão, è um poderoso antisséptico , contra o catarro das vias respiratórias.

Os seus banhos são fortificantes para os nervos e servem ainda para tratar feridas. o extrato entra na composição de gotas contra a tosse convulsa, brônquios, gripe e tosse.

O hipericão utiliza-se muito e fitoterapia e é um excelente remédio para contusões , usado sob a forma de creme. Faz bem ao sistema digestivo e fígado. O toxiendro serve de primeiros socorros; trata articulações, entorses e outras lesões.

A calêndula e verbasco são normalmente utilizados na forma de óleo. O verbasco é ainda aconselhável para diminuir dores de ouvidos, em crianças e adultos. A calêndula, è universal no tratamento de feridas e, acelera a sua cicatrização.

Para o estômago devemos utilizar a melissa que é sedativa e indicada para flatulências, o funcho e cominhos .

A urtiga estimula as funções do fígado e da vesícula biliar. O chá de camomila é um dos vários chás que podem aliviar as náuseas. O gengibre pode ajudar a acalmar o estômago perturbado e, uma infusão de funcho, camomila e sementes de endro diminui as cólicas.

Estas são algumas das plantas mais usuais, benéficas e muito fáceis de encontrar ara usufruir dos seus inúmeros benefícios.

Não desperdice o seu precioso contributo. Aumente a sua ingestão.


Teresa Maria Batista Gil

Título: Fitoterapia – o uso medicinal de plantas

Autor: Teresa Maria Gil (todos os textos)

Visitas: 6

777 

Imagem por: James Bowe

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 1 )    recentes

  • Briana AlvesBriana

    15-10-2014 às 14:07:56

    As plantas possuem um poder alto sobre as várias doenças, dores que sentimos. Um excelente remédio natural que permite dar ao ser humano bem estar melhor que qualquer química. A fitoterapia é fantástica!

    ¬ Responder

Comentários - Fitoterapia – o uso medicinal de plantas

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Contador de moedas

Ler próximo texto...

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Tema: Material Escritório
Contador de moedas\"Rua
O mundo dos negócios exige um grande dispêndio de energia e muitas horas de trabalho. No entanto hoje já é possível fazer recurso da alta tecnologia para poupar tempo e dinheiro. O recurso às funções do computador para o comércio facilita e atrai muitos clientes para empresas e comerciantes. No que diz respeito a contas é possível fazer uma contagem rápida e eficaz do dinheiro, sem passar horas a contar e com o risco de engano. É por isso que cada vez mais pessoas ligadas a negócios e serviços optam por adquirir um contador de moedas. Deste modo sabem que poupam tempo e não falham na sua contagem.

Dos inúmeros equipamentos que a alta tecnologia põe ao dispor, este é sem dúvida um equipamento que beneficia em muito o trabalho de muita gente. Por ser pequeno é muito cómodo e exige pouco espaço, ou melhor pode ser colocado em qualquer lugar.

Torna-se evidente que as novas tecnologias vieram para simplificar a vida e trazem muitas vantagens, rentabilizam e poupam tempo. No caso do contador de moedas, sem enganos, falhas e complicações. É o ideal para ter num escritório de uma empresa, em escolas, cafés, pastelarias, salões de jogos, bancos, cinema, serviços financeiros e de tesouraria e outros ligados a serviços públicos e privados.

Em resumo, se está ligado a qualquer trabalho de comércio ou serviços pode poupar muto tempo e problemas apenas colocando um equipamento destes no seu espaço de trabalho. As suas vantagens são inúmeras, em especial: permite realizar uma contagem rápida das moedas dividindo-as e fazendo a sua soma, conta o total das moedas, o valor total em cada tipo de moedas e a quantidade de todas as moedas.

Contem e separa no mínimo duzentas e vinte moedas por minuto, sem erro, conta e separa tudo no mesmo equipamento, permite alimentar o aparelho com quantidades entre as trezentas e quinhentas moedas de cada vez e continuar a adicionar mais moedas enquanto está a contar. Além disso o aparelho pode ser programado para separar um número de moedas predeterminado.

O seu design é bastante inovador e resistente. Os materiais de elevada qualidade, de fácil ligação e paragem automática.

Possui uma elevada funcionalidade, baixo consumo (70W), pouco peso, aproximadamente quatro kg, velocidade ultra rápida, pequena dimensão e estão todos certificados pela EU. Deste modo também possuem garantia, são fáceis de usar e de arrumar.

As suas funções práticas permitem que o contador de moedas possa estar em qualquer lugar.

Pesquisar mais textos:

Teresa Maria Batista Gil

Título:Contador de moedas

Autor:Teresa Maria Gil(todos os textos)

Imagem por: James Bowe

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios